Menu
2019-04-04T13:46:00-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
EUA

Sob pressão, Trump assina projeto de lei para reabrir governo

O acordo que o presidente norte-americano conseguiu com os líderes do Congresso não contém dinheiro novo para o muro, mas encerra a paralisação mais longa história dos Estados Unidos

26 de janeiro de 2019
9:28 - atualizado às 13:46
GIf de Donald Trump
Donald Trump - Imagem: Giphy

Sob pressão cada vez maior, o presidente dos EUA, Donald Trump, assinou um projeto de lei para reabrir o governo por três semanas, mas afirmou que tentará novamente persuadir os legisladores a financiar a construção de um muro na fronteira com o México.

O acordo que o presidente norte-americano conseguiu com os líderes do Congresso não contém dinheiro novo para o muro, mas encerra a paralisação mais longa história dos Estados Unidos.

O acordo foi aprovado nesta sexta-feira, de forma rápida e unânime, primeiro no Senado, depois a Câmara. Na mesma noite, Trump assinou o projeto. A administração pediu aos chefes dos departamentos federais que reabram os escritórios de maneira "pronta e ordenada".

Os fatos desta sexta-feira foram vistos como uma vitória dos democratas, já que reabrem o governo sem a concessão de fundos para o muro almejado pelo presidente americano.

O recuo de Trump ocorreu no 35º dia de paralisação parcial, em meio ao aumento dos atrasos nos aeroportos do país e não pagamento de salários a centenas de milhares de trabalhadores federais, o que trouxe urgência aos esforços para resolver o problema.

"Isso não foi de forma alguma uma concessão", escreveu Trump em sua conta no Twitter, nesta sexta-feira, afastando os críticos que queriam que ele continuasse lutando.

"Eu estava cuidando de milhões de pessoas que foram gravemente feridas, com o entendimento que, em 21 dias, se nenhum acordo for feito, é hora de prosseguir".

O fechamento terminou quando os líderes democratas insistiram que deveriam reabrir o primeiro governo, depois falar de segurança na fronteira.

"O presidente achou que poderia desbancar os democratas, e não conseguiu, e espero que isso seja uma lição para ele", disse o líder democrata no Senado, Chuck Schumer.

"Nossa união é o nosso poder. E é isso que o presidente pode ter subestimado", disse a presidente da Câmara, Nancy Pelosi.

Trump afirma que o governo pode voltar a sofrer paralisação em meados de fevereiro, caso não seja liberada verba para o muro.

No entanto, quando as negociações forem retomadas, Trump entra em uma posição enfraquecida. Uma grande maioria dos americanos o culpou pelo impasse e rejeitou seus argumentos sobre um muro de fronteira, indicou uma recente pesquisa.

"Se não conseguirmos um acordo justo do Congresso, o governo fechará em 15 de fevereiro novamente, ou usarei os poderes conferidos a mim pelas leis e pela Constituição dos Estados Unidos para resolver essa emergência", disse Trump.

O presidente disse que poderia declarar uma emergência nacional para financiar unilateralmente o muro da fronteira se o Congresso não fornecer o dinheiro. Tal movimento quase certamente enfrentaria obstáculos legais.

Como parte do acordo com os líderes do Congresso, legisladores bipartidários da Câmara e do Senado estavam sendo treinados para considerar os gastos com a fronteira como parte do processo legislativo nas próximas semanas.

"Eles estão dispostos a colocar o partidarismo de lado, eu acho, e colocar a segurança do povo americano em primeiro lugar", disse Trump. Ele disse que uma "barreira" ou muros serão uma parte importante da solução.

*Com Estadão Conteúdo

Comentários
Leia também
Um self service diferente

Como ganhar uma ‘gorjeta’ da sua corretora

A Pi devolve o valor economizado com comissões de autônomos na forma de Pontos Pi. Você pode trocar pelo que quiser, inclusive, dinheiro

O hambúrguer e o câmbio

Está na hora de comprar ou vender dólar? A resposta pode estar no preço do Big Mac

Se levarmos em consideração o preço do sanduíche mais popular do mundo, a moeda norte-americana deveria valer R$ 3,87, segundo o índice calculado pela The Economist

prévias

Eztec tem queda de 48% nas vendas no quarto trimestre

Lançamentos da empresa atingiram R$ 380,8 milhões, chegando a R$ 1,150 bilhão no ano – 85% a mais do que no terceiro trimestre

seu dinheiro na sua noite

2 milhões de mortos, 2 trilhões em estímulos e uma queda de mais de 2%

Se a primeira semana de 2021 nos mercados refletiu o otimismo geral com o novo ano que se iniciava, com perspectivas de vacinação contra o coronavírus e recuperação econômica, na segunda semana do ano, os investidores optaram pela cautela. Por ora, 2020, o ano do qual todos queríamos nos livrar, ainda não ficou para trás. […]

FECHAMENTO

Atritos políticos e covid-19 voltam para assombrar o mercado e Ibovespa recua mais de 2%; dólar sobe forte

Existe uma certa desconfiança de que o plano de US$ 1,9 trilhão apresentado por Biden encontre dificuldades de ser aprovado pelo Congresso, ainda que o democrata tenha conquistado a maioria das duas casas. No Brasil, situação do coronavírus reacende a pressão sobre o cenário fiscal

match com o mercado?

Concorrente do Tinder, Bumble pode levantar US$ 100 milhões em IPO

Ações da empresa estreiam em fevereiro na Nasdaq; companhia, que é dona do Badoo, não deu lucro no ano passado

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements
Advertisements

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies