Menu
2019-04-04T13:59:19-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
A crise vem de dentro

Líder do PSL na Câmara diz que nem o próprio partido de Bolsonaro está convencido sobre a reforma da Previdência

Delegado Waldir afirmou que o projeto de lei sobre a previdência dos militares causou muito descontentamento entre os parlamentares

25 de março de 2019
19:42 - atualizado às 13:59
Delegado Waldir, PSL
Imagem: Cleia Viana/Câmara dos Deputados

O líder do PSL na Câmara, Delegado Waldir (PSL-GO), voltou a fazer críticas sobre a falta de articulação do governo nesta segunda-feira, 25, e colocou em dúvida a aprovação da reforma da Previdência pelo parlamento neste momento.

Para ele, o projeto de lei que altera regras para a previdência dos militares causou muito descontentamento entre os parlamentares, inclusive do próprio PSL, ao agregar no texto a reestruturação da carreira. Para ele, talvez o governo tenha até menos do que os 55 votos (total de deputados do PSL)", disse.

"Nem o PSL está convencido da reforma. Isso eu já falei. Quando chegou a reforma da previdência, eu fui o primeiro a questionar que veio um abacaxi aqui e até agora a faca não chegou aqui não. Não vamos abrir esse abacaxi no dente. Amanhã (terça), Paulo Guedes vai estar aqui e vamos ver se ele traz a faca ou o facão", disse.

Quer nossas melhores dicas de investimentos de graça em seu e-mail? Cadastre-se agora em nossa newsletter
Quer nossas melhores dicas de investimentos de graça em seu e-mail? Cadastre-se agora em nossa newsletter

Ele afirmou que o governo precisa ainda construir sua base e os líderes partidários continuam descontentes. "Existem pessoas específicas que precisam estar no seu papel, recebem por isso e parece que estão errando. Os resultados não estão chegando", disse ele sobre os interlocutores do governo sem citar nomes. "Eu espero que Rodrigo Maia e Bolsonaro soltem a fumacinha da paz e realmente passem a dialogar para que o Brasil avance com as reformas necessárias", disse. Waldir disse que Maia é "apaixonado pela reforma" e que deve trabalhar por sua aprovação.

O líder do PSL espera que o presidente Jair Bolsonaro assuma uma defesa mais contundente da reforma. "O governo não quer assumir a paternidade da reforma", disse. Para ele, Bolsonaro precisa ser mais incisivo na defesa. "Esse filho não pode ficar sem pai, ele está passando fome neste momento e corre o risco de morrer", afirmou. Waldir fez críticas sobre declarações de Bolsonaro sobre "velha política" e chamou de "equívocos repetidos" postagens feitas nas redes sociais pela família do presidente.

Sobre a relatoria da PEC da reforma na CCJ, Waldir disse que o presidente do colegiado, o deputado Felipe Francischini (PSL-PR), está ouvindo partidos e governo para escolher o relator. Segundo ele, não será necessário o aval do ministro da Casa Civil, Onyx Lorenzoni.

Waldir foi questionado sobre uma possível saída do ministro da Economia, Paulo Guedes, do governo. "Se qualquer ministro sair é grave. Se quebrar o posto Ipiranga, vai ter de apelar para Petrobras", disse.

*Com Estadão Conteúdo.

Comentários
Leia também
UMA OPÇÃO PARA SUA RESERVA DE EMERGÊNCIA

Um ‘Tesouro Direto’ melhor que o Tesouro Direto

Você sabia que existe outro jeito de investir a partir de R$ 30 em títulos públicos e com um retorno maior? Fiz as contas e te mostro o caminho

CORONAVÍRUS

Xi Jinping alerta para a ‘grave situação’ criada pela disseminação ‘acelerada’ do novo coronavírus

Até agora, as autoridades disseram que a doença já infectou mais de 1.300 pessoas e matou 41. Mas a Comissão Nacional de Saúde anunciou que 237 pacientes estão em condições graves

ECONOMIA

‘Recessão profunda torna retomada lenta’, diz economista do Insper

“Um ponto a se considerar é que, somando com os resultados de 2018, já são quase 1,2 milhão de empregos desde a crise. O mercado de trabalho demorou para responder, porque a recessão foi muito profunda, mas está respondendo”, falou Sergio Fripo

AINDA SOBRE A 'CAIXA-PRETA'

TCU dá 20 dias para BNDES explicar auditoria milionária da ‘caixa-preta’

Após um ano e dez meses focado em oito operações com as empresas JBS, Bertin, Eldorado Brasil Celulose, a auditoria não apontou nenhuma irregularidade

DE OLHO NA VALE

Vale paga multas ao governo mineiro, mas questiona cobranças do Ibama

De acordo com dados da Semad, foram aplicados até o momento 11 autos de infração em decorrência do rompimento da barragem no dia 25 de janeiro de 2019

OLHO NAS STARTUPS

Volume de aportes em startups do País cresce 80% e atinge US$ 2,7 bi em 2019

O número de aportes, por sua vez, cresceu 8,3% na comparação com 2018, mas não bateu recordes – em 2017, foram 263 investimentos no País, mas com valor individual menor, totalizando US$ 905 milhões

ACORDOS

Bolsonaro assina 15 acordos com a Índia e fala que comércio poderá superar US$ 50 bilhões até 2022

O principal acordo assinado é o de cooperação e facilitação de investimentos (ACFI), segundo o jornal Folha de S.Paulo

MAIS LIDAS DO SEU DINHEIRO

MAIS LIDAS: O sonho da aposentadoria rápida

Caro leitor, O que te assusta mais: o coronavírus ou a fila do INSS? Não tenho dúvidas de que a nova doença foi o assunto da semana no mundo todo, mas o desejo de se aposentar rápido – e sem depender do governo – foi o que bombou aqui no Seu Dinheiro.  O projeto Aposente-se aos […]

DE OLHO NA TECNOLOGIA

Toyota investe US$ 394 milhões em companhia de táxi aéreo elétrico, Joby Aviation

Parecida a um drone, a aeronave tem capacidade para quatro passageiros mais o piloto, possui seis hélices, um alcance de 150 milhas (aproximadamente 240 km) e pode voar até 200 milhas por hora (cerca de 320 km/h)

POLÍTICA

Em Davos, Doria se ‘afasta’ de Bolsonaro

Nesses 12 meses de intervalo, o clima entre os dois não apenas esfriou como houve troca de farpas tendo como pano de fundo o cenário político de 2022

EMPREGO

Em 1º ano, Bolsonaro gera mais vagas que Temer, mas fica atrás de Lula e Dilma

Com a economia ganhando tração a partir do segundo semestre do ano passado, o Caged registrou saldo positivo de 644.079 vagas com carteira assinada em 2019

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements