Menu
2020-09-15T17:19:57-03:00
Estadão Conteúdo
efeitos da pandemia

Semana do Brasil teve queda de 8,3% no faturamento sobre 2019

O período de promoções relacionado ao feriado do dia 7 de setembro havia mostrado alta de 11% em 2019 sobre 2018

15 de setembro de 2020
17:18 - atualizado às 17:19
varejo vendas lojas
Imagem: Shutterstock

A chamada "Semana do Brasil" registrou queda de 8,3% no faturamento do varejo brasileiro. O período de promoções relacionado ao feriado do dia 7 de setembro havia mostrado alta de 11% em 2019 sobre 2018. Os dados são de um levantamento da Cielo para o Global Retail Show e foram divulgados há pouco pelo presidente da Gouvêa Experience, Marcos Gouvêa.

"Há 30 ou 40 dias as entidades nos procuraram para mobilizar as ofertas para a Semana do Brasil. A pandemia deixou o varejo muito desorganizado. Mas antes desta semana, em agosto, os números de perdas no varejo eram de 18,4%", disse Gouvêa. Ele pontua, porém, que se considerado os números do e-commerce, houve alta de 10% no faturamento. Descontando, no entanto, setores muito negativamente afetados como o de turismo, houve crescimento de cerca de 90% no faturamento sobre os dados de 2019.

No turismo e transporte, a queda sobre o mesmo período de 2019 foi de cerca de 10%. Antes da semana promocional, a queda era de mais de 80% em relação ao ano passado. Em bares e restaurantes, as perdas ficaram em torno de 36%, antes era de 40% a 50%. Já o setor de móveis e eletrodomésticos registrou alta de 7%.

Comentários
Leia também
INVISTA COMO UM MILIONÁRIO

Sirva-se no banquete de investimentos dos ricaços

Você sabe como ter acesso aos craques que montam as carteiras dos ricaços com aplicações mínimas de R$ 30? A Pi nasceu para colocar esses bons investimentos ao seu alcance

Início de cobertura

Após queda de 56%, XP revela o que espera das ações da dona da rede de restaurantes Frango Assado e Pizza Hut no Brasil

Os analistas da corretora iniciaram a cobertura das ações da IMC com recomendação neutra e preço-alvo de R$ 4,00, o que indica um potencial de alta de 8%

Private equity

Ações da gestora brasileira Pátria sobem 17% na estreia na Nasdaq após IPO de R$ 3,2 bilhões

A gestora brasileira estreou com um valor de mercado de mais de R$ 15 bilhões e mira mais crescimento, o que poderá envolver aquisições

Uma nova chance?

O que esperar da nova Lei de Falências, que entra em vigor hoje

A reforma na Lei de Falências deve facilitar a recuperação das empresas que ainda são viáveis e tornar mais célere e eficiente a liquidação daquelas que estão condenadas a desaparecer

Aposta na retomada

Goldman Sachs eleva o preço-alvo de ação de locadora de veículos e recomenda compra

Os analistas elevam o preço-alvo para as ações da Localiza (RENT3) de R$ 69,30 para R$ 73,20 e projetam lucro acima do consenso do mercado

seu dinheiro na sua noite

Expectativa vs. realidade

Quando eu estava na terceira série do ensino médio, o coordenador do curso deu um alerta aos alunos: em geral os estudantes agem como se o vestibular fosse o objetivo final, e quando passam têm aquela sensação de “ah! Nunca mais vou precisar estudar!” Mas é depois do vestibular que a coisa começa a ficar […]

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements
Advertisements

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies