Menu
2020-07-22T19:59:36-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
em meio à covid

Tesla surpreende com lucro em balanço no 2º tri e ações sobem 4,6% no pós-mercado

A fabricante de carros elétricos registrou lucro de US$ 104 milhões no 2º trimestre, em forte contraste com igual trimestre de 2019, em que teve prejuízo de US$ 408 milhões

22 de julho de 2020
19:59
Carro elétrico da Tesla
Carro elétrico da Tesla - Imagem: Shutterstock

A fabricante de carros elétricos Tesla registrou lucro de US$ 104 milhões no 2º trimestre, em forte contraste com igual trimestre de 2019, em que teve prejuízo de US$ 408 milhões.

As ações da companhia do bilionário Elon Musk avançam 4,6% no pós-mercado nesta quarta-feira (22), às 18h58 em Nova York, cotadas a US$ 1.6666.

Os papéis reagem ao resultado que representou uma surpresa aos investidores, uma vez que o trimestre foi marcado por medidas que afetaram a produção em virtude do coronavírus.

O desempenho posiciona a companhia rumo a um segundo semestre de sucesso, disse a Tesla. A empresa, no entanto, não forneceu perspectivas para 2020, dizendo que ainda era "difícil" prever paradas e mudanças no sentimento do consumidor na segunda metade do ano.

Também manteve suas metas para 2020 inalteradas em relação à carta do primeiro trimestre, mencionando novamente a "capacidade" de atingir o marco de vender mais de meio milhão de veículos no ano. Há liquidez suficiente para financiar planos de produção e expansão de capacidade a longo prazo, afirmou.

Antes de quarta-feira, a montadora havia reportado três trimestres consecutivos de lucro ajustado. Esse quarto lucro trimestral consecutivo abre a possibilidade de ingressar no índice S&P 500 dentro de alguns meses.

*Com informações do MarketWatch

Comentários
Leia também
ENCRUZILHADA FINANCEIRA

Confissões de um investidor angustiado

Não vou mais me contentar com os ganhos ridículos que estou conseguindo hoje nas minhas aplicações. Bem que eu queria ter alguém extremamente qualificado – e sem conflito de interesses – para me ajudar a investir. Só que eu não tenho o patrimônio do Jorge Paulo Lemann. E agora?

seu dinheiro na sua noite

Fidelidade em baixa com a pandemia

Não, não estou falando da fidelidade entre casais. Até porque, por mais que a convivência excessiva em família na quarentena tenha abalado alguns casamentos, o momento não anda muito propício às puladas de cerca. Estou falando do setor de fidelidade, que abarca as empresas de programas de pontos e milhagem, sobretudo aqueles ligados às companhias […]

Empresa ligada à Vale

Justiça aprova pedido de Recuperação Judicial da Samarco

RJ não terá impacto nas atividades operacionais da mineradora, nem nas ações de reparação e compensação pela tragédia de Mariana

FECHAMENTO

Ibovespa ignora tensão em Brasília e NY no vermelho e avança 1%; dólar também sobe

Enquanto as blue chips garantiram o bom desempenho do Ibovespa, o dólar avançou 0,84%, pressionado pelo noticiário em Brasília

Exaltou integração

Presidente do Banco Central não enxerga competição entre bancos e fintechs

Segundo Campos Neto, a integração entre as mídias sociais e o sistema financeiro é maior inovação que existe no momento

Menos pontos e milhas

Setor de empresas de fidelidade encolhe quase 30% em 2020

O segmento de fidelidade movimentou R$ 5,3 bilhões em 2020, segundo a Associação Brasileira das Empresas do Mercado de Fidelização (ABEMF)

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies