Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2019-09-13T14:28:28-03:00
Estadão Conteúdo
o destino dos 500 reais

56% dos que irão sacar FGTS usarão recursos para pagar dívida, diz Boa Vista

Levantamento identificou ainda que 14% dos consumidores entrevistados que farão o saque irão guardar o valor

13 de setembro de 2019
14:28
FGTS
Imagem: Montagem Andrei Morais / Shutterstock

Do total de pessoas que irão sacar os R$ 500 do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS), a partir desta sexta-feira, 56% utilizarão o dinheiro para pagar as contas, sendo que 42% irão pagar as que estão atrasadas e 14% as que estão em dia, segundo pesquisa feita pela Boa Vista.

Sobre os tipos de conta que pretendem pagar, 37% disseram que pagarão débitos do cartão de crédito. Dívidas pagas com boleto serão a finalidade do FGTS de 27% dos consumidores que farão o saque.

Outros 11% usarão o valor para o pagamento de dívidas de crediário, enquanto 10% pagarão empréstimos. Além disso, 7% usarão o dinheiro para pagar despesas normalmente pagas com cheques. Contas de telefone (6%) e financiamento de automóvel (2%) foram os outros tipos de dívidas apontadas.

Para 46% dos consumidores que farão o saque, o valor do FGTS possibilitará o pagamento de menos da metade das dívidas. Outros 14% afirmam conseguirão pagar todos os débitos com o valor do saque. Já para 9%, mais da metade das contas poderão ser pagas com o valor do saque.

O levantamento identificou ainda que 14% dos consumidores entrevistados que farão o saque irão guardar o valor.

Outros 12% afirmam que pretendem usar o dinheiro para fazer compras no varejo, enquanto 6% pretendem viajar. Por fim, os 12% dos consumidores restantes usarão o valor para outros fins.

Segundo a pesquisa, realizada entre os meses de agosto e setembro, em todo o País, com cerca de 300 consumidores, do total de pessoas que têm direito ao saque dos R$ 500, 67% pretendem realizá-lo tão logo seja liberado.

Considerando apenas os consumidores desempregados, essa fatia aumenta para 81%. Ainda dentro do que têm direito, 33% afirmam não pretender retirar o valor.

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

App da Pi

Aplique de forma simples, transparente e segura

XP anuncia investimento na edtech Resilia

A Resilia é uma edtech que combina tecnologias que potencializam o aprendizado individualizado e em comunidade com um método de ensino que capacita potenciais talentos de uma forma mais rápida para o mercado digital

Análise

Investir em ações de banco ainda é uma boa? Veja 3 motivos que deixam a XP Investimentos cautelosa

Se no ano passado a postura era otimista, agora os analistas do setor financeiro da XP estão mais cautelosos, já que o cenário é de preços elevados dos ativos e uma concorrência e intervenções regulatórias preocupantes.

REFORMA TRIBUTÁRIA

PIB pode crescer 1,6% com redução de IR para empresas, indica estudo

O cálculo de 20% teve como base comportamento das empresas depois de um dos maiores aumentos na alíquota do imposto sobre dividendos no mundo – na França, em 2013, de 15,5% para 46%

ESG

‘Equidade racial se tornou prioridade dentro da Vivo’, diz presidente

Dentro da extensa agenda ESG, que concentra ações ambientais, sociais e de governança, a Vivo aposta na equidade racial

Clube do livro

Das tulipas ao bitcoin: conheça a história das crises financeiras de uma forma irreverente

O maior trunfo de “Crash”, de Alexandre Versignassi, é nos guiar pela história da economia mundial e brasileira traçando paralelos entre o passado e o presente

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies