Menu
2020-03-24T13:36:20-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
Crise do coronavírus

Lojas terão aluguel em shoppings adiado no período de fechamento, diz associação

Aluguel de março será cobrado de forma proporcional às vendas, mas a cobrança será feita posteriormente e de maneira negociada

24 de março de 2020
10:31 - atualizado às 13:36
Lojas em shopping em São Paulo
Lojas em shopping em São Paulo - Imagem: Alex Silva/Estadão Conteúdo

Os lojistas e os donos de shopping centers chegaram a um acordo para flexibilizar a cobrança de aluguel e outras taxas operacionais durante o período em que os empreendimentos ficarão fechados por conta da pandemia de coronavírus.

A informação foi divulgada pela Associação de Lojistas de Shopping Centers (Alshop), que falou em isenção do aluguel. Mas a Associação Brasileira de Shopping Centers (Abrasce) afirmou posteriormente que se trata de um adiamento.

Segundo o presidente da Abrasce, Glauco Humai, a melhor prática é não cobrar aluguel e discutir posteriormente, mas não se trata de isentar o aluguel, já que ele "continua sendo devido".

"Neste momento difícil, nós acreditamos que a melhor prática no setor é não cobrar o aluguel agora e discutir posteriormente", disse presidente da Abrasce, Glauco Humai. "Mas não se trata de isentar o aluguel. Ele continua sendo devido", frisou.

O presidente da Abrasce disse que os contratos entre shoppings e lojistas são individuais, de modo que não cabe a nenhuma associação determinar uma posição comum a ser seguida de modo compulsório. "O que nós recomendamos foi a adoção de boas práticas. Cada shopping é livre para fazer o que quiser", acrescentou.

O representante das redes de shoppings disse ainda que há um esforço para redução da taxa de condomínio em pelo menos 30%, mas lembrou que não é possível suspender essa cobrança porque há custos fixos com energia, segurança, manutenção e IPTU, por exemplo.

Até a segunda-feira, 23, o País tinha 95% dos shoppings afetados por decretos estaduais ou municipais determinando o fechamento das unidades, conforme balanço mais recente do setor.

*Com Estadão Conteúdo

Comentários
Leia também
INVISTA COMO UM MILIONÁRIO

Sirva-se no banquete de investimentos dos ricaços

Você sabe como ter acesso aos craques que montam as carteiras dos ricaços com aplicações mínimas de R$ 30? A Pi nasceu para colocar esses bons investimentos ao seu alcance

Boletim médico

Covid-19: Brasil tem 154 mil mortes e 5,27 milhões de casos acumulados

Atualmente há 397.524 pacientes em acompanhamento. De acordo com o Ministério da Saúde, 4.721.593 pessoas já se recuperaram da doença.

aperte o play

Netflix: 5 números que você precisa conhecer do resultado do terceiro trimestre

Spoiler: os investidores não gostaram do que viram… #SeuDinheiro

Mudanças no time

Weg anuncia renúncia de diretor de finanças e relações com investidores

A companhia divulga os seus resultados do terceiro trimestre na próxima quinta-feira (22)

SEU DINHEIRO NA SUA NOITE

A bolsa voltou aos 100 mil pontos. Agora pra ficar?

A trilha sonora do mercado nesta terça-feira podia ser O Portão, o clássico de Roberto Carlos do refrão “Eu voltei, agora pra ficar. Porque aqui, aqui é o meu lugar…” O Ibovespa retomou o patamar dos 100 mil pontos depois de pouco mais de um mês. Difícil é dizer se a volta será definitiva. Em outubro, […]

Prévias operacionais

Cyrela tem crescimento de 46% em lançamentos e 58% em vendas no 3º trimestre

Segundo as prévias operacionais, construtora lançou R$ 2,589 bilhões e vendeu R$ 2,456 bilhões no período

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies