Menu
2019-04-02T17:22:11-03:00
Estadão Conteúdo
Jogada ensaiada

Eduardo Cury será relator da reforma da Previdência na comissão especial

Deputado escolhido já vinha estudando o texto da matéria e terá nas mãos a missão de convencer os deputados a aprovar o texto que propor

21 de março de 2019
7:26 - atualizado às 17:22
Eduardo Cury
Eduardo Cury - Imagem: Alexssandro Loyola

Em uma jogada ensaiada com o ministro da Economia, Paulo Guedes, o presidente da Câmara,Rodrigo Maia, vai oficializar nos próximos dias o nome do deputado Eduardo Cury (PSDB-SP) como relator da reforma da Previdência na comissão especial que trata o assunto na Câmara. Quando a proposta do ex-presidente Michel Temer estava em análise pela Câmara, ele não quis responder ao Placar do Estadão como votaria.

A escolha de Cury ao posto que ganhará muita relevância na Câmara nos próximos meses é do próprio secretário da Previdência, Rogério Marinho. Filiados ao PSDB, Marinho e Cury se aproximaram ainda na Câmara, onde trabalharam juntos nos últimos quatro anos. Marinho escolheu Cury pelo seu perfil centrado e trabalhador. Na mesa de Marinho havia outros nomes com este mesmo perfil, como o de Reinhold Stephanes. Ao jornal O Estado de S.Paulo, Marinho disse que essa não é uma pauta de partido político, mas de País e o nome escolhido tem de estar comprometido com a pauta. Ele não quis confirmar a escolha de Cury.

A aliados do Centrão, Rodrigo Maia havia demonstrado resistência em indicar o tucano à relatoria da PEC 6/2019. A ideia inicial de Maia era encontrar um nome de consenso dentro desse bloco que atuou unido durante a campanha presidencial. Dentre as principais opções deste grupo, estava o nome de Aguinaldo Ribeiro (PP-PB).

Depois de uma série de reuniões, Rodrigo Maia foi convencido por Marinho e Guedes a ceder. Aguinaldo, porém, passa a ser cotado para a cadeira de relator da proposta da reforma da Previdência na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Câmara.

Deputado reeleito, Cury foi prefeito de São José dos Campos (SP) por dois mandatos consecutivos, de 2005 a 2012. Lá, também atuou como chefe de gabinete do então prefeito Emanoel Ernandes e secretário de Transportes (1997/2002). É formado em engenharia industrial mecânica.

Há três semanas cotado para assumir a relatoria da Previdência, Eduardo Cury já vinha estudando o texto da matéria. Ele terá nas mãos a missão de convencer os deputados a aprovar o texto que propor. Dentro do seu próprio partido, o PSDB, sabe que não tem maioria definida em torno do texto apresentado pelo governo. Cury, porém, já demonstrou a aliados estar disposto a iniciar o diálogo.

Comentários
Leia também
DINHEIRO QUE PINGA NA SUA CONTA

Uma renda fixa pra chamar de sua

Dá para ter acesso a produtos melhores do que encontro no meu banco? (Spoiler: sim).

O MELHOR DO SEU DINHEIRO

Os três mosqueteiros do varejo e outros destaques da noite

Na bolsa e no setor de varejo, a máxima do “um por todos e todos por um” não se aplica. Empresas competem umas com as outras e investidores buscam as melhores aplicações — o “cada um por si” tem bem mais adeptos. Mas, quem diria, três mosqueteiros juntaram suas espadas para comemorar os bons resultados […]

FECHAMENTO DO DIA

Ibovespa sobe puxado pelo minério de ferro e encosta nos 123 mil; NY fecha o dia no vermelho

Com a economia chinesa aquecida, a demanda por commodities segue em alta e sustenta bons níveis para o Ibovespa.

Seleção Empiricus

🔴 AO VIVO: Quais são os investimentos para o segundo semestre? | Seleção Empiricus

Caminhando para o fim do primeiro semestre, nosso time do Seleção Empiricus de hoje discute o que podemos esperar da Bolsa para os próximos meses. A escalação do jogo de hoje conta com Max Bohm, Matheus Spiess, Cris Fensterseifer e Marcos Queiroz.

Segure seus bitcoins

Golpistas se passam por Elon Musk e roubam dinheiro de investidores de criptomoedas

Os criminosos usaram perfis falsos do CEO da Tesla para levar ao menos US$ 2 milhões de entusiastas do bitcoin e outras moedas digitais

Orçamento apertado

Segmentos mais impactados de comércio e serviços tiveram perdas de R$ 225,7 bi em 2020

Montante é maior que o total produzido por países como Sérvia e Tunísia. Varejo de roupas perdeu 10% do seu tamanho no ano passado

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies