🔴 TCHAUZINHO, NUBANK: Itaú BBA revela ação que pode colocar o roxinho para comer poeira; CLIQUE AQUI  e descubra a resposta no nosso Telegram

2019-05-09T15:14:58-03:00
Vinícius Pinheiro
Vinícius Pinheiro
Diretor de redação do Seu Dinheiro. Formado em jornalismo, com MBA em Derivativos e Informações Econômico-Financeiras pela FIA, trabalhou nas principais publicações de economia do país, como Valor Econômico, Agência Estado e Gazeta Mercantil. É autor dos romances O Roteirista, Abandonado e Os Jogadores
Balanço

Lucro do Banco do Brasil em 2019 deve ficar perto do teto das projeções, dizem analistas

Após o resultado acima do esperado no primeiro trimestre, analistas começam a trabalhar com lucro próximo a R$ 17,5 bilhões para o Banco do Brasil neste ano

9 de maio de 2019
14:50 - atualizado às 15:14
Fachada do edifício sede do Banco do Brasil em Brasília.
Fachada do edifício sede do Banco do Brasil em Brasília - Imagem: Fernando Bizerra/Agência Senado

Após o resultado acima do esperado no primeiro trimestre, o Banco do Brasil deve atingir um lucro próximo ao teto das projeções feitas pela instituição em 2019, que variam entre R$ 14,5 bilhões e R$ 17,5 bilhões, de acordo com analistas que acompanham o banco.

Nos três primeiros meses do ano, o resultado do Banco do Brasil foi de R$ 4,247 bilhões, um avanço de 40% em relação ao mesmo período do ano passado.

As projeções do mercado apontam para um lucro de R$ 16,6 bilhões do BB neste ano. Mas os analistas esperam uma revisão para cima desse número depois do lucro do primeiro trimestre.

As ações do BB (BBAS3) reagem bem ao balanço, principalmente se levarmos em conta o desempenho ruim da bolsa como um todo hoje. Por volta das 14h28, os papéis eram negociados em alta de 0,47%, cotados a R$ 50,83. Confira também a nossa cobertura completa de mercados.

Embora o lucro tenha ficado acima das estimativas, os analistas chamam a atenção para o fato de o resultado ter sido beneficiado por uma alíquota menor de imposto no período. "A taxa efetiva foi excepcionalmente baixa (17%) e não acreditamos que ela continuará nesse nível", escreveram os analistas do Itaú BBA.

Veja a seguir qual foi a leitura dos analistas sobre os resultados do Banco do Brasil e a recomendação para as ações:

UBS - Acima do esperado em margens, provisões e impostos

Recomendação: compra

Preço-alvo: R$ 68,00

"O Banco do Brasil se beneficiou de menores impostos no trimestre, mas os fundamentos melhoraram mais do que o esperado em várias frentes: margem financeira, custos, provisões e capital - com as tarifas sendo o principal ponto fraco -, o que sustenta nossa visão de que o BB é a melhor opção para a recuperação cíclica da economia."

Itaú BBA - Mirando o topo da projeção de lucro por ação

Recomendação: outperform (compra)

Preço-alvo: R$ 63,00

"Os resultados consolidam nossa visão de que o ponto médio do guidance [projeção] de resultados do Banco do Brasil (R$ 16 bilhões) é conservador, e não excluímos uma revisão para cima do consenso para o lucro (...) O banco continua a reduzir suas principais diferenças (qualidade dos ativos, capital e rentabilidade), o que dará sustento ao momento positivo de resultados."

BTG Pactual - Última linha foi inegavelmente forte

Recomendação: neutra

Preço-alvo: R$ 52,00

"O Banco do Brasil apresentou um forte lucro recorrente. Quando olhamos para o núcleo do resultado, contudo, os números não nos inspiraram, pelo menos quando comparados com as nossas próprias estimativas (...) Nós estamos otimistas com os bancos brasileiros em 2019, e apesar da recomendação neutra, nossa visão para as ações do BB é definitivamente positiva."

Comentários
Leia também
Um self service diferente

Como ganhar uma ‘gorjeta’ da sua corretora

A Pi devolve o valor economizado com comissões de autônomos na forma de Pontos Pi. Você pode trocar pelo que quiser, inclusive, dinheiro

MERCADO EM 5 MINUTOS

Mercado em 5 Minutos: A ansiedade por um clima mais ameno

29 de setembro de 2022 - 9:50

O dia é bastante agitado, com dados de inflação na Alemanha pela manhã e segunda leitura do PIB americano, que deverá confirmar a queda vislumbrada na prévia anterior

MERCADOS AO VIVO

Bolsa hoje: Ibovespa cai mais de 1% e acompanha temor à recessão após queda do PIB dos EUA no 2ºtri; dólar sobe

29 de setembro de 2022 - 9:04

RESUMO DO DIA: As bolsas internacionais operam em tom negativo nesta quinta-feira (29). Os investidores seguem com maior cautela com a expectativa de recessão global no radar. No cenário doméstico, o dia começa com a divulgação do IGP-M de setembro, que apontou uma deflação de 0,95% no mês. Além disso, o mercado aguarda o Relatório […]

CAÇADOR DE TEDÊNCIAS

Day trade na B3: Oportunidade de lucro de mais de 6% com ações da Suzano (SUZB3); confira a recomendação

29 de setembro de 2022 - 8:42

Identifiquei uma oportunidade de swing trade baseada na análise quant – compra dos papéis da Suzano (SUZB3). Veja os detalhes

O MELHOR DO SEU DINHEIRO

Uma lição de Adoniran Barbosa para a bolsa: O trem que o Ibovespa perdeu, joia da B3, crise da Inglaterra e as notícias que mexem com o seu bolso

29 de setembro de 2022 - 8:40

Diante da tensão pré-eleitoral, o principal índice da B3 não conseguiu acompanhar a forte recuperação em Wall Street e a alta por aqui limitou-se a 0,07%.

DE OLHO NA BOLSA

Esquenta dos mercados: Bolsas lá fora ampliam cautela enquanto Ibovespa aguarda debate e relatório da inflação do BC hoje

29 de setembro de 2022 - 7:48

O medo do exterior pressiona as bolsas por mais um dia: a perspectiva de um aperto monetário maior e mais longo injeta aversão ao risco nos investidores

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies