Menu
Marina Gazzoni
O melhor do Seu Dinheiro
Marina Gazzoni
É CEO do Seu Dinheiro
2020-02-07T09:22:44-03:00
Tudo que vai mexer com seu dinheiro hoje

13 notícias para você começar o dia bem informado

7 de fevereiro de 2020
9:17 - atualizado às 9:22
Selo O Melhor do Seu Dinheiro; investimentos
Imagem: Montagem Andrei Morais / Shutterstock

Hoje o Vinícius Pinheiro traz um panorama do mercado de debêntures. Esses títulos deram um susto no investidor recentemente. Será que é a hora de comprar? 

E você também pode sextar com o Ruy. O colunista Ruy Hungria fala sobre o uso de opções como estratégia para proteger seus investimentos. 

O que você precisa saber:

Investimentos 

 Como estão as debêntures? Esse mercado passou recentemente por uma turbulência, que derrubou a rentabilidade dos títulos e levou a uma onda de saques. Agora ele parece voltar à normalidade. Será que é a hora de investir? O Vinícius Pinheiro responde

 Coronavírus, guerra comercial, eleições americanas… Motivo para estresse no mercado tem de sobra. Será uma boa proteger seus investimentos com opções? Nosso colunista Ruy Hungria, especialista no assunto, discute o tema na coluna de hoje - e apresenta uma resposta para você

 O juro real brasileiro ainda é um dos maiores do mundo. Pois é, apesar da forte redução na taxa Selic, ainda nos destacamos nesse quesito. Um dos motivos é que o juro caiu no mundo inteiro e não só no Brasil. Confira o ranking das taxas de juros globais

A caderneta de poupança teve recorde de saques em janeiro: foram R$ 12 bilhões retirados no mês passado, segundo o Banco Central. 

Mercados 

O Ibovespa fechou em queda de 0,72%, aos 115.189,97 pontos. O dólar atingiu um novo recorde após alta de 1,09%, a R$ 4,2852.

O que mexe com os mercados hoje? Os investidores ficam de olho na divulgação da inflação oficial de janeiro aqui no Brasil. Nos EUA são aguardados os dados de emprego. A cautela com o coronavírus ganha força novamente, o que fez as bolsas asiáticas interromperem a sequência de alta. Os índices futuros em Nova York também amanhecem no vermelho. 

Empresas

 A Lojas Renner lucrou R$ 1,09 bilhão em 2019, um aumento de 7,7%. No quarto trimestre, os ganhos foram de R$ 513,1 milhões.

A Centauro comprou a Nike do Brasil por R$ 900 milhões. O mercado aprovou: as ações foram às máximas históricas no pregão de ontem. 

A distribuidora de eletrônicos Allied Tecnologia fez seu pedido de registro para uma oferta inicial de ações (IPO) na CVM. A oferta será primária e secundária. Saiba mais.

A Anatel aprovou operação de compra da Warner Media pela AT&T. O caso foi analisado pelo órgão porque a legislação brasileira proíbe que operadoras detenham mais de 30% de empresas de mídia. 

Após seis meses de conversas, o Carrefour entrou na reta final das negociações para a aquisição do Makro . Segundo o Estadão, o negócio deve envolver somente algumas lojas selecionadas e não toda a operação brasileira. 

Política 

 Um dos principais articuladores do governo para a reforma da Previdência, o secretário Rogério Marinho foi nomeado para o cargo de ministro do Desenvolvimento Regional.

 A China considera novas medidas de estímulo à economia para tentar amortecer o baque do surto do coronavírus, segundo um dos vice-presidentes do BC do país, Pan Gongsheng.

Comentários
Leia também
DINHEIRO QUE PINGA NA SUA CONTA

Uma renda fixa pra chamar de sua

Dá para ter acesso a produtos melhores do que encontro no meu banco? (Spoiler: sim).

atenção, acionista

Carrefour paga R$ 175 milhões em juros sobre capital próprio e altera valor de dividendos

Cifra equivale a R$ 0,088148225 por ação em circulação; também anunciou uma modificação do valor por ação dos dividendos aprovados em abril, de R$ 0,382372952 para R$ 0,382361396

maior apetite por risco

Empresas do Brasil captam US$ 4,6 bilhões; montante deve aumentar com ofertas de Stone e Light

Emissores brasileiros haviam paralisado planos de captar no exterior nos últimos meses, em meio à turbulência interna com a pandemia e o aumento do juro norte-americano

em meio ao aumento de consumo de frango

SuperFrango, de Goiás, retomará IPO de R$ 1 bilhão

Após resolver adiar a operação, a empresa fará uma apresentação mais cuidadosa de seu negócio aos analistas; oferta é estimada entre R$ 1 bilhão e R$ 1,5 bilhão

levantamento

Estatais descumprem critérios do marco do saneamento

GO Associados calculou que as companhias públicas do Rio Grande do Norte, Santa Catarina, Alagoas, Maranhão, Amazonas, Pará, Piauí, Roraima, Rondônia e Amapá não atendem a todos os critérios da “etapa 1” do decreto – que prevê o cumprimento de índices mínimos dos indicadores econômicos-financeiros

questionamentos em brasília

Novo marco de saneamento é alvo de ofensiva no Supremo e no Congresso

No Supremo, mais de 20 empresas estatais que prestam hoje serviços no setor querem a volta da possibilidade de fechar os chamados “contratos de programa”, diretamente com as Prefeituras e sem licitação

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies