Menu
2019-04-03T18:13:35-03:00
Estadão Conteúdo
Em evento

Redesenho do pacto federativo é desafio a ser enfrentado, diz Guedes

Perfil oficial do Ministério da Economia publicou declarações feitas pelo ministro Paulo Guedes em evento fechado à imprensa

13 de março de 2019
11:42 - atualizado às 18:13
Paulo Guedes
Ministro da economia, Paulo Guedes - Imagem: WILTON JUNIOR/ESTADÃO CONTEÚDO

O ministro da Economia, Paulo Guedes, disse nesta quarta-feira, 13, que o redesenho da estrutura do pacto federativo será um desafio a ser enfrentado. A afirmação foi feita durante posse do novo presidente do Instituto de Pesquisas Econômicas Aplicadas (Ipea), Carlos Von Doellinger.

O evento é fechado à imprensa, mas o Ministério da Economia colocou algumas frases do ministro na cerimônia em sua conta no Twitter.

"O redesenho da estrutura, o pacto federativo, será o desafio a ser enfrentado. Todo mundo com a mesma cabeça e diagnóstico sobre a recuperação econômica", disse Guedes, segundo postagem da Pasta na rede social.

Em entrevista exclusiva ao jornal O Estado de S. Paulo na última sexta-feira que foi publicada no domingo, o ministro revelou que irá enviar pelo Senado uma proposta de emenda à Constituição (PEC) para desvincular e desindexar todo o orçamento da União, incluindo a forma de repasse de recursos para Estados e municípios.

No evento, o ministro também disse que o desequilíbrio fiscal é resultado "da tragédia econômica" do País. "O desequilíbrio fiscal é resultado da nossa tragédia econômica. É a trajetória dos gastos que permite a recuperação da economia brasileira", disse Guedes. "O descontrole sobre os gastos públicos vêm de 40 anos. Von Doellinger é símbolo de alguém que dá importância à dimensão fiscal", completou o ministro.

Guedes evitou falar com a imprensa ao chegar ao prédio do Ipea. Todos os jornalistas foram barrados na entrada da cerimônia.

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

App da Pi

Aplique de forma simples, transparente e segura

novo programa

Governo anuncia proposta para Renda Cidadã, substituto do Bolsa Família

Proposta é usar os recursos de pagamento de precatórios e parte do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb)

NOVATA NA BOLSA

Subsidiária da Even, Melnick estreia na B3 com queda de mais de 1%

IPO movimentou R$ 713,6 milhões, com as ações sendo precificadas no piso da faixa indicativa

futuro já começou?

Ação da Virgin Galactic, de turismo espacial, dispara 20%

Dois novos relatórios recomendam a compra dos papéis da empresa do bilionário Richard Branson; companhia ainda não opera comercialmente

mercado atento

Risco fiscal no Brasil ‘está em toda a parte’, diz José Júlio Senna

Chefe do Centro de Estudos Monetários do Instituto Brasileiro de Economia da Fundação Getulio Vargas (Ibre/FGV) diz que “a Bolsa de São Paulo, em dólar, é um vexame”

demandas em meio à crise

Concessões no crédito livre sobem 0,5% em agosto, revela BC

Em agosto, no crédito para pessoas físicas, as concessões subiram 2,1%, para R$ 153,3 bilhões. Em 12 meses até agosto, há alta de 3,0%.

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements