Menu
2019-09-09T17:20:53-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
olha a petroleira aí

Olho lá fora: Petrobras vai trocar e recomprar títulos no exterior

Empresa propõe a troca por novos títulos, com vencimento em 15 janeiro de 2030, juros semestrais, pagos nos meses de janeiro e julho de cada ano

9 de setembro de 2019
11:41 - atualizado às 17:20
PetroRio
Imagem: Divulgação

A Petrobras anunciou nesta segunda-feira, 9, uma oferta de troca ou recompra de títulos no exterior, de sete séries, para novos com vencimento mais longo, em 2030.

A Petrobras Global Finance B.V. propõe na "Exchange offer" a troca por novos títulos, com vencimento em 15 janeiro de 2030, juros semestrais, pagos nos meses de janeiro e julho de cada ano; e rendimento de taxa do título do Tesouro norte-americano na data de expiração para o prazo de 10 anos, mais 3,22% a.a.

A "Exchange Offer" expira às 17h de Nova York no dia 13 de setembro. Os detentores dos títulos também receberão um porcentual do pagamento em dinheiro, na proporção do volume ofertado, limitado ao montante total de US$ 3 bilhões.

As ações PETR3 eram negociadas a R$29,68. No ano, os papeis da petroleira acumulam uma alta de cerca de 18%. Veja nossa cobertura de mercados.

Na fila do pão

Os bonds elegíveis são: 4,375% Global Notes com vencimento em maio de 2023; 6,250% Global Notes com vencimento em março de 2024; 5,299% Global Notes com vencimento em janeiro de 2025; 8,750% Global Notes com vencimento em maio de 2026; 7,375% Global Notes com vencimento em janeiro de 2027; 5,999% Global Notes com vencimento em janeiro de 2028; e 5,750% Global Notes com vencimento em fevereiro de 2029.

Já a oferta de recompra propõe que os detentores das sete séries revendam seus títulos para a PGF. O preço de recompra de cada título será calculado a partir do spread sobre a taxa dos Treasury de referência de cada título, mais juros até a data de liquidação, os quais variam de 1,40% a 2,81% conforme o título.

A oferta de recompra estará limitada ao total despendido pela PGF de US$ 500 milhões.

Rating da operação

As três grandes agências de rating globais deram suas notas para a emissão da Petrobras. Fitch e S&P deram o rating "BB-" para a operação, enquanto a Moody's deu a classificação Ba2.

Na prática, a nota da Moody's fica um degrau acima daquelas dadas por Fitch e S&P, e são as mesmas dos ratings corporativos da Petrobras em cada agência.

*Com Estadão Conteúdo. 

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

App da Pi

Aplique de forma simples, transparente e segura

escolha da CEO

Criptomeme bilionário, $moda$ de Hering e Arezzo, aposta contra o BC… veja o que bombou na semana no Seu Dinheiro

Você apostaria contra o Banco Central do Brasil?  Não falo de apostas mequetrefes com a turma do escritório, do tipo “quem perder paga uma rodada”.  Estou falando de colocar o seu patrimônio em investimentos que podem dar retornos altos se o BC estiver errado. Pois é justamente o que defende Rogério Xavier, da SPX Capital, um […]

empresa de porto alegre

Startup Zenvia entra com pedido de IPO na Nasdaq

Empresa quer levantar até US$ 100 milhões; oferta terá seus recursos destinados para pagar o montante utilizado na aquisição da startup D1, entre outros

LDO

LDO de 2022 prevê ‘vacinas’ contra manobras do Orçamento

Proposta exclui a possibilidade de indicação das emendas de relator e proíbe o Congresso de subestimar despesas obrigatórias sem aval do Executivo

negociações no varejo

Negociação de venda da Hering à Arezzo envolve questões de negócio e familiares

Alta cúpula da Arezzo passou os últimos dias em reuniões e deverá formar um grupo de trabalho para tratar sobre a proposta para a Hering, afirmou uma fonte

fique de olho

Itaú anuncia pagamento de juros sobre capital próprio

Serão R$ 0,05648 por ação, com retenção de 15% de imposto de renda na fonte; pagamento é uma antecipação aos aos dividendos e JPC do resultado de 2021

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies