🔴 TCHAUZINHO, NUBANK: Itaú BBA revela o nome da ação que pode colocar o roxinho para comer poeira; CLIQUE AQUI  e descubra a resposta no nosso Telegram

2019-10-14T14:14:34-03:00
Estadão Conteúdo
Fim de papo!

Petrobras anuncia conclusão da venda da TAG com pagamento de R$ 33,5 bilhões pela Engie

Do valor total da transação, aproximadamente R$ 2 bilhões foram destinados à liquidação da dívida da TAG com o BNDES

13 de junho de 2019
18:53 - atualizado às 14:14
Fachada de prédio da Petrobras, com logo da empresa | PETR4 Raízen (RAIZ4)
Imagem: Shutterstock

A operação de venda de 90% das ações da Transportadora Associada de Gás S.A (TAG), subsidiária Petrobras, para o consórcio formado pela franco belga Engie e pelo fundo canadense Caisse de Dépôt et Placement du Québec (CDPQ) foi concluída nesta quinta-feira, 13, com o pagamento de R$ 33,5 bilhões, informaram as companhias.

Comunicados enviados à Comissão de Valores Mobiliários (CVM) por Petrobras e por Engie Brasil Energia explicam que, do valor total da transação, aproximadamente R$ 2 bilhões foram destinados à liquidação da dívida da TAG com o BNDES.

"A Petrobras continuará a utilizar os serviços de transporte de gás natural prestados pela TAG, por meio dos contratos já vigentes entre as duas companhias, sem qualquer impacto em suas operações e na entrega de gás natural para seus clientes", informou a estatal.

A operação é a maior já realizada pela Petrobras, no âmbito de seu processo de desinvestimentos. O empreendimento consiste em 4,5 mil quilômetros que ligam as regiões Norte e Nordeste, e integra os planos do governo de quebrar o monopólio da estatal no mercado de gás natural

O fechamento do negócio era inicialmente esperado para meados de maio, ficou suspenso enquanto o Supremo Tribunal Federal (STF) julgava a necessidade de aprovação do Congresso para a privatização de estatais e suas subsidiárias.

Com a decisão do plenário do STF de que operações de venda ou perda de controle acionário de subsidiárias não precisam do aval dos parlamentares, mas somente a chamada 'empresa-mãe', a venda foi destravada.

Antes da decisão da Suprema Corte, o presidente da Engie no Brasil, Maurício Bahr, já havia indicado que a companhia estava pronta para concluir o negócio assim que houvesse uma definição.

A aquisição foi financiada por meio de títulos e dívidas e foi estruturada através de dez parceiros financeiros.

A Petrobras, vendedora da transportadora de gás, permanece com uma participação de 10% na companhia.

Comentários
Leia também
CUIDADO COM OS ATRAVESSADORES

Onde está o seu iate?

Está na hora de tirar os intermediários do processo de investimento para deixar o dinheiro com os investidores

DIVIDENDO E CAPITAL

Localiza (RENT3) vai colocar R$ 346 milhões no bolso dos acionistas, mas pode “tirar” uma parte em outra operação; entenda

26 de setembro de 2022 - 10:34

Localiza (RENT3) vai distribuir juros sobre o capital próprio (JCP), mas chama acionistas para aumento de capital que pode chegar a R$ 150 milhões

é hora de comprar?

XP inicia cobertura da Eletrobras (ELET3) com recomendação de compra e acredita que o papel pode subir 55%

26 de setembro de 2022 - 10:14

Para a XP, potencial de valorização da Eletrobras (ELET3) tem relação com forte geração de caixa e mudanças trazidas pela privatização

SEM CALMA ANTES DA TORMENTA

Fundador da Terra (LUNA) é procurado em 195 países e bitcoin (BTC) aguarda dados dos EUA: saiba o que movimenta as criptomoedas esta semana

26 de setembro de 2022 - 10:00

Caça ao fundador da Terraform Labs não interfere diretamente nas cotações da Terra (LUNA): o token LUNA salta 5,77% na manhã desta segunda-feira (26)

DÚVIDA CRUEL

Os analistas preferem as ações de shoppings, enquanto os gestores apostam em fundos imobiliários do setor — qual ativo é o ideal para a sua carteira?

26 de setembro de 2022 - 9:34

A retomada do segmento alimenta o otimismo do mercado, mas desperta dúvidas sobre qual é a melhor maneira de aproveitar o bom momento

MERCADOS AO VIVO

Bolsa hoje: Nova York fica instável, mas Ibovespa opera em queda acima de 1%; dólar volta a encostar em R$ 5,40

26 de setembro de 2022 - 9:04

RESUMO DO DIA: As bolsas internacionais operam em tom negativo nesta segunda-feira (26). Com a agenda esvaziada, os investidores mantêm-se cautelosos com a recessão global no radar, além da expectativa da divulgação de importantes dados macroeconômicos ao longo da semana, entre eles o índice de gastos com consumo pessoal (PCE), que mede a inflação nos […]

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies