Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2019-09-16T10:44:43-03:00
Bruna Furlani
Bruna Furlani
Jornalista formada pela Universidade de Brasília (UnB). Fez curso de jornalismo econômico oferecido pela Fundação Getúlio Vargas (FGV). Tem passagem pelas editorias de economia, política e negócios de veículos como O Estado de S.Paulo, SBT e Correio Braziliense.
Novos pombinhos?

Dona da Vivo está de olho na gigante brasileira Oi

De acordo com fontes próximas, a espanhola estaria analisando uma potencial compra da Oi. A companhia brasileira foi avaliada em US$ 6,7 bilhões ou cerca de € 6 bilhões. As informações são do jornal espanhol, El Confidencial. 

16 de setembro de 2019
10:39 - atualizado às 10:44
oi
Imagem: Shutterstock

Depois de rondar no mercado alguns rumores sobre uma possível fusão entre a TIM e Oi, agora quem apareceu como grande interessada pela rival brasileira é a multinacional espanhola Telefônica, que é controladora da Vivo.

De acordo com fontes próximas, a espanhola estaria analisando uma potencial compra da Oi. A companhia brasileira foi avaliada em US$ 6,7 bilhões ou cerca de € 6 bilhões. As informações são do jornal espanhol, El Confidencial.

A publicação afirma ainda que a Telefônica já teria contratado um banco de investimentos para assessorar na compra parcial ou total da companhia. Entre os procurados está o Morgan Stanley.

A compra

Mas, como a Vivo é controlada pela Telefônica e possui o maior percentual de participação no mercado brasileiro, é possível que a Anatel não autorize a compra total da empresa.

Por essa razão, o jornal destaca ainda que o mais provável é que a espanhola compre apenas alguns ativos da Oi, como as torres de telefonia ou os locais responsáveis pelo armazenamento de dados (data centers).

Encontro com Bolsonaro

A publicação diz ainda que o presidente global do grupo espanhol Telefónica, José María Álvarez-Pallete, teria dito anteriormente que a compra de parte da Oi seria uma grande oportunidade, especialmente após a aprovação no Senado do PLC 79. Agora o projeto aguarda apenas a sanção presidencial.

No começo do mês, Álvarez-Pallete se reuniu com o Bolsonaro. Na ocasião, o executivo apresentou o plano de investimento da companhia no país, com foco na expansão da fibra óptica.

O presidente da Telefônica também apresentou a estratégia de aceleração da expansão da fibra. A Vivo tem a maior rede de fibra da América Latina.

Considerando o triênio 2018-2020, a Telefônica Vivo prevê investir R$ 24 bilhões, praticamente R$ 8 bilhões por ano.

Marco das teles

O Senado aprovou na noite da última quarta-feira, 11, o projeto que atualiza o marco legal das telecomunicações no País. A proposta segue agora para sanção presidencial.

O texto deve beneficiar a operadora de telefonia Oi. A avaliação é que o encaminhamento do novo marco legal tende a desencadear diferentes ondas de investimentos no setor.

Em relatório divulgado a clientes, os analistas do BTG pontuaram que "a nova legislação é um gatilho importante para a Oi [...] Acreditamos numa economia na ordem de R$ 1 bilhão com despesas regulatórias da companhia".

Outro ponto importante ressaltado pelos analistas é de que o marco regulatório pode aumentar também as chances de fusões e aquisições.
Comentários
Leia também
CUIDADO COM OS ATRAVESSADORES

Onde está o seu iate?

Está na hora de tirar os intermediários do processo de investimento para deixar o dinheiro com os investidores

Ele está de volta?

Setores fazem pressão por volta do horário de verão

Criado com a finalidade de aproveitar o maior período de luz solar durante a época mais quente do ano, o horário de verão foi instituído no Brasil em 1931 pelo então presidente Getúlio Vargas e adotado em caráter permanente a partir de 2008.

MANOBRAS

Juiz põe no banco dos réus ex-gestores do banco Máxima por gestão fraudulenta

O Banco Máxima S.A. informa que seus atuais acionistas assumiram a administração do banco em 2018, após aprovação pelo Banco Central, e que os integrantes da antiga gestão não têm mais qualquer relação com a instituição financeira

Foguete? Tô fora!

Warren Buffet: o bilionário que não quer conhecer as estrelas

Enquanto Bezos, Musk e Branson protagonizam a nova corrida especial, o Oráculo de Omaha prefere apenas observar

O melhor do Seu Dinheiro

O seu momento Sherlock Holmes

Na adolescência, ouvia que quem buscasse por romance policial brasileiro deveria ler algo do Rubem Fonseca. Era uma vontade minha achar uma história desse gênero que fosse mais próxima da minha realidade — e o filtro nacionalidade me pareceu o mais adequado.  A ideia surgiu depois de ter conhecido parte das histórias criadas por Agatha […]

Mesa Quadrada

Comentarista da ESPN Paulo Antunes fala da sua paixão por futebol americano e experiência no mercado financeiro

Ele conta sobre suas aventuras na cobertura de futebol americano e basquete e ainda revela seus investimentos na Bolsa em novo episódio do podcast Mesa Quadrada

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies