Menu
2019-10-08T14:22:37-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
ford rebaixada

Uma das empresas mais tradicionais do mundo, Ford perde selo de investimento da Moody’s

Para a agência de classificação de riscos, companhia sente o peso de mudanças do mercado, com o surgimento de carros elétricos e autônomos; classificação agora é Ba1

10 de setembro de 2019
12:07 - atualizado às 14:22
Ford
Imagem: Shutterstock

Uma das empresas mais tradicionais do mercado em todo o mundo, a Ford teve sua nota de crédito rebaixada pela Moody's — de Baa3 para Ba1. Ao descer um grau na escala da agência, a empresa perdeu o grau de investimento.

A Ford é criticada em relatório de analistas por conta de um plano de reestruturação de negócios, que custará cerca de US$ 11 bilhões a empresa. Segundo a Moody's, a companhia está numa posição fraca para cumprir as metas desenhadas até agora.

Para a agência de classificação de risco, companhia sente o peso de mudanças do mercado, com o surgimento de carros elétricos e autônomos. Além da popularização dos serviços de compartilhamento de viagens.

A agência diz acreditar que a empresa, no próximo ano e em 2021, terá resultados financeiros fracos e que a companhia deve operar com um fluxo de caixa negativo.

"O fluxo de caixa e as margens de lucro estão abaixo de nossas expectativas e abaixo do desempenho de fabricantes com a mesma classificação de investimento da Ford", disse a agência em relatório divulgado nesta segunda-feira, 9.

Por volta das 11h40 desta terça-feira, as ações da companhia sofriam queda de 4% na bolsa de valores de Nova York, sendo negociadas a US$ 9,16. Veja nossa cobertura de mercados.

Em baixa

os números decepcionantes da Ford não são exatamente uma novidade. A empresa encerrou o segundo trimestre deste ano com lucro líquido de US$ 148 milhões — uma queda de 86% na comparação com os ganhos do mesmo período de 2018.

O lucro por ação (EPS) foi de US$ 0,04 — abaixo dos US$ 0,27 vistos há um ano. O resultado foi menor do que o esperado pelos analistas, que projetavam um lucro por ação de US$ 0,17.

O Financial Times diz que a Ford tem cerca de US$ 100 bilhões em dívida em títulos e empréstimos.

A companhia se mexe: conforme lembra o Business Insider, a Ford anunciou este ano o corte de sete mil postos de trabalho — o que deve trazer uma economia de US$ 790 milhões por ano.

 

 

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Quem é a Pi

Uma plataforma de investimentos feita para ajudar a atingir seus objetivos por meio de uma experiência #simples, #segura, #acessível e #transparente.

Mais uma para a lista

Empresa de shoppings Almeida Junior faz pedido de IPO na CVM

Acionista vendedor é Jaimes Bento Almeida Júnior, fundador da empresa

Seu Dinheiro na sua noite

Um brilho no futuro da Oi

Em recuperação judicial desde 2016 e com uma dívida bilionária, a Oi é uma empresa que divide a opinião de analistas do mercado. Para uns, as ações da tele representam uma aposta de risco, porém com chances de render uma bolada caso o turnaround seja bem-sucedido. Para outros, no entanto, o risco se mostra excessivo, […]

Olha o dinheiro aí

Conselho de administração do Bradesco aprova pagamento de R$ 490,9 milhões em dividendos complementares

O conselho de administração do Bradesco aprovou nesta segunda-feira (17) o pagamento de dividendos complementares, relativos a 2019, no valor de R$ 490.918.326,17. Nesse total, serão pagos R$ 0,058213963 por ação ordinária e R$ 0,064035359 por ação preferencial do banco. O pagamento ocorrerá em 2 de fevereiro, sem retenção de Imposto de Renda na fonte. […]

Martelo batido

Braskem assina acordo de R$ 40 milhões com Ministério Público do Trabalho e põe fim a ação civil

A Braskem anunciou nesta segunda-feira (17) a assinatura de um termo de acordo com o Ministério Público do Trabalho (MPT) que visa a implementação de um Programa para Recuperação de Negócios e Promoção de Atividades Educacionais na cidade de Maceió, Alagoas. No total, a empresa vai desembolsar R$ 40 milhões para colocar o programa em […]

Agora vai?

Maia sinaliza que comissão mista da reforma tributária será formada nesta semana

O presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), disse acreditar na formação da comissão mista da reforma tributária nesta semana. “Acredito que sim”, respondeu Maia quando perguntado sobre a possibilidade. É esta a expectativa, reforçou, do relator da proposta, deputado Aguinaldo Ribeiro (PP-PB). Na semana passada, a secretaria do Congresso Nacional pediu aos líderes da Câmara […]

Recuperação

Com o noticiário corporativo em foco, Ibovespa fecha em alta e retoma os 115 mil pontos

Focado nos balanços trimestrais e nas sinalizações positivas vindas da China, o Ibovespa passou o dia em alta e se recuperou das perdas recentes. O dólar à vista, por outro lado, teve uma sessão mais pressionada e voltou ao patamar de R$ 4,32

Dados do BC

Reservas internacionais subiram US$ 157 milhões no dia 14, para US$ 358,955 bilhões

De acordo com o Banco Central, o resultado é uma consequência da oscilação do valor de mercado dos ativos que compõem as reservas

Novo projeto

Bolsonaro diz que governo está na iminência de mandar a reforma administrativa

Presidente disse que a proposta ainda pode passar por novas alterações ao longo da semana

Na ponta do lápis

Estudo do Banco Central discute objetivos de modalidades de recolhimentos compulsórios

Uma das conclusões é que o nível atual dos compulsórios sobre depósitos à vista está adequado para o cumprimento de sua função

Impacto negativo

Coronavírus pode acentuar enfraquecimento do comércio no 1º trimestre

“O crescimento anual do comércio pode cair no período, embora as estatísticas oficiais para confirmar a hipótese só estejam disponíveis em junho”, disse a instituição

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements