Menu
2019-04-05T09:53:27-03:00
Estadão Conteúdo
Operações no setor de energia

Superintendência do Cade dá carta branca para o ato de concentração entre Equatorial, Eletrobras e Intesa

Negócio refere-se à aquisição de 49% do capital social da Intesa pela Equatorial Energia

12 de dezembro de 2018
14:09 - atualizado às 9:53
energia elétrica
Ato de concentração envolvendo o setor de energia foi aprovado pela Superintendência do conselhoImagem: Shutterstock

A Superintendência Geral do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) aprovou sem restrições o ato de concentração envolvendo a Equatorial Energia S.A. (Equatorial Energia), a Centrais Elétricas Brasileiras S.A. - Eletrobras (Eletrobras) e a Integração Transmissora de Energia S.A. (Intesa).

Conforme o parecer publicado no site do Cade, o capital social da Intesa é detido pela Equatorial Energia, que possui 51% das ações, e pela Eletrobras, que detém 49% das ações da referida companhia.

A operação refere-se à aquisição, pela Equatorial Energia, de 49% do capital social da Intesa. Após a operação, a Equatorial Energia deterá a totalidade das ações da Intesa.

Comentários
Leia também
DINHEIRO QUE PINGA NA SUA CONTA

Uma renda fixa pra chamar de sua

Dá para ter acesso a produtos melhores do que encontro no meu banco? (Spoiler: sim).

pandemia

Covid-19: número de mortes sobe para 361,8 mil no Brasil

Nas últimas 24 horas, foram registradas mais 3.459 mortes no país

seu dinheiro na sua noite

Petróleo, minério e tudo que há de bom

Entre o fantasma do Orçamento com pedaladas, a besta da PEC “fura-teto”, o gigante da CPI da Covid e o monstro da pandemia, o Ibovespa conseguiu hoje engatar a terceira alta seguida e fechar acima dos simbólicos 120 mil pontos, marca que o índice não via desde fevereiro. Mas como pode? Bem, mais uma vez […]

hoje não

Hering rejeita proposta da Arezzo para potencial fusão

Segundo a Cia. Hering, a proposta “não atende ao melhor interesse dos acionistas e da própria companhia”

Polêmica na privatização

CVM vai investigar CEEE por suposta omissão na divulgação de informações

A autarquia começará a apuração de uma denúncia de omissão de fatos relevantes sobre a privatização da estatal gaúcha

FECHAMENTO

Commodities em alta levam o Ibovespa acima dos 120 mil pontos pela primeira vez desde fevereiro; dólar recua

O clima incerto em Brasília segue assombrando os investidores, mas ainda assim a bolsa brasileira consegue fôlego com as commodities para se manter no azul

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies