2019-12-30T20:15:24-03:00
Bruna Furlani
Bruna Furlani
Jornalista formada pela Universidade de Brasília (UnB). Fez curso de jornalismo econômico oferecido pela Fundação Getúlio Vargas (FGV). Tem passagem pelas editorias de economia, política e negócios de veículos como O Estado de S.Paulo, SBT e Correio Braziliense.
NOVO MERCADO

Acionistas do GPA, dona do Pão de Açúcar, aprovam migração para Novo Mercado e conversão de ações PN em ON

Ao converter para ações ordinárias, a empresa acaba com
a diferenciação entre os acionistas e permite que todos tenham direito ao voto

30 de dezembro de 2019
20:15
Imagem: Divulgação

O GPA, dona do Pão de Açúcar (PCAR4) aprovou hoje (30) em assembleia geral extraordinária (AGE) a migração para o Novo Mercado - segmento com maiores exigências em torno da governança corporativa e que permite que as companhias tenham apenas ações ordinárias e que garantem direito ao voto.

Por conta disso, a assembleia de acionistas também autorizou a conversão de ações preferenciais (PN) em ordinárias (ON) na proporção de uma ação ordinária para cada uma ação preferencial. Isso acaba com a diferenciação entre os acionistas, algo que ocorre entre as empresas que também têm papeis preferenciais (PN) e que não dão direito a voto em assembleia.

Outra exigência do Novo Mercado é o "tag along". Na prática, significa que, caso a empresa seja vendida, os minoritários devem receber pelas suas ações o mesmo valor pago ao acionista controlador.

Em fato relevante, o grupo informou que 99,94% dos detentores de ações ON e 53,72% dos titulares de ações PN votaram a favor da conversão.

Os detentores de ações preferenciais terão direito de recesso, e caso optem pelo reembolso, o valor a ser pago será de R$ 41,54 por ação. O prazo para essa opção é de 30 dias da publicação da ata da assembleia especial dos titulares de ações PN, que está prevista para a próxima sexta-feira (3).

Quer nossas melhores dicas de investimentos de graça em seu e-mail? Clique aqui e receba a nossa newsletter diariamente
Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Que pi… é essa?

Eu decidi sair do banco, mas não queria entrar em uma enrascada. Bem, acredito que eu tenha encontrado um portal para fugir dessa Caverna do Dragão das finanças. E cá estou para explicar essa descoberta.

Fechamento Hoje

Tensão entre Rússia e Ucrânia e expectativa com reunião do Fed derrubam bolsas pelo mundo, e Ibovespa cai quase 1%, mas NY vira para o azul na reta final

Wall Street consegue uma virada impressionante e fechar em alta, depois de índices terem chegado a cair mais de 3%; Ibovespa reduziu perdas, mas ainda fechou com queda significativa, enquanto dólar subiu

NOVOS NEGÓCIOS

Google está de olho nas criptomoedas e vai criar unidade de negócio dedicada ao blockchain; entenda o que está por trás da decisão

Antes de se aventurar, gigante de tecnologia assistiu com cautela as movimentações das concorrentes para entrar no mercado de criptomoedas

MELHORA ARTIFICIAL

Pedidos de recuperação judicial caem em 2021 ao menor nível desde 2014

Para os especialistas os números do ano passado não representam uma recuperação econômica, mas uma melhora artificial no ambiente de negócios promovida por políticas públicas pontuais

APOSTA NA SIDERURGIA

A vez da Usiminas: BTG estima alta de mais de 55% para USIM5 nos próximos meses; saiba o que pode impulsionar as ações

Segundo os analistas, a empresa negocia nos múltiplos mais baixos da década e deve surfar na recuperação dos preços do aço