Menu
2019-04-04T11:30:17-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
Articulação pela reforma

Onyx: reunião de Bolsonaro com líderes de siglas é 1º passo para abrir governo

Bolsonaro recebe os presidentes das siglas para tratar da aprovação da reforma da Previdência na Câmara e no Senado. Geraldo Alckmin é um dos que vão participar da reunião nesta quinta-feira (4)

3 de abril de 2019
13:00 - atualizado às 11:30
Onyx Lorenzoni
Onyx Lorenzoni - Imagem: Marcelo Camargo/Agência Brasil

O ministro da Casa Civil, Onyx Lorenzoni (DEM), afirmou que a série de encontros entre o presidente Jair Bolsonaro (PSL) e os o dirigentes dos principais partidos políticos é o primeiro passo para abrir o governo às outras legendas.

Oficialmente, só o PSL faz apoio formal ao governo, o que não se traduz necessariamente em cargos. Para o ministro, primeiro é necessário o diálogo para depois convidar e "abrir as portas". "Para que tenhamos uma base constituída, a gente precisa dialogar, convidar e abrir as portas. É o que nós estamos fazendo", afirmou o ministro nesta quarta-feira, 3, após reunião com da Executiva do DEM no Congresso.

Bolsonaro recebe os presidentes das siglas para tratar da aprovação da reforma da Previdência na Câmara e no Senado. O presidente do PSDB e ex-governador de São Paulo Geraldo Alckmin é um dos que vão participar da reunião com Bolsonaro na quinta-feira, 4. Também estão previstos encontros com Romero Jucá (MDB), Ciro Nogueira (PP), Marcos Pereira (PRB), Antonio Carlos Magalhães Neto (DEM), Eurípedes de Macedo Júnior (PROS) e Antonio Carlos Rodrigues (PR).

Segundo o ministro, após a rodada de conversas, o governo vai fazer o convite ao partidos e "abrir as portas". De acordo com ele, a construção da base será expressada na votação da reforma da Previdência. Lorenzoni disse ainda que a consolidação do apoio passa pelas direções partidárias.

Questionado se seria um convite aos partidos para participar do governo, ele respondeu: "é o que estamos fazendo. Abrindo as portas para que (com) os presidentes dos partidos pela via institucional, transparente, a gente faça um diálogo a favor do País."

O encontro com o presidente do DEM era o único que estava marcado. ACM Neto ao lado de Lorenzoni tentam reconstruir as pontos entre Bolsonaro e o presidente da Câmara, Rodrigo Maia. Aliados chegaram a cogitar um jantar ainda nesta quarta-feira quando Bolsonaro chegasse da viagem a Israel. Mas os dois recusaram.

O governador de São Paulo, João Doria (PSDB), ofereceu para intermediar um encontro entre Maia e Bolsonaro, mas novamente o convite foi recusado pela dupla. Um dos responsáveis pela aproximação nos bastidores afirmou à reportagem: "É momento de fugir dos holofotes".

Tarde demais?

Na avaliação de ACM Neto, ainda há tempo para que Bolsonaro organize uma base para votar a reforma da Previdência no Congresso.

"Não é tarde. O governo tem três meses que começou. Ainda tem quase quatro anos pela frente. Está apenas começando essa jornada", disse ACM Neto, que será um dos dirigentes a se encontrar com o presidente nesta quinta. "É oportuna esta conversa. Dá tempo de organizar, sim", enfatizou.

A possibilidade de apoio formal do DEM ao governo, no entanto, não será tema do encontro, de acordo com o dirigente da legenda. "Vamos aguardar a abordagem que o presidente vai fazer."

ACM declarou que o partido está preocupado em avançar na agenda da reforma, mas ponderou ser "fundamental que o governo entenda que é preciso ter uma base".

"É a primeira reunião que vou ter no ano de 2019 com o presidente da República. Entendo que o governo está em uma fase de alinhamento da sua estratégia política de diálogo com os partidos, o que é importante", afirmou.

Questionado se haveria encontro entre os dirigentes para alinhar o discurso com Bolsonaro, ACM Neto rejeitou: "Não vou participar de reunião a não ser esta do Democratas (disse em relação a possibilidade de um encontro de ajustes com outros presidentes que serão recebidos pelo presidente)".

"Não vamos participar de movimento coletivo para criar dificuldades para depois colher dificuldades."

*Com Estadão Conteúdo.

Quer nossas melhores dicas de investimentos de graça em seu e-mail? Cadastre-se agora em nossa newsletter
Quer nossas melhores dicas de investimentos de graça em seu e-mail? Cadastre-se agora em nossa newsletter
Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

App da Pi

Aplique de forma simples, transparente e segura

vale a pena?

O potencial das ações de Tim, Vivo e Oi, segundo este banco suíço

Em relatório, analistas do Credit Suisse comentam suas perspectivas para as empresas, que passam por situações distintas

Exile on Wall Street

De médico, louco e economista, todo mundo tem um pouco

No mercado, não tem muito segredo nem maldade, só um pragmatismo que às vezes assusta mesmo: em linhas gerais, quem quer aplicar (poupar) empresta dinheiro a quem quer empreender

tema de campanha

BNDES gasta R$ 48 milhões para abrir caixa-preta, mas não acha irregularidades

A “caixa-preta” foi um dos temas dominantes na campanha de Bolsonaro. Para muitos apoiadores do presidente, a sua abertura teria potencial para apontar malfeitos maiores do que os descobertos pela Operação Lava Jato na Petrobras

Em Davos

Secretário do Tesouro americano diz que economia mundial não foi comprometida por guerra comercial

Segundo Mnuchin, as projeções para o avanço do PIB dos Estados Unidos em 2020 são “muito baixas” e os recentes acordos comerciais fechados pelo país devem ajudar a impulsionar o crescimento econômico

Deu ruim

Ações da Cia Hering desabam às mínimas em sete meses após decepção com os dados operacionais

O resultado operacional da Cia Hering no quarto trimestre de 2019 foi considerado fraco pelo mercado, com queda na receita bruta e nas vendas mesmas lojas. Com isso, as ações despencam mais de 10% nesta terça-feira

Mudanças na companhia

Embraer realiza segregação de negócio de avião comercial neste mês

Negócio permanecerá integralmente na companhia até a obtenção de todas as aprovações para a parceria estratégica entre Embraer e Boeing

tendências

Monitor do PIB da FGV aponta alta de 0,3% em novembro ante outubro

Monitor do PIB antecipa a tendência do principal índice da economia a partir das mesmas fontes de dados e metodologia empregadas pelo IBGE

"Buy and hold"

BTG Pactual recomenda ação de empresa para “comprar e manter”

Para os analistas do BTG, a empresa tem um “combo vencedor” que inclui altos dividendos, melhores retornos e boas perspectivas de crescimento

em davos

EUA podem tarifar Itália e Reino Unido por causa de imposto digital, diz secretário

Steven Mnuchin afirmou ainda que os EUA não planejam tarifar carros da União Europeia (UE) como forma de forçar o bloco a impor sanções ao Irã

mudanças à vista

Cosan anuncia mudanças e presidente da Raízen assume presidência do grupo

As mudanças começam a valer no dia 1º de abril. Por volta das 10h40, os papeís da Cosan caíam 0,77%, cotados a R$ 78,95.

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements