Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2019-10-26T14:05:01-03:00
Estadão Conteúdo
E a crise continua...

PSL vai pedir expulsão de mais três deputados bolsonaristas

Na quinta-feira, a Executiva Nacional oficializou um pedido contra Eduardo Bolsonaro (SP), filho do presidente

26 de outubro de 2019
14:05
Presidente da República, Jair Bolsonaro.
Imagem: Alan Santos/PR

A ala do PSL ligada ao presidente nacional do partido, Luciano Bivar (PE), prepara pedidos de expulsão de ao menos mais três deputados federais ligados ao presidente Jair Bolsonaro - Bibo Nunes (RS), Alê Silva (MG) e Daniel Silveira (RJ). O Estado de S. Paulo apurou que a documentação já está sendo preparada por advogados da sigla. Na quinta-feira, a Executiva Nacional oficializou um pedido contra Eduardo Bolsonaro (SP), filho do presidente, que assumiu a liderança da bancada do PSL na Câmara após uma queda de braço com Delegado Waldir (GO).

Os pedidos de expulsão serão analisados pelo Conselho de Ética da sigla, em paralelo aos processos disciplinares contra os mesmos quatro e mais 15 parlamentares. Os processos foram suspensos no início da semana, após liminar da Justiça que viu indícios de irregularidades na forma como os deputados foram notificados.

A disputa entre "bolsonaristas" e "bivaristas" tem como pano de fundo o controle dos recursos recebidos pelo PSL, que cresceu exponencialmente de um para 52 deputados no ano passado. A estimativa é de que o partido recebe uma quantia próxima de R$ 1 bilhão em recursos públicos até 2022.

Embora o grupo de Bolsonaro tenha conquistado a liderança da bancada, Bivar domina a maioria dos cargos na máquina partidária, o que pode acelerar os processos de expulsões.

Na mira dos bivaristas, Bibo Nunes é acusado de desrespeitar o partido e colegas nas redes sociais. Antigo desafeto de Bivar, ele passou a pedir a saída do dirigente após perder o comando do diretório da sigla no Rio Grande do Sul.

O deputado gaúcho diz não ver a possibilidade de expulsão como um problema. "Para mim, será uma honra, uma placa de ouro", afirmou. "Não existe mais ambiente para permanência, neste partido, comandado pelo déspota Bivar", completou.

'Infiltrado'

Também na mira, Daniel Silveira (RJ) é tratado pelo grupo de Bivar como "traidor" após gravar reunião da bancada em que o então líder do PSL na Câmara, Delegado Waldir, disse que iria "implodir" Bolsonaro. Na ocasião, o deputado disse que agiu "infiltrado" para proteger o presidente.

Waldir ainda tenta levar adiante um processo de cassação do mandato de Silveira no Conselho de Ética da Câmara. Para isso, porém, ainda depende do apoio de mais partidos.

Já a deputada Alê Silva (MG), que já fez acusações contra o ministro do Turismo Marcelo Álvaro Antônio sobre o uso de candidaturas laranjas, foi uma das primeiras a sofrer punições desde que a crise do partido começou.

Na semana passada, após assinar lista para destituir Waldir, ela perdeu a cadeira que tinha na Comissão de Finanças e Tributação da Câmara. O posto foi reconquistado nesta semana, após seu grupo apresentar nova lista e conseguir emplacar Eduardo na liderança da bancada.

*Com informações do jornal O Estado de S. Paulo.

Comentários
Leia também
Um self service diferente

Como ganhar uma ‘gorjeta’ da sua corretora

A Pi devolve o valor economizado com comissões de autônomos na forma de Pontos Pi. Você pode trocar pelo que quiser, inclusive, dinheiro

Antiga InfraCo

Unidade de fibra ótica da Oi (OIBR3) muda de nome para V.tal e sonha com IPO

O novo ativo já nasce com a maior infraestrutura de fibra ótica do Brasil e deve receber cerca de R$ 30 bilhões em investimentos nos próximos quatro anos

sinal verde

Câmara aprova texto-base de projeto que abre caminho para venda dos Correios; veja os próximos passos para a privatização

Aprovação do projeto representa uma vitória para a agenda de privatizações do governo Bolsonaro, mas acontece sob críticas da oposição

no prelo

Biografia: autor de livro sobre Steve Jobs escreverá sobre Elon Musk

Segundo o bilionário, o autor Walter Isaacson o seguiu por vários dias para recolher material para o novo livro

ONDE INVESTIR EM AGOSTO

Onde investir em agosto de 2021: ações de tecnologia, o coração do bitcoin e um combo de ‘retorno absoluto’; veja recomendações

O CIO da Vitreo, Jojo Wachsmann, separou as três melhores pedidas para investidores no mês de agosto; Confira

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies