Menu
2019-04-04T13:45:34-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
Eleições Legislativas nos EUA

Democratas levam comando da Câmara em eleições nos EUA

Partido Democrata conseguiu maioria na câmara dos representantes enquanto senado continua sob domínio dos republicanos

7 de novembro de 2018
6:36 - atualizado às 13:45
Donald Trump, presidente americano
Donald Trump - Imagem: shutterstock

Os norte-americanos foram às urnas ontem para escolher seus representantes na Câmara e no Senado.

Enquanto o partido Democrata conseguiu a maioria da câmara dos representantes, o senado continuará sob maioria do partido Republicano.

O cenário configura uma derrota para o governo de Donald Trump à medida que o presidente intensificou sua agenda de comícios e aumentou a quantidade de promessas na tentativa de evitar perder o controle das duas Casas.

"Um sucesso tremendo esta noite. Obrigado a todos!", disse Trump, em seu perfil no Twitter, nos primeiros comentários feitos durante a noite após projeções da imprensa americana indicarem vitória democrata na Câmara. Alguns distritos de Estados como Illinois, Iowa, Nova York, Texas e Virgínia deram vitória aos democratas, sendo que, em 2016, haviam elegido candidatos republicanos.

No Senado, contudo, a força dos candidatos do governo se mostrou maior à medida que nomes como Ted Cruz, no Texas, e Marsha Blackburn, no Tennessee, enfrentaram eleições apertadas, mas confirmaram o favoritismo. Além disso, os republicanos conseguiram "virar" em Estados que estavam sob domínio democrata: Dakota do Norte, Indiana, Missouri e, ao que tudo indica, a Flórida. Os três últimos contaram com a presença de Trump, que fez comícios nas últimas semanas com a finalidade de ampliar sua maioria no Senado.

Reação do mercado

O resultado das eleições foram reverberados durante toda a madrugada nos mercados financeiros. Logo no início da divulgação dos resultados, quando os republicanos se mostraram mais fortes em alguns distritos da Flórida, o dólar foi às máximas em relação a outras moedas principais, como o euro e o iene. No entanto, com a força dos democratas em Estados do centro dos EUA, o dólar reverteu os ganhos e passou a operar em queda, assim como os rendimentos dos títulos públicos americanos.

*Com Estadão Conteúdo

Comentários
Leia também
DINHEIRO QUE PINGA NA SUA CONTA

Uma renda fixa pra chamar de sua

Dá para ter acesso a produtos melhores do que encontro no meu banco? (Spoiler: sim).

pacote comercial

Brasil e EUA assinam acordo para facilitar comércio e desburocratizar regulação

O Acordo de Comércio e Cooperação Econômica vinha sendo negociado pelos dois países desde 2011, mas estava em hibernação até a eleição do presidente Jair Bolsonaro

Relatório de produção

Vale: Produção de minério vai a 88,676 milhões/toneladas, alta anual de 2,3%

No relatório que divulgou nesta segunda-feira, 19, a companhia informa que está evoluindo com seu plano de estabilização e entregou uma forte produção de minério de ferro no terceiro trimestre.

Buscando eficiência

Infraestrutura anuncia início do plano de incorporação da Valec e EPL

Segundo a pasta, um dos principais objetivos da incorporação é “otimizar os gastos por meio de uma empresa mais enxuta, eficiente e sustentável”.

SEU DINHEIRO NA SUA NOITE

Segurando o teto

Hoje foi dia de descolamento entre o Ibovespa e as bolsas americanas novamente. E tudo por causa dos impasses que vêm pesando sobre as perspectivas dos investidores nos últimos tempos. Mas desta vez o jogo virou. Foi a bolsa brasileira que se saiu bem, enquanto as bolsas americanas amargaram perdas. Lá fora, o vaivém das […]

Agora vai?

Agora é oficial: CSN entra com pedido de IPO da unidade de mineração

A abertura de capital da unidade da CSN que inclui a mina Casa de Pedra é aguardada há pelo menos uma década, a ponto de ganhar status de lenda urbana no mercado

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements