Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2019-04-04T14:43:46-03:00
Vinícius Pinheiro
Vinícius Pinheiro
Diretor de redação do Seu Dinheiro. Formado em jornalismo, com MBA em Derivativos e Informações Econômico-Financeiras pela FIA, trabalhou nas principais publicações de economia do país, como Valor Econômico, Agência Estado e Gazeta Mercantil. É autor dos romances O Roteirista, Abandonado e Os Jogadores
Bancos públicos

De volta às compras? Bradesco vai avaliar privatizações do governo Bolsonaro

“Com certeza vamos olhar”, disse Octavio de Lazari, presidente do banco, que também pode atuar como assessor nos processos de venda das estatais e subsidiárias dos bancos públicos

31 de janeiro de 2019
11:09 - atualizado às 14:43
Octavio de Lazari, presidente do Bradesco
Octavio de Lazari, presidente do Bradesco - Imagem: Divulgação/Bradesco

O Bradesco vai avaliar a possibilidade de participar das privatizações das subsidiárias dos bancos públicos que devem ser realizadas durante o governo Bolsonaro. A afirmação é do presidente do banco, Octavio de Lazari.

"Com certeza vamos olhar", disse Lazari, durante teleconferência com a imprensa para comentar o balanço do banco.

Ao comentar o assunto, Lazari chegou a se confundir ao dizer que não poderia participar das privatizações em razão das restrições impostas pelo Cade para aprovar a compra do HSBC. Mas depois foi lembrado de que a proibição para que o banco realizasse novas aquisições no mercado acabou no fim do ano passado.

Mesmo assim, disse que qualquer eventual novo negócio do banco terá de passar pelo órgão de defesa da concorrência.

Assessoria

Além de potencial comprador, o Bradesco também pretende atuar como assessor nos processos de venda das empresas estatais, afirmou Leandro Miranda, diretor de relações com investidores do banco.

Os presidentes do Banco do Brasil, Rubem Novaes, e da Caixa Econômica Federal, Pedro Guimarães, já anunciaram que pretendem vender participações das subsidiárias dos bancos públicos.

Não serão privatizações "clássicas", já que os processos devem ser realizados por meio de ofertas públicas de ações (IPO, na sigla em inglês) na bolsa, nas quais os bancos deverão manter o controle acionário, pelo menos em um primeiro momento.

A Caixa, por exemplo, pretende levar para a bolsa os negócios de seguros, cartões, loterias e fundos. O banco público também pretende atuar no mercado de maquininhas de cartão.

Comentários
Leia também
INVISTA COMO UM MILIONÁRIO

Sirva-se no banquete de investimentos dos ricaços

Você sabe como ter acesso aos craques que montam as carteiras dos ricaços com aplicações mínimas de R$ 30? A Pi nasceu para colocar esses bons investimentos ao seu alcance

SEU DINHEIRO NA SUA NOITE

Alta da Selic, bons números da Weg, IPO do Nubank e dividendos da Gerdau: veja o que marcou o mercado hoje

Há cerca de um mês, o presidente do Banco Central (BC), Roberto Campos Neto, afirmou que a autoridade não mudaria o “plano de voo” a cada novo dado da economia brasileira. Mas, veja só, a realidade obrigou a instituição a recalcular a rota: há pouco, o Copom elevou a Selic em 1,50 ponto percentual, ao […]

Referência em SP

Na corrida do setor de saúde, Rede D’Or (RDOR3) garante fôlego com a compra do Hospital Santa Isabel

O ativo está avaliado em R$ 280 milhões. Porém, conforme explica a empresa, seu endividamento líquido será deduzido na conta final da transação

Ser conservador compensa

Como ficam os seus investimentos em renda fixa com a Selic em 7,75%

Agora até a poupança ganha da inflação projetada. Veja como fica o retorno das aplicações conservadoras de renda fixa agora que o Banco Central elevou a Selic mais uma vez

MUDANÇA NOS JUROS

COMPARATIVO: Veja o que mudou no novo comunicado do Copom sobre a Selic

Veja o que ficou igual e o que mudou no comunicado do Copom a respeito da Selic; a taxa básica de juros foi elevada ao patamar de 7,75% ao ano

CRYPTO NEWS

Sobrevivendo aos altos e baixos do bitcoin: veja sete ensinamentos para os ciclos de criptomoedas

Manter a saúde mental e financeira é um desafio para os investidores do mundo cripto, especialmente em meio ao bull market atual

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies