Menu
2019-06-04T18:25:19-03:00
Jasmine Olga
Jasmine Olga
Cursando jornalismo na Universidade de São Paulo (ECA-USP), já passou pelo Centro de Cidadania Fiscal (CCiF) e o setor de comunicação da Secretaria da Educação do Estado de São Paulo
Más notícias para a Odebrecht

Azedou! LyondellBasell desiste de compra e ações da Braskem desabam

A Braskem disse que seguirá em busca de oportunidades que tenham o potencial de agregar valor à empresa. As ações chegaram a cair mais de 20% no pior momento do dia

4 de junho de 2019
11:07 - atualizado às 18:25
Fábrica da Braskem
Fábrica da Braskem em Mauá. - Imagem: Nilton Fukuda/ Estadão Conteúdo/AE

As conversas entre a LyondellBasell e a Odebrecht já estavam esfriando e agora é oficial: a empresa holandesa desistiu da compra da fatia da Braskem que pertencia à empresa. A decisão foi informada nesta terça-feira (4), em comunicado ao mercado.

Com o anúncio, as ações PNA da Braskem (BRKM5) sofreram forte impacto e fecharam em queda acentuada de 17,11%, a R$ 34,15 — o pior desempenho do Ibovespa. Na mínima, os papéis chegaram a ser negociados a R$ 32,88, uma queda de 20,18%.

A negociação com a LyondellBasell envolvia 100% da fatia da Odebrecht no capital da Braskem. A empresa holandesa informou em seu comunicado que a operação com a Braskem era interessante, mas que após análise cuidadosa as empresas decidiram não seguir com a tratativa.

Em nota, a Braskem  disse ter sido informada pela Odebrecht da desistência do negócio e que agora seguirá em busca de oportunidades que tenham o potencial de agregar valor à empresa e aos seus acionistas.

Na semana passada, a imprensa já havia noticiado rumores de que a conversa entre as empresas havia emperrado. Caso fosse concretizado, o negócio poderia render cerca de R$ 20 bilhões aos cofres da Odebrecht, que passa por momentos delicados. O grupo vive uma uma crise financeira que se arrasta como desdobramento da Operação Lava Jato, da qual foi pivô.

A gota d'água para o negócio desandar pode ter sido a entrada em recuperação judicial de outra empresa do Grupo Odebrecht, a Atvos, que tem ações da Braskem como garantia para a sua dívida de quase R$ 12 bilhões. Agora, a expectativa é que outras empresas do grupo sigam o mesmo caminho.

Segundo o jornal O Estado de São Paulo, além da incerteza jurídica gerada pela recuperação judicial da Atvos, o projeto de extração de sal-gema em Alagoas, que afetou a estrutura geológica de bairros de Maceió, também trouxe problemas para a concretização do negócio e contribuiu para a desistência da empresa holandesa.

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

App da Pi

Aplique de forma simples, transparente e segura

débito ou crédito?

Lucro do PagSeguro soma R$ 430 mi no trimestre; maior da história da companhia

O recorde, contudo, não foi suficiente para evitar que o PagSeguro terminasse 2020 em queda. O lucro líquido ajustado da empresa caiu 2,4% em comparação a 2019, ao alcançar R$ 1,434 bilhão

internet mais rápida

Anatel aprova edital do leilão do 5G

A tecnologia 5G é a quinta geração das redes de comunicação móveis. Ela promete velocidades até 20 vezes superiores ao do 4G

Esquenta dos Mercados

Inflação nos EUA atrai a atenção dos mercados globais e dita o tom das bolsas

Os dados saem às 10h30 e perspectivas do mercado afirmam que, não importa a direção, o índice de preços ao consumidor deve surpreender os investidores

substituição

Localiza anuncia escolha de novo CEO em meio à combinação de negócios com Unidas

Bruno Lasansky, diretor de operações, assume posição no lugar de Eugenio Mattar, que se tornará presidente do conselho de administração

alívio na pandemia

Bolsonaro fala em pagar mais quatro parcelas de R$ 250 em nova rodada do auxílio

Presidente voltou a destacar endividamento do País e diz que auxílio é “para ver se a economia pega de vez”

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies