Menu
2020-12-29T20:22:33-03:00
Agência Brasil
NÚMEROS DA PANDEMIA

Covid-19: Brasil registra 1,1 mil mortes e 58,7 mil casos em 24 horas

Última vez que número de óbitos diários ficou acima de 1 mil foi em 17 de dezembro; com isto, total de mortos alcançou 192.681

29 de dezembro de 2020
20:22
coronavírus
Rio de Janeiro, 11 de novembro de 2020. ONG Rio de Paz promove um manifesto na praia de Copacabana em memória às vitimas da covid-19 no país. - Imagem: Shutterstock

Autoridades de saúde registraram, nas últimas 24 horas, 1.111 novas mortes e 58.718 novos casos de covid-19 no Brasil. A última vez que o País havia batido os mil óbitos diários foi no dia 17 deste mês e, antes disso, em 30 de setembro.

As informações foram divulgadas pelo Ministério da Saúde nesta terça-feira (29), com atualização até às 16h30. O balanço reúne dados levantados pelas secretarias estaduais de saúde.

Com as novas mortes acrescidas às estatísticas, o total de óbitos em função da pandemia sobe para 192.681. Na segunda-feira (28), o sistema do Ministério da Saúde marcava 191.750 óbitos. Ainda há 2.508 falecimentos em investigação.

A soma de casos acumulados chegou a 7.563.551 com os novos diagnósticos registrados nas últimas 24 horas. Até segunda-feira, o painel de dados trazia 7.504.833 pessoas infectadas desde o início da pandemia.

Os dados do Ministério apontam também 723.332 casos ativos em acompanhamento por profissionais de saúde e 6.647.538 pessoas que já se recuperaram da doença.

Em geral, os registros de casos e mortes são menores aos domingos e segundas-feiras em razão da dificuldade de alimentação dos dados pelas secretarias de saúde aos fins de semana. Já às terças-feiras, os totais tendem a ser maiores pelo acúmulo das informações de fim de semana que são enviadas ao ministério.

Estados

No topo da lista de mortes por covid-19 estão os seguintes Estados: São Paulo (46.195), Rio de Janeiro (25.078), Minas Gerais (11.615), Ceará (9.963) e Pernambuco (9.612).

Já entre os últimos no ranking estão Roraima (773), Acre (791), Amapá (913), Tocantins (1.229) e Rondônia (1.785).

Comentários
Leia também
CUIDADO COM OS ATRAVESSADORES

Onde está o seu iate?

Está na hora de tirar os intermediários do processo de investimento para deixar o dinheiro com os investidores

pessimismo com os papéis

Ação da ExxonMobil cai mais de 4% após notícia sobre investigação nos EUA

Gigante do setor energético supervalorizou um ativo-chave da bacia permiana, segundo denúncia; dia é de queda nos mercados

perspectivas para o país

‘É preciso formar profissionais com espírito empreendedor’, diz fundador da Embraer

Ozires Silva diz que a Embraer tem capacidade para se manter competitiva mesmo diante de um cenário adverso que reúne a pandemia da covid-19 e a frustração com o fim do acordo com a Boeing

entrevista

‘Acredito que ainda vale a pena investir no Brasil’, diz presidente da General Motors na AL

Em entrevista, Carlos Zarlenga afirma que o tamanho do mercado brasileiro ainda é atrativo para investimentos no setor

Prévia operacional

Vendas de incorporação da JHSF crescem 228,5% em 2020; prévias fortes impulsionam ações

Segmento de incorporação teve vendas contratadas de R$ 1,2 bilhão em 2020; ações da companhia reagem positivamente

Títulos públicos

Veja os preços e as taxas do Tesouro Direto nesta sexta-feira

Confira os preços e taxas de todos os títulos públicos disponíveis para compra e resgate

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements
Advertisements

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies