O melhor time de jornalistas e analistas do Telegram! Inscreva-se agora e libere a sua vaga

2022-01-27T09:27:08-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
VELHO NORMAL?

Depois de ver Itaú recuperar o trono de banco mais valioso da América Latina, Nubank (NUBR33) agora também vale menos que o Bradesco

Ações do Nubank acumulam queda de mais de 20% desde estreia na bolsa de Nova York, em dezembro de 2021, e estão 40% abaixo do pico

26 de janeiro de 2022
7:50 - atualizado às 9:27
nubank destronado | Itaú
Imagem: Shutterstock/Game of Thrones/Nubank

O Nubank causou frisson no fim de 2021 ao desembarcar na bolsa de Nova York como o banco mais valioso da América Latina.

Sim, o roxinho abriu seu capital com um valor de mercado superior ao de tradicionais gigantes do setor financeiro como Itaú e Bradesco.

Apenas algumas semanas se passaram desde o IPO da Nubank, em dezembro, e a situação parece voltar ao normal. Ou pelo menos ao normal ao qual o mercado estava habituado antes de o Nubank lançar suas ações.

Ação do Nubank caiu 20% desde IPO

Após a desvalorização das últimas semanas, NUBR33 negocia 20% do abaixo do preço definido na oferta pública inicial de ações.

O banco digital vendeu papéis a US$ 9 na oferta. Na tarde de ontem, a ação do roxinho chegou a bater US$ 7,20 antes de recuperar terreno e fechar a US$ 7,42.

Se levarmos em consideração que NUBR33 bateu US$ 11,85 nos dias seguintes ao IPO, a queda se aproxima de 40%.

Deixado para trás

Com isso, o Nubank chegou ao fim da sessão de ontem em Nova York com um valor de mercado de US$ 33,46 bilhões.

O papel do Nubank já havia sido ultrapassado há cerca de duas semanas pelo Itaú, que ontem valia US$ 38,9 bilhões. A novidade foi o banco digital ter sido deixado para trás pelo Bradesco, cujo valor de mercado atual é de US$ 34,32 bilhões.

A culpa é do Fed?

A expectativa de altas de juros nos Estados Unidos neste ano tirou atratividade de ações de empresas com alto crescimento e lucro zero - como o Nubank.

Após a bem-sucedida oferta inicial, as expectativas do mercado se voltam para os resultados do quarto trimestre de 2021, que serão os primeiros que o Nubank divulgará como companhia aberta.

Expectativas

Em relatório divulgado na segunda-feira, o Itaú BBA projetou que o Nubank apresentará lucro de R$ 203 milhões no período, mas que fechará 2021 com prejuízo de R$ 326 milhões. As receitas totais da fintech devem crescer 28% em relação ao terceiro trimestre, para R$ 2,6 bilhões, graças à expansão da base de cartões e da carteira de crédito como um todo. O número de clientes deve chegar a 53,4 milhões.

O analista Pedro Leduc, do Itaú BBA, disse que a desvalorização das últimas semanas pode estar relacionada à combinação entre o cenário de mercado e as expectativas do investidor para as ações do Nubank.

Ano desafiador

O Itaú BBA vê um ano desafiador para os bancos digitais brasileiros. A casa ponderou que a dependência dos cartões de crédito como um problema.

"Cartões de crédito são um produto-chave para a monetização e o engajamento em bancos digitais, e é onde provavelmente veremos a maior deterioração da inadimplência - particularmente entre brasileiros de menor renda, que respondem pela maior parte das bases de clientes do Nubank e do Pan", afirmaram os analistas. Procurado, o Nubank não comentou.

Não é só o Itaú BBA

A casa de análise de Empiricus, que faz parte do mesmo grupo empresarial do Seu Dinheiro, recomendou short em NUBR33 na semana passada.

Em relatório, os analistas da Empiricus consideram que as ações do Nubank ainda estão caras, e não só devem cair mais, mas o investidor pode apostar dinheiro nisso.

Para eles, o potencial de queda de NUBR33 é de aproximadamente 70%. "O preço justo do BDR de Nu (NUBR33) está mais perto dos R$ 2 do que dos atuais R$ 7", diz o relatório.

Você pode saber mais sobre os motivos por trás do short no Nubank na nossa página do Instagram, aproveite para nos seguir por lá (basta clicar aqui).

Entregamos entregamos aos leitores análises de mercado, notícias relevantes para o seu patrimônio, oportunidades de compra na bolsa, insights sobre carreira, empreendedorismo e muito mais. Veja abaixo:

*Com informações do Estadão Conteúdo.

Comentários
Leia também
OS MELHORES INVESTIMENTOS NA PRATELEIRA

Garimpei a Pi toda e encontrei ouro

Escolhi dois produtos de renda fixa para aplicar em curto prazo e dois para investimentos mais duradouros. Você vai ver na prática – e com a translucidez da matemática – como seu dinheiro pode render mais do que nas aplicações similares dos bancos tradicionais.

BYE BYE GOVERNO!

Privatização vem aí: conselho do PPI altera regras da capitalização da Eletrobras (ELET3); saiba por que mudou

O TCU aprovou na sessão de quarta-feira (18) o processo de privatização da companhia — a proposta do relator venceu por 7 votos a favor e 1 contra

NOVO SHAPE

Da academia pra carteira: Smart Fit (SMFT3) tem potencial de alta de 34%, diz Itaú BBA — saiba se é hora de comprar

Depois do confinamento provocado pela covid-19, a indústria fitness enfrenta agora um cenário desafiador, com inflação alta, segundo o banco de investimentos

SEM LIMITE

STF nega impor prazo a Lira para análise de pedidos de impeachment de Bolsonaro

O chefe do Executivo é alvo de mais de 140 solicitações de impedimento; entenda a decisão da corte máxima

VAI TER DISNEY?

Dólar acumula desvalorização de 12,59% frente ao real no ano — veja o que mexe com o mercado de câmbio

A moeda norte-americana teve o pior desempenho semanal em quase dois meses, quando levou um tombo de mais de 5%

SOBE E DESCE

IRB (IRBR3) lidera pelotão de altas do Ibovespa e Méliuz (CASH3) vai na direção oposta — veja o que foi destaque na bolsa na semana

Lá fora, as negociações da semana foram marcadas pela entrada do S&P 500 no chamado bear market, ou território de queda; por aqui, o principal índice da B3 acumulou ganhou de 1,46%

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies