2019-04-02T12:29:43-03:00
Vinícius Pinheiro
Vinícius Pinheiro
Diretor de redação do Seu Dinheiro. Formado em jornalismo, com MBA em Derivativos e Informações Econômico-Financeiras pela FIA, trabalhou nas principais publicações de economia do país, como Valor Econômico, Agência Estado e Gazeta Mercantil. É autor dos romances O Roteirista, Abandonado e Os Jogadores
Adeus, estatais

Dinheiro na mão! Privatizações podem render R$ 500 bilhões aos cofres do governo, diz Bradesco

Do total de privatizações esperadas pelo Bradesco, o governo pode arrecadar até R$ 221 bilhões nos próximos dois anos. Isso caso a reforma da Previdência seja aprovada, é claro

2 de abril de 2019
12:29
Participações da Caixa e do BNDES na Petrobras podem render R$ 60 bilhões, segundo o Bradesco BBI - Imagem: Divulgação

R$ 500 bilhões. Esse é o volume de recursos que pode entrar nos cofres do governo com as privatizações e vendas de participações em estatais. A estimativa é do Bradesco BBI, unidade do banco que atende o segmento de atacado.

Quer nossas melhores dicas de investimentos de graça em seu e-mail? Clique aqui e receba a nossa newsletter diariamente

A análise foi feita pela equipe do Bradesco com base nas projeções feitas por Salim Mattar, secretário de Privatizações do governo Bolsonaro. O valor considera as estatais que efetivamente têm condições de serem negociadas, por isso é menor que os R$ 800 bilhões em negócios potenciais esperados pelo governo.

Do total de privatizações esperadas pelo Bradesco, o governo pode arrecadar até R$ 221 bilhões nos próximos dois anos. Os números foram apresentados por Marcelo Noronha, vice-presidente do banco, em uma entrevista coletiva que aconteceu durante um evento promovido pelo BBI para investidores brasileiros e estrangeiros em São Paulo.

O banco também mapeou a forma como essas empresas podem passar para as mãos da iniciativa privada. Do total de privatizações esperadas para os próximos dois anos, R$ 57 bilhões devem acontecer via ofertas públicas iniciais de ações (IPO, na sigla em inglês).

Outros R$ 101 bilhões virão com a venda de ações de empresas já listadas na bolsa (follow ons). Só a venda das participações da Caixa Econômica Federal e do BNDES na Petrobras podem render R$ 60 bilhões, segundo os cálculos do banco.

Os demais R$ 62 bilhões devem vir com a venda direta para investidores estratégicos. "São estatais que prestam serviços para o governo e não teriam demanda no mercado de capitais", afirmou Noronha.

O efetivo cumprimento das projeções para as privatizações depende, é claro, da aprovação da reforma da Previdência. No cenário-base do Bradesco, as mudanças nas regras para a aposentadoria devem ser aprovadas pela Câmara até julho deste ano, co uma economia de até R$ 800 bilhões nos próximos dez anos.

Quer nossas melhores dicas de investimentos de graça em seu e-mail? Clique aqui e receba a nossa newsletter diariamente
Comentários
Leia também
Um self service diferente

Como ganhar uma ‘gorjeta’ da sua corretora

A Pi devolve o valor economizado com comissões de autônomos na forma de Pontos Pi. Você pode trocar pelo que quiser, inclusive, dinheiro

Dê o play!

A bolsa ainda pulsa, mas será um último suspiro? O podcast Touros e Ursos discute o cenário para o Ibovespa

No programa desta semana, a equipe do Seu Dinheiro discute o cenário para o Ibovespa e os motivos que fazem a bolsa brasileira subir

SEU DINHEIRO NA SUA NOITE

O respiro da bolsa brasileira, o tropeço do bitcoin e o vazamento de dados do PIX: confira as principais notícias do dia

Para quem não aguentava mais ver a bolsa brasileira apanhando enquanto Wall Street renovava recordes, este início de ano está sendo o momento da revanche. Ou melhor, de o Ibovespa “correr atrás do prejuízo”. Nesta terceira semana de janeiro, o principal índice da B3 mais uma vez contrariou o exterior e enfileirou altas, enquanto as […]

Fechamento da semana

Ibovespa tem dia morno com exterior negativo, mas termina semana com ganho de 1,88%; dólar fecha em alta, mas acumula queda de 1,05% no período

Bolsa terminou o dia em baixa, com dólar e juros em alta, com piora no exterior e preocupações fiscais

CASOS DE FAMÍLIA

Elon Musk pega pesa pesado com o Twitter após integração de NFTs; veja o que o bilionário falou

Rede social passou a permitir que usuários do iOS, sistema da Apple, utilizassem os chamados tokens não fungíveis como fotos de seus perfis

Renda fixa

Nubank lança fundo para reserva de emergência que busca retorno entre 100% e 105% do CDI – mas tem uma pimentinha

Nu Reserva Imediata é o primeiro fundo de renda fixa da família Nu Reserva; embora seja de baixo risco, ele tem opção de investir em títulos privados