Menu
2019-10-15T13:53:12-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
hora do adeus

Nos EUA, Forever 21 anuncia pedido de recuperação judicial

Empresa, que não é cotada em bolsas, ainda vai sair dos mercados europeu e asiático, mas pretende preservar a operação na América Latina

30 de setembro de 2019
6:44 - atualizado às 13:53
Forever 21
Forever 21 - Imagem: Shutterstock

A varejista americana de moda Forever 21 informou neste domingo, 29, que vai entrar com pedido de recuperação judicial. 178 das 500 lojas existentes nos Estados Unidos serão fechadas.

  • CONVITE ESPECIAL: Hoje é nosso aniversário de 1 ano do Seu Dinheiro. E estamos com uma super novidade para você, leitor. Aqui neste vídeo nosso colunista Fausto Botelho conta os detalhes. Aproveite!

Segundo a empresa, ela vai sair dos mercados europeu e asiático. Mas diz que pretende manter a operação na América Latina. A Forever 21 não tem ações negociadas em bolsa.

"Esse era um passo importante e necessário para garantir o futuro de nossa empresa, o que nos permitirá reorganizar nossos negócios e reposicionar a Forever 21", disse Linda Chang, vice-presidente executiva da empresa, em comunicado.

A Forever 21 atua no Brasil desde 2014. No total, são cerca de 300 lojas da marca fora dos Estados Unidos. A empresa, que tem sede em Los Angeles, na Califórnia, foi vítima de sua própria expansão acelerada e das mudanças rápidas dos gostos dos consumidores. A empresa tem como foco o público jovem, especialmente o feminino.

A varejista disse que vai buscar maximizar os resultados das lojas remanescentes nos EUA.

A Forever 21 foi fundada em 1984 e tornou-se bastante popular entre consumidores jovens a partir de meados dos anos 1990. Competindo com marcas como Zara, a rede chegou a 800 lojas no mundo todo.

Mas, segundo analistas, a companhia falhou em não reagir ao avanço das vendas online, à mudança comportamental dos consumidores quanto ao meio ambiente e preocupações com condições de trabalho nas fábricas produtoras dos produtos.

*Com Estadão Conteúdo 

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Que pi… é essa?

Eu decidi sair do banco, mas não queria entrar em uma enrascada. Bem, acredito que eu tenha encontrado um portal para fugir dessa Caverna do Dragão das finanças. E cá estou para explicar essa descoberta.

Milionários na mira

Biden quer dobrar impostos sobre ganhos de capital dos mais ricos para financiar educação infantil

O presidente dos EUA aposta no aumento das taxas para investidores que ganham acima de US$ 1 milhão para financiar sua nova proposta

Oferta de ações

Caixa Seguridade (CXSE3): reservas para o IPO terminam no dia 26; veja os detalhes e se vale a pena investir

Banco público pretende captar até R$ 6,5 bilhões com a venda de parte de suas ações na empresa que reúne suas participações em seguros

Fechando o bolso

Republicanos contrariam Biden e propõem pacote alternativo de US$ 568 bilhões para infraestrutura

O valor defendido pela oposição é muito inferior aos mais de US$ 2 trilhões propostos pelo presidente democrata

Aceno a Biden

Na Cúpula do Clima, Bolsonaro promete zerar emissões de gases de efeito estufa até 2050

No encontro, organizado por Joe Biden, o presidente do Brasil também se comprometeu a zerar o desmatamento ilegal até 2030

Nem o agro se salva

Centro de Tecnologia Canavieira (CTC) engrossa a lista de IPOs adiados em 2021

A empresa, que já havia interrompido a oferta por alguns dias em janeiro, citou a “deterioração” do mercado em seu segundo adiamento

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies