Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2019-10-02T10:17:45-03:00
Estadão Conteúdo
olho no zuck

CPI das fake news pede relatório de investigações do Facebook

O grupo do Congresso quer detalhes sobre investigações da empresa que resultaram na suspensão de 196 contas e 87 perfis.

2 de outubro de 2019
10:17
Logo do Facebook
Imagem: Shutterstock

A chamada CPI das fake news no Congresso Nacional enviou ofício ao Facebook solicitando a entrega de "relatório completo" sobre as investigações feitas pela empresa que, em julho do ano passado, resultaram na suspensão de 196 contas e 87 perfis.

  • LANÇAMENTO: Pela primeira vez um curso completo de análise gráfica acessível para qualquer pessoa. Apenas 97 vagas no preço promocional. Veja agora.

A comissão parlamentar de inquérito cobra a entrega das informações em até dez dias úteis e avalia sanções caso o prazo não seja cumprido. A CPI quer ainda ouvir o depoimento do deputado Alexandre Frota (PSDB-SP) na sessão do dia 16.

A ação do Facebook em 2018 derrubou quatro páginas ligadas ao Movimento Brasil Livre (MBL), além da Brasil 200, movimento ligado ao empresário Flávio Rocha, que chegou a cogitar se candidatar à Presidência pelo PRB, e diversos outros perfis.

Os detalhes da investigação do Facebook nunca foram divulgados publicamente. A empresa se limitou a dizer que os perfis suspensos "faziam parte de uma rede coordenada que se ocultava com o uso de contas falsas". A reportagem apurou que a investigação durou meses e derrubou até perfis de usuários registrados com identidade real que tinham conexão com contas falsas.

De acordo com o presidente da CPI, senador Angelo Coronel (PSD-BA), a comissão estuda com a consultoria legislativa do Senado o que poderá ser feito caso o Facebook não entregue o relatório. Ele ameaçou "judicializar" a questão se o pedido dos documentos não for atendido.

Dono de quatro páginas derrubadas na época pelo Facebook, o MBL classificou o ato como "censura" em julho de 2018. As páginas suspensas eram de grupos locais do movimento nos municípios de Caraguatatuba, Jacareí, São José dos Campos e Taubaté, no Estado de São Paulo.

'Palanque'

Procurado pela reportagem, o deputado Kim Kataguiri (DEM-SP), eleito pela Câmara após ganhar visibilidade com o MBL, disse não ter tomado conhecimento do ofício envolvendo a investigação do Facebook, e afirmou que a CPI "não é prioridade e nem vai dar grandes resultados". "Acho que vai servir muito mais de palanque do que qualquer resultado prático."

Procurado, o Facebook não quis comentar o ofício encaminhado pela CPI. Em nota, a assessoria do empresário Flávio Rocha, ligado ao movimento Brasil 200, que teve a página suspensa pela rede social, afirmou que "até hoje nunca teve uma explicação" do Facebook sobre o caso.

As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

App da Pi

Aplique de forma simples, transparente e segura

queda livre

GPA (PCAR3) tem queda de 95,9% no lucro líquido no 2º trimestre

O GPA (PCAR3) teve uma queda anual de 95,9% no lucro líquido atribuído aos acionistas controladores durante o segundo trimestre, a R$ 4 milhões – abaixo da previsão de analistas, que girava em torno de R$ 50 milhões. O resultado é em parte reflete da forte base de comparação. Há um ano, os supermercados registraram […]

seu dinheiro na sua noite

WEG: a favorita que levou mais uma vez a medalha de ouro

Nas competições esportivas, sempre há os favoritos ao pódio. Mas a verdade é que o esporte é uma caixinha de surpresas (ainda bem!), e nunca faltarão zebras ou imprevistos para tirar o ouro dos primeiros colocados dos rankings. Nos Jogos Olímpicos de Tóquio já tivemos alguns desses episódios, como a eliminação da tenista Naomi Osaka […]

Tente outra vez

Após cancelar oferta em 2013, Vix Logística protocola novo pedido de IPO na CVM

A empresa busca recursos principalmente para turbinar a expansão de sua frota, atualmente com 20 mil veículos, e locais de atuação

FECHAMENTO DO DIA

Fed recicla discurso e não empolga, mas balanços dão gás para o Ibovespa subir mais de 1%; dólar vai a R$ 5,10

Enquanto o Fed embalava os mercados internacionais, por aqui foi a temporada de balanços que falou mais alto e levou o Ibovespa a uma alta de 1,31%

CRYPTO NEWS

Você já pensou em desistir do bitcoin?

Muitas vezes perguntamos sobre aquilo que já decidimos fazer e queremos apenas o aval dos que estão ao nosso redor

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies