Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2020-10-25T13:26:06-03:00
Agência Brasil
ALÍVIO

Mortes por covid-19 chegam ao menor nível desde maio, diz Fiocruz

Média móvel de novos casos ficou em 22.483 no sábado, alta de 11% em relação aos casos da semana anterior

25 de outubro de 2020
13:26
covid-19 coronavírus
Imagem: Shutterstock

O Brasil registrou 461,14 mortes diárias por covid-19, de acordo com a média móvel de sete dias. Segundo os dados da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), esse é o menor patamar de óbitos diários desde 6 de maio, quando ocorreu uma média de 437,57 mortes pela doença.

Os dados divulgados no sábado (24) também mostram que houve quedas de 6,5% no número de mortes em relação à média móvel de sete dias registrada uma semana antes (493,43) e de 33,4% na comparação com os óbitos de um mês antes (692,43).

O pico de mortes por covid-19 no país (1.094,14) foi atingido no dia 25 de julho.

Casos

A média móvel de sete dias de novos casos ficou em 22.483 no sábado (24). Nesse tipo de análise, no entanto, houve alta de 11% em relação aos casos da semana anterior. Na comparação com o mês anterior, foi observada uma queda de 22,1%.

O pico de casos diários (47.514,57) foi registrado em 28 de julho.

Estados

Doze unidades da federação tiveram queda na média de mortes em relação à semana anterior. Entre os maiores recuos estão Rondônia (-47,9%), Ceará (-44,6%) e Distrito Federal (-33,8%).

Dez estados tiveram aumento na média de óbitos, com destaque para locais como Pará (95,4%), Amapá (66,3%) e Acre (40,8%).

Os estados com maior média de mortes ontem foram São Paulo (104,86), Rio de Janeiro (65,14) e Minas Gerais (46,71).

Santa Catarina manteve o número de mortes entre uma semana e outra. Roraima, Tocantins e Mato Grosso do Sul não tiveram seus dados divulgados.

Comentários
Leia também
Um self service diferente

Como ganhar uma ‘gorjeta’ da sua corretora

A Pi devolve o valor economizado com comissões de autônomos na forma de Pontos Pi. Você pode trocar pelo que quiser, inclusive, dinheiro

Exile on Wall Street

Período de incerteza nos mercados? Entenda como o investidor deve se proteger

Quando o Brasil dá sinais internos de melhora, vem o cenário internacional e dá uma tacada nos emergentes.  Já deve ser do conhecimento do leitor a insolvência da gigante Evergrande, incorporadora chinesa que fatura dezenas de bilhões de dólares e está tão alavancada (a dívida representa mais de 9 vezes o Ebitda dos últimos 12 […]

Super Quarta

Saiba como ganhar dinheiro apostando na taxa básica de juros (Selic)

Entenda como apostar na alta e na queda da taxa Selic

RadioCash

Para Gustavo Loyola, ex-presidente do Banco Central, crescimento do PIB em 2022 será praticamente zero

Em entrevista ao podcast RadioCash, o economista deu sua opinião sobre a atual política monetária do BC, a situação do câmbio e afirmou que o cenário está difícil para reformas

MERCADOS HOJE

Ibovespa e bolsas globais colocam problemas com Evergrande de lado e buscam recuperação após tombo da véspera; dólar recua

A incerteza em torno dos problemas financeiros da gigante chinesa Evergrande persistem, mas as bolsas globais buscam recuperação após as perdas da véspera. Ibovespa monitora discurso de Bolsonaro na ONU

cautela nas alturas

O que mexe com o bitcoin (BTC) hoje: cautela antes da fala de presidente da CVM americana e Evergrande pressionam mercado de criptomoedas

Além disso, a cautela pré-Fed também deve limitar os ganhos. Enquanto isso, El Salvador segue comprando BTC e já acumula US$ 30 bi em criptomoedas

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies