Menu
2019-08-06T17:15:42+00:00
Vinícius Pinheiro
Vinícius Pinheiro
Formado em jornalismo, com MBA em Derivativos e Informações Econômico-Financeiras pela FIA. Trabalhou por 18 anos nas principais redações do país, como Agência Estado/Broadcast, Gazeta Mercantil e Valor Econômico. É coautor do ensaio “Plínio Marcos, a crônica dos que não têm voz" (Boitempo) e escreveu os romances “O Roteirista” (Rocco), “Abandonado” (Geração) e "Os Jogadores" (Planeta).
Nas alturas

Após nova rodada de captação, Nubank agora vale quase R$ 40 bilhões

Dona do cobiçado cartão roxo, Nubank já é a sexta maior instituição financeira do país em número de clientes e maior banco digital do mundo

26 de julho de 2019
16:41 - atualizado às 17:15
Cartão da fintech Nubank
Cartão da fintech Nubank - Imagem: Divulgação

Agora é oficial. O Nubank confirmou que captou US$ 400 milhões (R$ 1,5 bilhão) em uma nova rodada de investimentos. A empresa dona do cobiçado cartão roxo não confirma, mas foi avaliada em cerca de US$ 10 bilhões (aproximadamente R$ 38 bilhões) no aporte de capital, segundo informações de mercado. O negócio consolida a fintech brasileira como o maior banco digital do mundo.

Os investimentos foram liderados pelo fundo americano TCV. Trata-se do primeiro negócio relevante na América Latina realizado pelo fundo, que já colocou dinheiro em empresas como a plataforma de hospedagem Airbnb e nas redes sociais Facebook e LinkedIn.

Os fundos que já haviam investido em rodadas anteriores do Nubank, como Tencent, DST Global, Sequoia Capital, Dragoneer, Ribbit Capital e Thrive Capital, também entraram com dinheiro na nova rodada.

Quer nossas melhores dicas de investimentos de graça em seu e-mail? Cadastre-se agora em nossa newsletter
Quer nossas melhores dicas de investimentos de graça em seu e-mail? Cadastre-se agora em nossa newsletter

A captação acontece pouco mais de uma semana depois de o banco digital alemão N26, espécie de versão europeia do Nubank, anunciar uma captação de US$ 170 milhões e confirmar os planos de desembarcar no Brasil.

Com o novo aporte, a fintech brasileira acumula US$ 820 milhões captados em sete rodadas de investimento. Criada em 2013, a empresa informa que já é a sexta maior instituição financeira do Brasil em número de clientes, com mais de 12 milhões de usuários de seus cartões.

A empresa começou com uma emissora de cartão de crédito sem anuidade, vinculada a um aplicativo pelo celular, mas vem expandindo os produtos. Primeiro, com a criação de conta que permite pagamentos, depósitos e que proporciona um rendimento de 100% do CDI sobre o saldo. E, mais recentemente, com a concessão de empréstimos pessoais e conta para micro e pequenas empresas. Neste ano, também deu início à expansão internacional, com escritórios no México e na Argentina.

O único teste no qual o Nubank ainda não passou é o do lucro. Desde a criação, a empresa do cartão roxo sempre operou no vermelho. No primeiro trimestre, por exemplo, registrou prejuízo de R$ 50,6 milhões.

Os céticos em relação ao modelo do banco digital – e das fintechs em geral – questionam justamente a capacidade de transformar um bom produto para os clientes em um negócio rentável para seus acionistas. E você, o que acha? Deixe seu comentário logo abaixo ou lá no meu Twitter.

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Que pi… é essa?

Eu decidi sair do banco, mas não queria entrar em uma enrascada. Bem, acredito que eu tenha encontrado um portal para fugir dessa Caverna do Dragão das finanças. E cá estou para explicar essa descoberta.

olho nos números

Prévia da inflação de agosto tem menor taxa para o mês desde 2010

IPCA-15 variou 0,08%; no ano, o índice acumula alta de 2,51% e, em 12 meses, de 3,22%, informa o IBGE

atenção

Confiança do consumidor sobe em agosto, mas ainda há cautela, diz FGV

Índice de Confiança do Consumidor subiu 1,1 ponto no mês em comparação a julho, chegando a 89,2 pontos

segue a tensão

China promete novamente contramedidas em reação a tarifas dos EUA

Segundo o porta-voz, apesar da decisão do presidente americano, Donald Trump, de adiar algumas das cobranças, as tarifas violaram um consenso entre as potências

Títulos públicos

Veja os preços e as taxas do Tesouro Direto nesta quinta-feira

Confira os preços e taxas de todos os títulos públicos disponíveis para compra e resgate

Prudência

Cautela no exterior faz Ibovespa operar em queda; dólar sobe a R$ 4,05

O Ibovespa aparece no campo negativo e volta ao patamar dos 100 mil pontos, pressionado pelo tom de maior precaução que toma conta dos ativos globais

Câmbio

BC vende US$ 550 milhões em leilão à vista de dólar

Com venda integral do lote ofertado, não teremos, hoje, o leilão de swap tradicional. Mercado trocou swap por dólar de verdade

no documento

BCE discutiu pacote de estímulos monetários em reunião de julho, mostra ata

Banco Central Europeu também considerou examinar formas de fortalecer sua orientação futura (“forward guidance”) paras os juros

tudo que vai mexer com seu dinheiro hoje

Bienvenido ao paraíso dos especuladores

Enquanto (quase todos) os bancos centrais do mundo reduzem os juros, há uma taxa em escalada aqui do lado. A Argentina subiu seu juro para 74% ao ano diante do pânico dos investidores com a vitória da esquerda nas eleições primárias no início do mês. Poxa, 74% ao ano na renda fixa é uma bolada, […]

será que vai?

Guedes não mostrou proposta de privatização da Petrobras, diz Bolsonaro

Ontem, reportagem disse que o governo quer concluir a venda da estatal até 2022; as ações da Petrobras dispararam

mais um que passou

Câmara aprova projeto que permite posse de arma em toda a propriedade rural

Projeto segue para Bolsonaro sancionar ou vetar; regra atual diz que posse só é permitida na sede da propriedade

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements