Menu
2019-03-08T06:22:52-03:00
Estadão Conteúdo
Nada certo ainda...

Acordo comercial entre EUA e China não é iminente, diz embaixador

Em entrevista ao Wall Street Journal, Branstad disse que sequer há preparativos para um encontro entre Trump e Xi

8 de março de 2019
6:22
Guerra comercial, China, Estados Unidos EUA
Xi Jinping (China) e Donald Trump (EUA) - Imagem: Shutterstock

Estados Unidos e China ainda não marcaram uma data para uma reunião de cúpula entre os presidentes Donald Trump e Xi Jinping para resolver a atual disputa comercial entre as duas maiores economias do mundo, uma vez que nenhum dos lados acredita que um acordo seja iminente, afirmou hoje o embaixador americano para a China, Terry Branstad.

Em entrevista ao Wall Street Journal, Branstad disse que sequer há preparativos para um encontro entre Trump e Xi. Nos últimos dias, haviam surgido relatos de que os dois se encontrariam na residência de Trump em Mar-a-Lago, na Flórida (EUA), possivelmente no fim deste mês.

Segundo Branstad, negociadores dos dois países precisam reduzir ainda mais a diferença entre suas posições, inclusive no que diz respeito ao fechamento de um eventual acordo, antes que se iniciem preparativos para uma cúpula.

"Ambos os lados concordam que é preciso haver progresso significativo, o que envolveria um sentimento de que estão muito próximos (de algo) antes que isso aconteça", disse. "Ainda não chegamos lá. Mas estamos mais próximos do que nunca estivemos em muito tempo." O embaixador ressaltou, porém, que as negociações comerciais das últimas semanas foram "longas e difíceis".

Branstad também comentou que o caso da gigante de tecnologia chinesa Huawei, que ontem abriu um processo contra os EUA por estar proibida de vender equipamentos de telecomunicações para agências governamentais do país, é "separado" das discussões comerciais em curso. Fonte: Dow Jones Newswires.

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Quem é a Pi

Uma plataforma de investimentos feita para ajudar a atingir seus objetivos por meio de uma experiência #simples, #segura, #acessível e #transparente.

uma bolada

Bradesco paga R$ 5 bilhões em juros sobre capital próprio

Valor representa R$ 0,416 por ação ordinária e R$ 0,458 por ação preferencial, após o desconto do Imposto de Renda

seu dinheiro na sua noite

Dólar abaixo de R$ 5, Selic de volta aos 7% e o investimento da Petz em página de gatinhos

Apesar dos avanços na vacinação e do relaxamento nas medidas de distanciamento social, o fato de ainda estarmos convivendo com o coronavírus e uma elevada mortalidade pela covid-19 faz com que 2021 tenha um sabor de 2020 – parte 2. Assim tem sido, pelo menos para mim. Imagino que também seja assim para todas as […]

atenção, acionista

Weg e Lojas Renner anunciam juros sobre capital próprio; confira valores

Empresa de fabricação e comercialização de motores elétricos paga R$ 86,1 milhões; provento da varejista chega a R$ 88 milhões

Alívio no câmbio

Dólar fica abaixo dos R$ 5,00 pela primeira vez em mais de um ano — e o empurrão veio dos BCs

O dólar à vista terminou o dia em R$ 4,96, ficando abaixo dos R$ 5,00 pela primeira vez desde 10 de junho de 2020. O Ibovespa caiu

Constitucionalidade em xeque

Autonomia do Banco Central: STF retoma julgamento no dia 25, mas recesso pode estender votação até agosto

A lei em análise restringe os poderes do governo federal sobre a autoridade máxima da política monetária do País

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies