Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2021-12-17T19:16:01-03:00
Carolina Gama
ROXO DE VERGONHA

O rei está nu? Para o BTG, Nubank quase não tem espaço para subir na bolsa; veja a projeção para os papéis do banco digital

A combinação de uma valorização elevada e um momento ruim podem tornar a ação uma aposta muito arriscada

17 de dezembro de 2021
13:34 - atualizado às 19:16
Fachada da sede do Nubank
Fachada da sede do Nubank - Imagem: Divulgação / Nubank

O Nubank tem muito do que uma fintech pode desejar: uma marca amada, milhões de clientes engajados e um fundador aspiracional. Com um valor de mercado de US$ 46 bilhões, já é a instituição financeira mais valiosa do Brasil. 

Mas nem tudo são flores no caminho do roxinho. O BTG Pactual iniciou a cobertura do Nubank fixando o preço-alvo para os papéis em US$ 10,00 ao fim de 2022, o que representa um potencial de ganho de apenas 4,5% considerando a cotação desta sexta-feira (17), de US$ 9,57 na Bolsa de Valores de Nova York. A classificação para o papel é neutra

“No geral, não temos dúvidas de que a história é muito convincente. Tememos, no entanto, que a combinação entre múltiplos extremamente altos e o momento ruim das ações tornem o investimento uma aposta muito arriscada. O Nu ainda parece muito mais com um banco do que com um software”, diz o BTG. 

Muita calma nessa hora

O mercado ficou agitado na semana passada com a oferta pública inicial de ações (IPO, na sigla em inglês) do Nubank em Nova York, que o transformou no banco mais valioso da América Latina. 

A operação, realizada no último dia 9, atraiu figurões como Warren Buffett, que já investiu US$ 760 milhões no roxinho por meio de seu veículo de investimentos, a Berkshire Hathaway, antes e depois do IPO.

Em meio à euforia com a estreia na gringa, o BTG chama atenção para as necessidades de capital que os bancos têm e também para os custos de inadimplência enquanto crescem. 

“Dada a deterioração macroeconômica do Brasil, ser prudente em 2022 pode ser a estratégia certa”, diz o BTG. 

Ser digital é bom, mas…

Ser digital pode ser uma vantagem competitiva poderosa, já que o Nubank pode aumentar as receitas sem incorrer em custos de agências e funcionários.

Por exemplo, hoje o Nubank possui 5.403 funcionários e 48,1 milhões de clientes (proporção de 8.902 clientes por funcionário), enquanto o Itaú, considerando dados do primeiro semestre deste ano, atende 50 milhões de clientes com 85.611 funcionários no Brasil.

Por ter um produto simples e fácil de usar, com comunicação limpa e transparente, o Nubank pode chegar a muito mais pessoas com menor custo de atendimento. Mas o BTG alerta que, ainda assim, é importante ver se e como essa simplicidade funciona quando adicionados mais produtos ou atuação em outros países. 

“Para investidores mais acostumados a analisar a economia da unidade de empresas de tecnologia, é importante ter em mente que olhar apenas para isso, num negócio bancário como o Nubank, pode ser enganoso”, diz o BTG. 

“Diferentemente das empresas de software, linhas de custo importantes, como provisões e despesas de financiamento, não devem se beneficiar significativamente de ganhos de escala; e o crédito é um negócio de capital intensivo, o que significa que mais patrimônio líquido é naturalmente necessário para sustentar o alto crescimento”, acrescenta. 

VEJA TAMBÉM: Como se APOSENTAR mais cedo sem depender do INSS I PGBL x VGBL | PREVIDÊNCIA PRIVADA vale a pena?

Principais riscos do Nubank

O Nubank oferece grandes oportunidades pela frente, segundo o BTG. No entanto, o banco lembra que todas as grandes histórias têm riscos. E, neste caso, destaca a questão da regulamentação. 

“O Nubank não tem licença bancária no Brasil e é regulamentado como instituição de pagamento e financeira. O Banco Central permitiu aos ‘neobancos’ mais margem de manobra regulatória do que os bancos tradicionais, dando mais permissões em outros tipos de licenças. Mas tornar-se um banco completo pode ser um passo adiante”, diz. 

Sem ter a mesma carga regulatória que os bancos - a exemplo de capital mais alto, requisitos de conformidade, taxa de imposto mais alta e leis trabalhistas mais rígidas, para citar alguns -, o Nubank ainda pode emitir moeda eletrônica e oferecer serviços de iniciação de pagamento, crédito e produtos de investimento. 

“Os bancos históricos têm expressado preocupação com a assimetria regulatória em relação às fintechs. E acreditamos que o Banco Central provavelmente aumentará as exigências de capital para essas grandes instituições de pagamento. Se isso acontecer, o Nubank pode ter requisitos de capital semelhantes aos dos bancos no Brasil”, diz o BTG.

VEJA TAMBÉM: Como se APOSENTAR mais cedo sem depender do INSS I PGBL x VGBL | PREVIDÊNCIA PRIVADA vale a pena?

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

App da Pi

Aplique de forma simples, transparente e segura

SEU DINHEIRO NA SUA NOITE

O respiro da bolsa brasileira, o tropeço do bitcoin e o vazamento de dados do PIX: confira as principais notícias do dia

Para quem não aguentava mais ver a bolsa brasileira apanhando enquanto Wall Street renovava recordes, este início de ano está sendo o momento da revanche. Ou melhor, de o Ibovespa “correr atrás do prejuízo”. Nesta terceira semana de janeiro, o principal índice da B3 mais uma vez contrariou o exterior e enfileirou altas, enquanto as […]

Fechamento da semana

Ibovespa tem dia morno com exterior negativo, mas termina semana com ganho de 1,88%; dólar fecha em alta, mas acumula queda de 1,05% no período

Bolsa terminou o dia em baixa, com dólar e juros em alta, com piora no exterior e preocupações fiscais

CASOS DE FAMÍLIA

Elon Musk pega pesa pesado com o Twitter após integração de NFTs; veja o que o bilionário falou

Rede social passou a permitir que usuários do iOS, sistema da Apple, utilizassem os chamados tokens não fungíveis como fotos de seus perfis

Renda fixa

Nubank lança fundo para reserva de emergência que busca retorno entre 100% e 105% do CDI – mas tem uma pimentinha

Nu Reserva Imediata é o primeiro fundo de renda fixa da família Nu Reserva; embora seja de baixo risco, ele tem opção de investir em títulos privados

FIQUE DE OLHO

Agenda de indicadores: Inflação domina semana recheada de balanços de empresas de tecnologia em Wall Street; saiba o que esperar

Depois de uma semana em que o Ibovespa caminhou na contramão do mundo, inflação volta ao centro da agenda local na semana em que os EUA divulgam prévia do PIB de 2021

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies