Menu
2020-10-28T15:15:44-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
Deu pane no sistema

Ações da Microsoft despencam mesmo após bons resultados trimestrais

As ações negociadas em Nasdaq (MSFT) caíam 3,85% por volta das 14h46, cotadas a US$ 204,84.

28 de outubro de 2020
15:15
Microsoft
Microsoft - Imagem: Shutterstock

A gigante da tecnologia, Microsoft, tem registrado fortes quedas em suas ações, nesta quarta-feira (28), mesmo após o bom resultado do primeiro trimestre fiscal, divulgado na última terça. As ações negociadas em Nasdaq (MSFT) caíam 3,85% por volta das 14h46, cotadas a US$ 204,84. Já seu BDR (MSFT34), que é negociado na Bovespa, cai 3,12%, coDtado a R$ 49,00.

Leia também:

A inesperada queda ocorreu após a sua previsão para o segundo trimestre fiscal (que é quando lançará seu novo modelo de Xbox) ter apontado para uma receita de US$ 39,5 bilhões a US$ 40,4 bilhões, o que fica abaixo da expectativa de especialistas, de US$ 40,5 bilhões.

A previsão impactou tanto a empresa que as ações, que antes subiam cerca de 1%, caíram logo após a teleconferência em mais de 1%. Dessa forma, na negociação pré-mercado nesta quarta, as ações despencaram 2,6%.

Resultado da Microsoft

A Microsoft registrou um lucro líquido de US$ 13,89 bilhões no primeiro trimestre fiscal, um crescimento de 30% na comparação com igual período do ano anterior. O lucro por ação diluído ficou em US$ 1,82, alta de 32% no ano e acima da previsão de US$ 1,54 dos analistas consultados pelo FacSet.

Além disso, a receita da empresa ficou em US$ 37,154 bilhões, alta anual de 12%.

Após o balanço, a ação tinha alta de 0,26% no after hours em Nova York, às 17h23 (de Brasília).

Ainda assim, em relatório, a Microsoft afirma que a demanda por seus serviços em nuvens garantiram um início forte no ano fiscal, com a receita no serviço em nuvem comercial ficando em US$ 15,2 bilhões, alta de 31% na comparação anual.

*Com informações do Estadão Conteúdo

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Que pi… é essa?

Eu decidi sair do banco, mas não queria entrar em uma enrascada. Bem, acredito que eu tenha encontrado um portal para fugir dessa Caverna do Dragão das finanças. E cá estou para explicar essa descoberta.

em meio à crise

Em reunião com empresários, Bolsonaro defende vacinação e diz não ter preocupação com CPI da Covid

Presidente e ministros participaram de uma videoconferência com o grupo que reúne os 50 maiores grupos privados do País

seu dinheiro na sua noite

Ação da Moura Dubeux caiu 50% desde o IPO. Ficou barata?

O ano de 2020 começou promissor para a economia brasileira e com boas perspectivas para a chegada de novas empresas à bolsa. A temporada de IPOs se iniciou nos primeiros dias de fevereiro, com a estreia da construtora Mitre, seguida da empresa de tecnologia Locaweb. Mais para meados do mês, vimos a abertura de capital […]

ampliação de sortimentos

Lojas Americanas compra Imaginarium e prevê aumentar marcas próprias

Companhia anunciou aquisição do Grupo Uni.co, mas não revelou valores; com negócio, Americanas avança sobre varejo especializado em franquias

FECHAMENTO

Mercado olha desconfiado para Orçamento e Ibovespa acompanha queda do exterior; dólar fica estável

Com a agenda de indicadores esvaziada e a véspera de feriado, os investidores acabaram optando pela cautela

Prioridade na Casa

Câmara aprova requerimento de urgência sobre projeto de privatização dos Correios

A medida permite que a proposta “fure” a fila de votação de projetos e pode agilizar o processo de desestatização

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies