Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2019-04-05T14:22:39-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
"Consenso" no partido

Ignorando liderança do PSL, Major Vitor Hugo anuncia apoio da bancada à reforma da Previdência

Anúncio do líder do governo ocorre depois que o líder do PSL, delegado Waldir (GO), afirmou que não havia consenso pela proposta

26 de março de 2019
17:46 - atualizado às 14:22
Major Vitor Hugo
Major Vitor Hugo - Imagem: Michel Jesus/Câmara dos Deputados

À revelia da liderança do PSL na Câmara dos Deputados, o major Vitor Hugo (GO), líder do governo na Câmara, atropelou a discussão interna e anunciou o apoio da bancada à proposta da Previdência encaminhada pela equipe econômica. O anúncio intempestivo ocorre após o líder do PSL, delegado Waldir (GO), afirmar que não havia consenso no partido pela proposta.

A reunião do PSL que culminou no anúncio do Major Vitor Hugo teve um pouco mais da metade da bancada presente e não teve total convergência em apoiar a proposta.

"A maioria absoluta aqui presente me autorizou a verbalizar que nós fechamos com a reforma, com a construção da nova Previdência", afirmou o líder do governo.

Dois dos principais atores do partido na Câmara não estavam presentes. O líder do PSL, Delegado Waldir, que na véspera anunciou que o partido não havia fechado questão com a reforma e que o partido aguardava o governo "mostrar a faca" para descascar o "abacaxi" da proposta, e a líder do governo no Congresso, Joice Hasselmann (PSL-SP), que já havia criticado a falta de formalização do apoio.

A reunião foi realizada no apartamento da deputada Carla Zambelli (SP) e contou com 30 parlamentares. O major minimizou as ausências: "Sabemos que vai haver alterações, mas estamos convictos de que o PSL está fechado com a Previdência e também com o pacote anticrime do (ministro da Justiça e Segurança Pública, Sérgio) Moro", disse.

Nos últimos dias, o PSL se dividiu em dois. Um grupo mais ligado ao governo Bolsonaro tem defendido publicamente adesão automática à reforma. Entre os líderes desse movimento está deputa Carla Zambelli e Bia Kicis. Do outro lado, os independentes ou parlamentares de origem partidária que veem a necessidade do governo abrir mais espaço ao PSL. Este último, liderado pelo delegado Waldir e o presidente da legenda, Luciano Bivar.

"Foi um movimento muito importante para nós aqui. Todos os deputados e deputadas presentes puderam expressar os seus posicionamentos e a gente tem certeza que a partir de agora o PSL vai fazer com que nossas angústias internas sejam resolvidas internamente e vamos externar um discurso único para fora, em prol da nova Previdência", afirmou.

No domingo, um grupo de parlamentares externaram no grupo de Whatsapp do PSL a insatisfação com o governo. Entre os mais cobrados estavam Joice Hasselmann e o Major Vitor Hugo. Entre os pontos de reclamação está a falta de interlocução do partido dentro do governo, ausência de uma estratégia de comunicação na Casa e "afago" por parte do presidente. Bolsonaro só recebeu a bancada uma vez desde que assumiu a Presidência.

Nesta terça-feira, líderes de 11 partidos assinaram um compromisso com a aprovação da reforma da Previdência, mas ressaltando que rejeitam dois pontos específicos do projeto do governo: a mudança no Benefício de Prestação Continuada e as alterações nas regras da aposentadoria rural.

*Com Estadão Conteúdo.

Comentários
Leia também
INVISTA COMO UM MILIONÁRIO

Sirva-se no banquete de investimentos dos ricaços

Você sabe como ter acesso aos craques que montam as carteiras dos ricaços com aplicações mínimas de R$ 30? A Pi nasceu para colocar esses bons investimentos ao seu alcance

VAREJO DECEPCIONADO?

Black Friday supera prévias, mas vendas do fim de semana ainda ainda perdem para os números registrados em 2019

Segundo índice calculado pela Cielo, as vendas cresceram 6,9% em relação ao ano passado, mas foram 3,8% inferiores ao período pré-pandemia

Adeus ano velho

Ano novo, impostos novos! Reforma do IR fica para 2022, confirma presidente do Senado

O governo Bolsonaro pressionava pela aprovação da proposta para financiar o Auxílio Brasil, mas não conseguiu apoio na Casa

SEU DINHEIRO NA SUA NOITE

Bitcoin e bolsa se recuperam após susto com nova variante, Azul e Latam sobem o tom e outros destaques do dia

Pouco se sabe ainda sobre a nova variante do coronavírus detectada na África do Sul, mas o que veio à público até agora é muito melhor do que o mercado financeiro precificou na última sexta-feira (26). Sem o pânico visto na semana passada, o Ibovespa encontrou forças para abrir a semana em alta.  Um estudo […]

Fechamento do dia

Mercado supera susto com ômicron, e bolsas globais engatam recuperação; Ibovespa sobe com menos força, de olho na PEC dos precatórios

Pesando os desafios fiscais brasileiros, o Ibovespa fechou longe das máximas, mas se recuperou parcialmente do tombo de sexta-feira

UM ÚLTIMO TUÍTE

Do Twitter para o bitcoin? Jack Dorsey deixa comando da rede social e reacende rumores sobre projeto em criptomoedas

O fundador da rede social passará o cargo para Parag Agrawal, um veterano da empresa, depois de comandá-la de 2006 a 2008 e de 2015 até hoje

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies