Menu
2019-09-03T13:08:27-03:00
Vinícius Pinheiro
Vinícius Pinheiro
Diretor de redação do Seu Dinheiro. Formado em jornalismo, com MBA em Derivativos e Informações Econômico-Financeiras pela FIA, trabalhou nas principais publicações de economia do país, como Valor Econômico, Agência Estado e Gazeta Mercantil. É autor dos romances O Roteirista, Abandonado e Os Jogadores
Holding vai às compras

Itaúsa, holding dos donos do Itaú, avalia investimento em 15 novos negócios

Para Alfredo Setubal, presidente da holding que controla o Itaú Unibanco, desconto das ações da Itaúsa na bolsa é excessivo

3 de setembro de 2019
11:19 - atualizado às 13:08
Itaúsa
Imagem: Reprodução

A Itaúsa, holding que concentra os investimentos das famílias Setubal e Villela, dona do Itaú Unibanco, segue com bastante apetite para compras.

No momento, a empresa avalia a possibilidade de investir em 15 novos negócios, segundo Alfredo Setubal, presidente da holding.

A Itaúsa recentemente deu um lance pela Liquigás, dentro do processo de privatização da empresa de distribuição de gás de cozinha conduzido pela Petrobras.

"Tudo indica que pode ser bom negócio", afirmou Setubal, durante o evento anual que a empresa promove hoje com analistas e investidores.

A holding, que assim como o Itaú possui ações negociadas na B3, possui hoje uma equipe de oito pessoas dedicadas a encontrar novas oportunidades de negócio.

A condição para qualquer transação se concretizar é a perspectiva de geração de valor aos acionistas, segundo o presidente da Itaúsa. "Se o negócio não gerar valor, é melhor distribuir dividendos", disse.

A holding vem repassando os dividendos recebidos do Itaú aos acionistas. O retorno sobre dividendos (dividend yield) do investidor em ações da Itaúsa está em 10,2%.

Desconto excessivo

Além do Itaú Unibanco, a Itaúsa detém participações na empresa de materiais de construção Duratex. Nos últimos anos, partiu para as compras de novos negócios, como a empresa de calçados Alpargatas e a Nova Transportadora do Sudeste (NTS), gasoduto que pertencia à Petrobras.

A empresa é negociada hoje na bolsa com um desconto de 21,3% em relação à soma das partes. "Esse desconto vem declinando, mas ainda é muito alto", afirmou Setubal à plateia formada por investidores e analistas.

Comentários
Leia também
OS MELHORES INVESTIMENTOS NA PRATELEIRA

Garimpei a Pi toda e encontrei ouro

Escolhi dois produtos de renda fixa para aplicar em curto prazo e dois para investimentos mais duradouros. Você vai ver na prática – e com a translucidez da matemática – como seu dinheiro pode render mais do que nas aplicações similares dos bancos tradicionais.

Mudança nos juros

COMPARATIVO: Veja o que mudou no novo comunicado do Copom

Veja o que ficou igual e o que mudou na decisão do Copom a respeito da taxa Selic, elevada ao patamar de 3,5% ao ano

CRYPTO NEWS

O mercado está cheio de bitcoin, mas as prateleiras estão vazias

O fluxo de saída da criptomoeda mais famosa das exchanges é algo inédito deste ciclo e pode representar a falta do ativo nas exchanges de cripto

DIA DE DECISÃO

Copom eleva Selic para 3,5% ao ano e indica aumento semelhante na próxima reunião

Essa é a segunda alta consecutiva da Selic em 0,75 ponto percentual — no começo do ano, a taxa de juros estava nas mínimas históricas, em 2% ao ano

FECHAMENTO

Dólar recua e bolsa sobe com mercado dando alta da Selic como certa e forte desempenho das siderúrgicas

No exterior, as bolsas operam sem um sinal único definido. Por aqui, os investidores aguardam a decisão do Copom

um viral que vale US$ 90 bi

Confira os 5 fatos que estão fazendo o Dogecoin subir (de novo) e passar a valer mais que a Petrobras

Valendo US$ 0,68 por unidade, o DOGE ficou próximo dos US$ 90 bilhões em valor de mercado

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies