Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2020-09-02T08:45:31-03:00
Jasmine Olga
Jasmine Olga
É repórter do Seu Dinheiro. Cursa jornalismo na Universidade de São Paulo (ECA-USP), já passou pelo Centro de Cidadania Fiscal (CCiF) e o setor de comunicação da Secretaria da Educação do Estado de São Paulo
esquenta dos mercados

Tudo no azul: compromisso com teto de gastos e exterior positivo injetam otimismo nos mercados

2 de setembro de 2020
8:10 - atualizado às 8:45
MERCADOTESTAOTIMISMO

As bolsas de valores globais parecem com folêgo para continuar o rali observado ontem, patrocinado por números melhores do que o esperado das duas maiores economias do mundo. Lá fora, os investidores também monitoram a possibilidade de um novo pacote de estímulos nos Estados Unidos.

Por aqui, ao invés de focar no recuo histórico do PIB do 2º trimestre, os investidores, preocupados com a situação fiscal do país durante a pandemia, refletiram alívio com as declarações do governo de que o teto de gastos é uma prioridade e deverá ser seguido. A aprovação da Lei do Gás - que pode destravar mais de R$ 40 bilhões em investimentos - ajuda na percepção de melhora do clima político e do risco fiscal.

Tudo azul

Dados positivos da economia chinesa e dos Estados Unidos e a expectativa por novos estímulos fiscais vindos de Washington - o secretário do Tesouro americano, Steven Mnuchin, disse que Trump decidiu liberar recursos (ainda não especificados) para auxiliar os estados - levaram as bolsas americanas a atingirem novos recordes de fechamento.

O bom humor contaminou o restante dos mercados globais. As bolsas asiáticas fecharam em alta - com exceção dos índices de Taiwan e Hong Kong.

Mesmo com alguns dados decepcionantes da economia europeia, nesta manhã os investidores do velho continente também seguem os bons sinais vindos da China e dos Estados Unidos, operando em alta firme nesta quarta-feira. Os investidores deixam de lado até mesmo a queda nas vendas no varejo da economia alemã - que caiu 0,9% em julho.

Em Nova York, os índices futuros também operam no azul, após dia de intenso rali em Wall Street.

Apesar de você…

Assim como as bolsas americanas, o mercado brasileiro também viveu um dia de apetitte por risco e um rali generalizado na última terça-feira.

O Produto Interno Bruto (PIB) brasileiro caiu 9,7% no segundo semestre, colocando o Brasil oficialmente na lista de países em recessã técnica. Mesmo assim, a bolsa brasileira superou o resultado negativo e fechou em alta de 2,82%, aos 102.167,65 pontos.

Os investidores deixaram o PIB de lado um pouco e focaram nas sinalizações do governo de que as reformas vão continuar ocorrendo e que o teto de gastos deverá ser respeitado.

Durante a manhã, ao lado do ministro da Economia, o presidente Jair Bolsonaro anunciou a prorrogação do auxílio emergencial, com mais 4 parcelas, no valor de R$ 300, que irão até dezembro. Além de reforçar a preocupação com o teto de gastos, o presidente também anunciou que a reforma administriva - muito aguardada pelo mercado - deve ser encaminhada na próxima quinta-feira.

Guedes aproveitou o momento para também garantir o governo está comprometido com o teto de gastos e esclarecer que o resultado do PIB é consequência da crise em abril e que agora o país caminha para uma recuperação em V.

O dólar também foi influenciado pelo bom humor do mercado local. A moeda americana terminou o dia cotada a R$ 5,3852, após queda de 1,74%.

Mais alívio no horizonte

Ontem, a Câmara dos Deputados aprovou a Lei do Gás. O governo acredita que a medida pode destravar investimentos de até R$ 43 bilhões e contribuir para a reindustrialização do momento.

Com a aprovação e a reforma administrativa no horizonte, a percepção de uma melhora no cenário político e no risco fiscal deve predominar entre os investidores brasileiros.

Agenda

O presidente do Banco Central, Roberto Campos Neto, participa de um fórum virtual sobre mercados emergentes (10h). O lançamento da nota de R$ 200 também está marcado para esta quarta-feira (13h30).

No exterior, o destaque é o Livro Bege do Federal Reserve (15h) que traz dicas sobre o futuro da política monetária dos Estados Unidos. Ainda nos EUA, às 9h15 temos o relatório de empregos no setor privado de agosto - considerado uma prévia do payroll. A previsão é que o documento mostre a criação de 1,17 milhão de novas vagas.

Fique de olho

  • A 3R Petroleum entrou com pedido de autorização para IPO. Objetivo é adquirir campos da Petrobras.
  • Totvs pagará multa de R$ 100 milhões caso a operação com a Linx não seja aprovada pelo Cade.
  • Enjoei deu entrada em um pedido para IPO.
  • A Fleury anunciou R$ 50 milhões em investimentos em plataformas de serviços à saúde.
  • Hapvida concluiu incorporação de ativos adquiridos do Grupo América, em Goiás
Comentários
Leia também
OS MELHORES INVESTIMENTOS NA PRATELEIRA

Garimpei a Pi toda e encontrei ouro

Escolhi dois produtos de renda fixa para aplicar em curto prazo e dois para investimentos mais duradouros. Você vai ver na prática – e com a translucidez da matemática – como seu dinheiro pode render mais do que nas aplicações similares dos bancos tradicionais.

NA DÚVIDA, ADIA

No restabelecimento da presença obrigatória em Brasília, governo fica sem quorum e retira PEC dos Precatórios

Nova tentativa de votação é esperada para hoje, mas o temor de que não haja deputados em quantidade suficiente para a aprovação persiste

Aquele 1%

Com juros em alta, esses títulos de renda fixa te pagam 1% ao mês, com baixíssimo risco e pouco esforço

A rentabilidade dos sonhos do brasileiro está de volta aos investimentos conservadores, e CDBs que pagam 1% ao mês ou mais já estão fáceis de encontrar

SEU DINHEIRO NA SUA NOITE

Alta da Selic, bons números da Weg, IPO do Nubank e dividendos da Gerdau: veja o que marcou o mercado hoje

Há cerca de um mês, o presidente do Banco Central (BC), Roberto Campos Neto, afirmou que a autoridade não mudaria o “plano de voo” a cada novo dado da economia brasileira. Mas, veja só, a realidade obrigou a instituição a recalcular a rota: há pouco, o Copom elevou a Selic em 1,50 ponto percentual, ao […]

Referência em SP

Na corrida do setor de saúde, Rede D’Or (RDOR3) garante fôlego com a compra do Hospital Santa Isabel

O ativo está avaliado em R$ 280 milhões. Porém, conforme explica a empresa, seu endividamento líquido será deduzido na conta final da transação

Ser conservador compensa

Como ficam os seus investimentos em renda fixa com a Selic em 7,75%

Agora até a poupança ganha da inflação projetada. Veja como fica o retorno das aplicações conservadoras de renda fixa agora que o Banco Central elevou a Selic mais uma vez

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies