Menu
2019-04-04T08:55:56-03:00
Estadão Conteúdo
após troca de farpas

Em jantar, Maia e lideranças falam em “baixar a temperatura”

Presidente da Câmara avalia que assumiu uma obrigação que não é de sua competência e que cabe ao governo arregimentar votos para aprovação da Reforma

25 de março de 2019
11:15 - atualizado às 8:55
Presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ)
Presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ) - Imagem: Luis Macedo/Câmara dos Deputados

Lideranças do Centrão decidiram tentar "baixar a temperatura" da crise instalada entre o Executivo e o Parlamento nos últimos dias. A conversa foi travada em um jantar realizado neste domingo, 24, na residência oficial de Rodrigo Maia (DEM-RJ). O presidente da Câmara quer acalmar os ânimos e seguir com os trabalhos para a aprovação da reforma da Previdência.

Maia é defensor do projeto independentemente do governo, mas avalia que tinha assumido uma obrigação que não é de sua competência, que é de arregimentar votos para sua aprovação. "Esse é o trabalho dos líderes do governo", disse um interlocutor. "Maia não tem essa responsabilidade institucional", afirmou.

Durante o jantar, os parlamentares conversaram sobre o decreto de Bolsonaro que isentou norte-americanos de visto para entrar no Brasil. Na semana passada, um grupo ameaçava retaliar o governo com a aprovação de um projeto que anularia este decreto de Bolsonaro.

Segundo um líder, Maia sugeriu que essa estratégia fosse abandonada, justamente para acalmar os ânimos. No entanto, esse recuo ainda não é consenso entre os líderes. Eles devem ainda bater o martelo sobre essa questão no início desta semana.

Comentários
Leia também
INVISTA COMO UM MILIONÁRIO

Sirva-se no banquete de investimentos dos ricaços

Você sabe como ter acesso aos craques que montam as carteiras dos ricaços com aplicações mínimas de R$ 30? A Pi nasceu para colocar esses bons investimentos ao seu alcance

Mercados hoje

Posse de Biden eclipsa tensão local e Ibovespa abre o dia em alta; dólar recua

Chegou o grande dia! Donald Trump se despede da Casa Branca e Joe Biden assume como novo presidente dos Estados Unidos. A posse de Biden e a possível sinalização de estímulos já nos primeiros momentos do governo deixam os mercados internacionais no azul nesta quarta-feira (20) O Ibovespa, no entanto, pode sucumbir ao peso da […]

Exile on Wall Street

Por que você está lendo isso?

O falso e platônico herói modelista era economista de um grande banco lá pelo final dos anos 1980, começo dos 1990.

Retomada

IPC-Fipe acelera e sobe 0,86% na 2ª quadrissemana de janeiro (+0,79% na primeira)

Por outro lado, dois componentes perderam força ou aprofundaram leituras no território negativo: Alimentação e Despesas Pessoais (de um recuo de 0,39% para uma queda de 0,79%).

alta de mais de 8%

Olha quem apareceu! Jack Ma participa de evento e ações da Alibaba sobem

Paradeiro do bilionário chinês é motivo de especulações após ele não aparecer em público desde que fez críticas ao governo chinês

o melhor do seu dinheiro

Bolsonaro: muitas caneladas e um gol

pandemia da covid-19. Erramos ao minimizar a gravidade do novo coronavírus e na falta de articulação na negociação para a compra de vacinas. Para Jair Bolsonaro, a fatura é cobrada na queda da popularidade. A avaliação negativa do governo superou a positiva pela primeira vez desde julho do ano passado, de acordo com a pesquisa […]

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements
Advertisements

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies