Menu
2019-12-20T22:29:39-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
Ampliando os ativos

FII educacional da Rio Bravo compra 3 imóveis da Cogna

20 de dezembro de 2019
22:29
Painel colorido com o símbolo da Cogna
Imagem: Divulgação/Cogna

A Rio Bravo Investimentos anunciou nesta sexta-feira (20) a compra de três imóveis pertencentes à Cogna Educação. O valor total da negociação soma R$ 150,5 milhões.

De acordo com fato relevante, os ativos estão localizados nas cidades de Belo Horinzonte, Betim e Ipatinga, no Estado de Minas Gerais, e somam 44,5 mil metros quadrados de área.

As três universidades que operam nesses imóveis estão sob a bandeira Pitágoras e atendem, somadas, mais de 12 mil alunos. Os principais cursos ofertados nas unidades são da área da saúde, engenharia e direito.

De acordo com a Rio Bravo, os ativos “estão estrategicamente localizados em importantes regiões metropolitanas, próximos a vias principais e com boa acessibilidade de transporte público”. Ainda segundo o comunicado, a aquisição faz parte da estratégia do Fundo de ampliar sua presença em regiões metropolitanas, com maior exposição à região Sudeste.

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Que pi… é essa?

Eu decidi sair do banco, mas não queria entrar em uma enrascada. Bem, acredito que eu tenha encontrado um portal para fugir dessa Caverna do Dragão das finanças. E cá estou para explicar essa descoberta.

coronavírus no país

Covid-19: Brasil tem 1,2 mil novas mortes e 60 mil novos casos

Até o momento, 2.356.640 pessoas se recuperaram da doença

seu dinheiro na sua noite

A questão de Bolsonaro: ser ou não ser liberal

Ser ou não ser liberal. Eis a questão de Jair Bolsonaro. O presidente foi eleito com uma pauta de defesa das reformas, redução do tamanho do Estado e equilíbrio das contas públicas. O fiador desse discurso foi Paulo Guedes, que assumiu o comando da economia. O receituário foi seguido no primeiro ano de mandato, com […]

de olho nos números

Suzano, JBS, B3, Cyrela, Lojas Americanas, B2W, Hering: os balanços que vão mexer com o mercado nesta sexta

Balanços do segundo trimestre devem guiar os negócios no Ibovespa no último pregão da semana

Balanço

B3 tem lucro 28,9% maior no 2º trimestre e aumenta investimento para dar conta do volume da bolsa

A dona da bolsa brasileira registrou lucro líquido recorrente de R$ 1,012 bilhão e pretende investir até R$ 425 milhões em sistemas e novos produtos para o mercado

confiança com capitalização

Para presidente da Eletrobras, saída de Mattar não prejudica privatização

O presidente da Eletrobras, Wilson Ferreira Junior, disse nesta quinta-feira, 13, que a saída do secretário especial de Desestatização, Salim Mattar, não irá prejudicar a capitalização da empresa prevista para o ano que vem, e que confia que após debates com o Congresso Nacional, o processo seja aprovado

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements