Menu
2020-07-31T14:57:21-03:00
Estadão Conteúdo
Presidente da Câmara

Maia defende reforma, mas diz que não há espaço para imposto cumulativo

O presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), defendeu nesta sexta-feira, 31, a necessidade de discussão e aprovação da reforma tributária no País

31 de julho de 2020
14:57
img20200722122119383-768×512
Rodrigo Maia - Imagem: Najara Araujo/Câmara dos Deputados Fonte: Agência Câmara de Notícias

O presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), defendeu nesta sexta-feira, 31, a necessidade de discussão e aprovação da reforma tributária no País.

Atualmente, existem três propostas em tramitação no Parlamento, uma da Câmara, uma no Senado e outra enviada pelo governo federal.

Em almoço organizado pelo Lide, Maia citou que o governo federal tem R$ 450 bilhões de subsídios e que o corte de 20% a 30% dessas benesses podem ajudar no aumento da receita sem a necessidade de criar novos impostos.

"Não quero discutir se tem imposto digital ou CPMF (Contribuição Provisória de Movimentação Financeira). Não há mais espaço para novo tributo, que é cumulativo, trava economia e exporta impostos", disse. "Um novo tributo (com compensações) pode até ser neutro do ponto de vista do número, mas do ponto de vista da Economia não é, nunca", disse o presidente da Câmara.

Comentários
Leia também
CUIDADO COM OS ATRAVESSADORES

Onde está o seu iate?

Está na hora de tirar os intermediários do processo de investimento para deixar o dinheiro com os investidores

BDRs mais acessíveis

Investidor considera ter até 25% do patrimônio em ações de empresas estrangeiras, diz pesquisa da XP

Negociação dos BDRs, certificados de ações de empresas listadas em bolsas estrangeiras na B3, será liberada para qualquer investidor a partir de amanhã

Expectativa

Casa Branca mostra otimismo e prevê acordo por estímulo fiscal nas próximas 48h

As negociações entraram, em uma “nova fase” que discute impasses técnicos do pacote ainda em aberto.

fluxo cambiam

Saída de dólar supera entrada em US$ 19,753 bi no ano até 16 de outubro, diz BC

Depois de encerrar setembro com saídas líquidas de US$ 3,482 bilhões, o País registrou fluxo cambial negativo de US$ 1,056 bilhão em outubro até o dia 16

PODCAST TELA AZUL

Investindo com robôs e ajuda de inteligência artificial

Te convido a ouvir no Spotify um papo animal que eu tive com o Rodrigo Terni, da Giant Steps, a maioria gestora de fundos sistemáticos da América Latina.

Vai ter Renda Cidadã?

Maia propõe cronograma para votações

Segundo Maia, a crise “está muito mais perto, o prazo é curto e não se tomou a decisão até agora do que fazer”.

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies