Menu
2020-11-23T07:01:19-03:00
Agência Brasil
NÚMEROS DA PANDEMIA

Brasil acumula 6,07 milhões de casos e 169 mil mortes por covid-19

Número de novos casos alcança 18.615 nas últimas 24 horas, com 194 mortes, segundo Ministério da Saúde

23 de novembro de 2020
7:01
coronavírus
Imagem: Shutterstock

O balanço divulgado no domingo (22) pelo Ministério da Saúde indica o acréscimo de 18.615 novos casos de covid-19 nas últimas 24 horas.

No acumulado desde o início da pandemia já são 6.071.401 casos. Além disso, foram registradas 194 novas mortes, somando 169.183 óbitos. Um total de 5.432.505 pessoas (89,5%) já estão curaram da doença.

Os números mais baixos são comuns nos domingos, em razão da dificuldade de alimentação dos dados pelas secretarias de saúde aos fins de semana. O balanço do Ministério da Saúde é feito a partir de registros reunidos pelas secretarias estaduais de saúde e enviados à pasta para consolidação.

Covid-19 nos Estados

São Paulo chegou a 1.209.588 de pessoas contaminadas. Os outros Estados com maior número de casos no país são Minas Gerais (396.933) e Bahia (384.903).

Já o Acre é o Estado que tem o menor número de casos (34.626), seguido de Amapá (56.548) e Roraima (61.838).

São Paulo também lidera o número de mortes, com 41.267. Rio de Janeiro (21.974) e Minas Gerais (9.777) aparecem na sequência.

Os Estados com menos mortes são Acre (713), Roraima (720) e Amapá (789).

Comentários
Leia também
Um self service diferente

Como ganhar uma ‘gorjeta’ da sua corretora

A Pi devolve o valor economizado com comissões de autônomos na forma de Pontos Pi. Você pode trocar pelo que quiser, inclusive, dinheiro

O hambúrguer e o câmbio

Está na hora de comprar ou vender dólar? A resposta pode estar no preço do Big Mac

Se levarmos em consideração o preço do sanduíche mais popular do mundo, a moeda norte-americana deveria valer R$ 3,87, segundo o índice calculado pela The Economist

prévias

Eztec tem queda de 48% nas vendas no quarto trimestre

Lançamentos da empresa atingiram R$ 380,8 milhões, chegando a R$ 1,150 bilhão no ano – 85% a mais do que no terceiro trimestre

seu dinheiro na sua noite

2 milhões de mortos, 2 trilhões em estímulos e uma queda de mais de 2%

Se a primeira semana de 2021 nos mercados refletiu o otimismo geral com o novo ano que se iniciava, com perspectivas de vacinação contra o coronavírus e recuperação econômica, na segunda semana do ano, os investidores optaram pela cautela. Por ora, 2020, o ano do qual todos queríamos nos livrar, ainda não ficou para trás. […]

FECHAMENTO

Atritos políticos e covid-19 voltam para assombrar o mercado e Ibovespa recua mais de 2%; dólar sobe forte

Existe uma certa desconfiança de que o plano de US$ 1,9 trilhão apresentado por Biden encontre dificuldades de ser aprovado pelo Congresso, ainda que o democrata tenha conquistado a maioria das duas casas. No Brasil, situação do coronavírus reacende a pressão sobre o cenário fiscal

match com o mercado?

Concorrente do Tinder, Bumble pode levantar US$ 100 milhões em IPO

Ações da empresa estreiam em fevereiro na Nasdaq; companhia, que é dona do Badoo, não deu lucro no ano passado

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements
Advertisements

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies