Menu
2019-08-30T11:23:21-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
ecos da polarização

Facebook vê falhas no combate aos boatos no Brasil em 2018

Análise interna da empresa mostra que o gigante não foi capaz de desvelar uma rede de contas espalhando desinformação sobre a vereadora Marielle Franco

30 de agosto de 2019
11:22 - atualizado às 11:23
Mark Zuckerberg Facebook
Imagem: Shutterstock

Uma análise interna do Facebook mostra que o gigante das mídias sociais não foi capaz de desvelar e impedir uma rede de contas no Brasil espalhando desinformação sobre a vereadora do PSOL Marielle Franco, disse o Wall Street Journal.

O assassinato da parlamentar polarizou ainda mais o País às vésperas de uma eleição presidencial disputada em altas temperaturas, mostram documentos obtidos pela publicação.

A empresa também descobriu que um grupo que apoiava o então candidato Jair Bolsonaro estava encorajando os seus seguidores no Facebook a usar um aplicativo que habilitava o grupo a fazer publicações em seu nome duas vezes ao dia, disse a publicação.

O Facebook não sabia sobre essas atividades até ser alertado por repórteres e ainda assim não conseguiu determinar quão difundida ela estava, mostram os documentos.

Baque financeiro

O Facebook sofre um escrutínio público nos últimos meses por conta do uso indevido de informações pessoais de usuários. Em julho, a empresa teve de fechar um acordo de US$ 5 bilhões com a Comissão Federal de Comércio - órgão de defesa do consumidor dos Estados Unidos.

A cifra impactou no lucro líquido do segundo trimestre deste ano da empresa, que caiu 49%, para US$ 2,6 bilhões. Por outro lado, o Facebook teve expansão na receita, em 28%, e na base de usuários, 8%.

Na tarde desta sexta-feira, 30, as ações do Facebook negociadas na Nasdaq sofriam uma queda de 0,4%, sendo cotadas a US$ 184. Acompanhe a cobertura de mercados de hoje do Seu Dinheiro.

*Com Estadão Conteúdo 

Comentários
Leia também
Um self service diferente

Como ganhar uma ‘gorjeta’ da sua corretora

A Pi devolve o valor economizado com comissões de autônomos na forma de Pontos Pi. Você pode trocar pelo que quiser, inclusive, dinheiro

Tudo que vai mexer com seu dinheiro hoje

14 notícias para começar o dia bem informado

Quando o coronavírus desembarcou aqui no Brasil, os economistas debatiam qual seria a letra da crise. Seria um ‘W’? Um ‘V’? Talvez um ‘U’… Ou, na pior hipótese, um ‘L’. Se você não está familiarizado com esses termos, pense em um gráfico do PIB. O ‘V’ é o melhor cenário, marcado por um mergulho da […]

EM SITUAÇÃO DELICADA

FMI vê País com a pior dívida entre emergentes

Situação fiscal ruim do Brasil só é superada por países menores, como Angola, Líbia e Omã

ESQUENTA DOS MERCADOS

Coronavírus assusta, mas balanços corporativos tentam injetar otimismo nos mercados

O aumento do número de casos do coronavírus e a novela do pacote de estímulos fiscais americanos continuam como os principais fatores de cautela no radar dos investidores

INSIGHTS ASSIMÉTRICOS

Lá e de volta outra vez: o maior IPO da história e a pandemia em semana de decisão monetária

Hegel costumava afirmar que a história sempre se repete (como disse, se reordena e retrocede sobre si). Ora, não é que nos deparamos com essas duas ideias nessa última semana de outubro?

Balanços

Santander tem recuperação em “V” e lucro sobe para R$ 3,9 bilhões no trimestre

A unidade local do banco espanhol supera expectativas de longe com lucro líquido de R$ 3,902 bilhões, alta de 5,3% em relação ao terceiro trimestre de 2019

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies