Menu
2019-10-23T17:28:46-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
Mais um passo

Comissão especial da Câmara aprova texto principal da reforma da Previdência dos militares

Votação é terminativa, mas o projeto pode ir ao plenário da Casa se for apresentado um requerimento com 51 assinaturas

23 de outubro de 2019
17:28
Comissão Especial sobre a reforma da Previdência dos militares
Imagem: Vinícius Loures/Câmara dos Deputados

A Comissão Especial que discute a reforma da Previdência dos militares na Câmara dos Deputados aprovou o texto base do projeto, que altera as regras para o ingresso na reserva e reestrutura a carreira das categorias.

A votação é terminativa, mas o projeto pode ir ao plenário da Casa se for apresentado um requerimento com 51 assinaturas.

Depois de muitas negociações e acordos, parlamentares retiraram mais de uma dezena de destaques que haviam sido apresentados ao texto. Outros três restaram e serão votados na próxima terça-feira, 29.

Um dos acordos foi feito com o PT para beneficiar os militares de patente mais baixa. Em troca, o partido de oposição se comprometeu a não apresentar requerimento para votação em plenário.

O PSOL e o PSB, no entanto, prometeram trabalhar para reunir as assinaturas necessárias. "A matéria está praticamente resolvida. Acho que a possibilidade de ir a plenário já foi maior", afirmou o presidente da Comissão, deputado José Priante (MDB-PA).

Economia de R$ 10,4 bilhões em 10 anos

O relator do projeto de reforma da Previdência dos militares, deputado Vinícius Carvalho (Republicanos-RJ), disse que as mudanças feitas por ele em seu relatório não alteram a economia prevista pelo governo, de R$ 10,4 bilhões em dez anos. Para os Estados, a economia esperada é de R$ 53 bilhões em dez anos. O relator chegou a falar em R$ 59 bilhões na semana passada, mas disse que se equivocou e o valor sempre foi R$ 53 bilhões.

O relator disse acreditar que os destaques não serão aprovados, já que os parlamentares tiveram várias discussões sobre o parecer, que foi alterado três vezes antes da votação.

*Com Estadão Conteúdo.

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

App da Pi

Aplique de forma simples, transparente e segura

esquenta dos mercados

Após ganhos recentes, incertezas com covid-19 e economia voltam a pesar nos mercados

Com avanço do coronavírus nos EUA e dados mais fracos na Europa, expectativa por recuperação em V dá lugar à cautela

crise no setor

Azul inicia demissões e sindicato afirma que já são mais de mil em todo o País

Empresa informa estar buscando soluções para enfrentar a crise decorrente da pandemia da covid-19

disputa em meio à crise

Acordo com Gol acirra disputa entre sócios da Smiles

Segundo sócios do Carpena Advogados, as operações de compra antecipada de passagens “não estão sendo realizadas pelo interesse da companhia, mas da sua controladora”

caçador de assimetrias

Admirável semestre novo: riscos e oportunidades para a segunda metade do ano

Devemos parar, respirar fundo e observar o panorama de risco, antes de refletir sobre uma suposta alocação ideal. Sobre os risco, eu poderia enumerá-los; veja neste texto

pedido de liminar

MPF pede afastamento de Ricardo Salles

De acordo com doze procuradores que assinam a ação, ministro atuado em série de atos, omissões e discursos que caracterizariam conduta intencional ‘com o objetivo de fragilizar a atuação estatal na proteção do meio ambiente’

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements