Menu
2020-10-03T08:34:19-03:00
Estadão Conteúdo
Até o fim do ano

Governo prorroga IOF zero para crédito e isenção para insumos contra covid-19

Com prorrogação, decretos editados em reação à pandemia do novo coronavírus valem agora até 31 de dezembro

3 de outubro de 2020
8:16 - atualizado às 8:34
Coronavírus Brasil
Imagem: Shutterstock

O presidente Jair Bolsonaro assinou na sexta-feira (2) dois decretos que prorrogam reduções tributárias, na tentativa de diminuir os impactos da pandemia da covid-19 na economia. Os textos foram publicados em uma edição extra do Diário Oficial da União nesta noite.

Um dos decretos renova, até 31 de dezembro, a isenção de Imposto sobre Operações Financeiras (IOF) para todas as operações de crédito.

Segundo material divulgado pelo Planalto, a isenção beneficiará "tanto pessoas físicas, quanto pessoas jurídicas e aquelas optantes pelo Simples Nacional, inclusive no caso de pagamento em atraso e de renegociação de dívidas".

O imposto foi zerado em abril, por conta do impacto da pandemia, e já havia sido estendido por 90 dias, mas perderia validade nesta sexta.

Desde abril, a perda de arrecadação do governo com a medida é estimada em R$ 14 bilhões. A prorrogação da alíquota zero por mais três meses deve uma renúncia adicional de R$ 7 bilhões.

O outro decreto assinado por Bolsonaro prorroga, até 31 de dezembro, a redução da alíquota de impostos e contribuições sobre medicamentos e insumos utilizados no combate à covid-19.

De acordo com o Planalto, continuam reduzidos para esses produtos: o Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI); a Contribuição para os Programas de Integração Social e de Formação do Patrimônio do Servidor Público (PIS/Pasep), e a Contribuição para o Financiamento da Seguridade Social (Cofins).

Ainda de acordo com o governo, a lista de produtos barateados pela medida inclui "as máscaras de uso hospitalar, o álcool de limpeza, os desinfetantes, óculos e viseiras de segurança, escudos faciais, aparelhos de terapia respiratória, entre outros".

Comentários
Leia também
OS MELHORES INVESTIMENTOS NA PRATELEIRA

Garimpei a Pi toda e encontrei ouro

Escolhi dois produtos de renda fixa para aplicar em curto prazo e dois para investimentos mais duradouros. Você vai ver na prática – e com a translucidez da matemática – como seu dinheiro pode render mais do que nas aplicações similares dos bancos tradicionais.

O melhor do Seu Dinheiro

Loucura de março

O mês de março é conhecido nos Estados Unidos pelo march madness, quando ocorre o principal torneio de basquete entre universidades do país. Diferentemente daqui, lá não existe categoria de base de clubes – os potenciais atletas passam primeiro pela faculdade, onde suas habilidades são lapidadas antes de irem para a NBA. E com a vantagem […]

Ministro da Economia

Presidente sempre nos apoia no momento decisivo, diz Guedes sobre PEC Emergencial

“A PEC é um compromisso com a saúde do povo e com a responsabilidade fiscal. Agradeço ao presidente Bolsonaro, que, no momento decisivo, sempre nos apoia”, afirmou Guedes

Esquenta dos Mercados

Ibovespa deve sentir efeitos do exterior apesar de alívio com aprovação da PEC emergencial

Veja o que será destaque para esta sexta-feira (05): Treasuries voltam a pressionar bolsas internacionais e ibovespa pode não resistir

Vai ou fica?

Conselheiros do Banco do Brasil defendem permanência de Brandão na presidência

Na semana passada, André Brandão avisou o presidente Jair Bolsonaro que colocou o cargo à disposição, o que deflagrou uma corrida política pela vaga

em busca de soluções

Governo avalia fundo e Cide juntos para estabilizar preço de combustíveis

Alta do preço dos combustíveis tem sido criticada por Bolsonaro e resultou na demissão de Roberto Castello Branco da Petrobras

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies