🔴 [TESTE GRÁTIS] NOVO APP PODE GERAR ATÉ R$ 680 POR DIA COM 3 CLIQUES – CONHEÇA

Jasmine Olga
Jasmine Olga
É repórter do Seu Dinheiro. Formada em jornalismo pela Universidade de São Paulo (ECA-USP), já passou pelo Centro de Cidadania Fiscal (CCiF) e o setor de comunicação da Secretaria da Educação do Estado de São Paulo
O FANTASMA DA RJ

Light (LIGT3) nega estar na iminência de uma recuperação judicial, mas isso não impede as ações de despencarem na bolsa

Segundo informações do jornalista Lauro Jardim, do jornal O Globo, a empresa deve decidir nos próximos dias o seu futuro, dando entrada oficial no pedido de recuperação judicial “em breve”

Jasmine Olga
Jasmine Olga
7 de fevereiro de 2023
13:05 - atualizado às 13:59
Fantasma RJ na frente da b3 e gráficos
Imagem: Shutterstock / Divulgação / Montagem Brenda Silva

O fantasma da recuperação judicial (RJ) ronda a B3 neste início de 2023. 

Primeiro foi a surpresa do caso Americanas (AMER3), com a gigante do e-commerce virando o mercado financeiro local de cabeça para baixo em poucos dias e entrando oficialmente em RJ. 

Depois, foi a notícia de que a Oi (OIBR3) pediu uma medida cautelar contra os seus credores para evitar entrar no seu segundo processo de recuperação em menos de dois meses que chacoalhou as estruturas. 

Agora, o fantasma da recuperação judicial parece rondar a empresa de distribuição de energia Light (LIGT3) — e as ações são fortemente penalizadas. 

Desde que a empresa confirmou ter contratado a Laplace Finanças para assessorar a companhia na melhora de suas estratégias financeiras e estrutura de capital, os papéis despencam na bolsa, uma vez que a Laplace ficou conhecida por auxiliar a Oi em seu processo de recuperação judicial. 

As agências de risco Fitch, Moody e S&P já reagiram ao noticiário, rebaixando as notas de crédito da companhia e de algumas de suas subsidiárias. O desempenho negativo do papel ainda teve contaminação do caso Americanas, já que Beto Sicupira, um dos principais acionistas individuais da Light, também é sócio da 3G Capital. 

No último mês, os papéis de LIGT3 já recuaram mais de 30% e nesta terça-feira (07), eles recuam mais 10%. Isso porque há rumores de que a próxima semana possa ser decisiva para a empresa. 

Segundo informações do jornalista Lauro Jardim, do jornal O Globo, a empresa deve decidir nos próximos dias o seu futuro, dando entrada oficial no pedido de recuperação judicial "em breve". Hoje, a Light necessita de R$ 3,3 bilhões para se financiar pelos próximos dois anos. 

Como resultado, as ações da empresa despencam cerca de 10% na bolsa hoje, valendo R$ 2,81. Acompanhe toda a nossa cobertura de mercados. 

A reação negativa dos investidores ocorre mesmo após a empresa ter negado que está caminhando para uma RJ. 

Em nota enviada ao Broadcast, a empresa disse que não está na "iminência de pedir recuperação judicial" e que a contratação da Laplace para assessorá-la apenas na avaliação de estratégias financeiras e melhorias na sua estrutura de capital. 

A reportagem do Seu Dinheiro também procurou a Light, mas a empresa não respondeu até a publicação dessa matéria. O texto será atualizado com o posicionamento da companhia assim que houver uma nota oficial. 

Compartilhe

Novo guidance

Nem assim a Vale (VALE3) agradou: mineradora revisa estimativas, mas novos números não dão fôlego às ações na bolsa

20 de junho de 2024 - 16:56

Companhia informou novos números sobre Salobo (Pará) e Sadbury (Canadá), entre outros ativos

LEVANTAMENTO DA QUANTUM

Americanas (AMER3) ou Oi (OIBR3): qual é a empresa mais endividada da bolsa brasileira? Confira o ranking das maiores recuperações judiciais da B3

20 de junho de 2024 - 14:18

A disputa foi acirrada, já que ambas as companhias registram dívidas na casa dos R$ 50 bilhões; veja quem liderou o “pódio ingrato”

SINAL VERDE

Justiça acata recuperação extrajudicial do Grupo Casas Bahia (BHIA3) e varejista ganha prazo maior para pagar dívida bilionária

20 de junho de 2024 - 8:20

O cronograma de pagamentos se estendeu de 22 meses para 78 meses — ou de pouco menos de dois anos para seis anos e meio

NA POSSE

A Petrobras (PETR4) vai mudar de novo? As declarações de Lula sobre lucro e impostos da estatal — “Haddad vai ficar feliz”

19 de junho de 2024 - 19:33

O presidente discursou na cerimônia de posse de Magda Chambriard, que assume o comando da petroleira — e deu pistas sobre o que pretende fazer com a empresa daqui para frente

UM EXTRA NA CONTA

Acionistas do Itaú (ITUB4) devem receber mais dividendos bilionários até o fim de 2024 — e quem diz isso é o CEO do bancão

19 de junho de 2024 - 13:09

Milton Maluhy Filho afirmou ter convicção de que uma nova rodada de proventos extraordinários será anunciada neste ano — mas há outras possibilidades para os recursos do banco, incluindo aquisições

QUEM FICARÁ COM ELA

Bola dividida na Sabesp (SBSP3): veja três concorrentes ao posto de acionista de referência na privatização da companhia

19 de junho de 2024 - 10:10

O cobiçado posto está em disputa; afinal, o acionista de referência poderá apontar o nome do futuro presidente da Sabesp, bem como ter outras regalias dentro da companhia

AVANÇO NO PRJ

Light (LIGT3) recebe luz verde da Justiça para plano de recuperação judicial — e terá que pagar R$ 30 mil para alguns credores logo de cara

19 de junho de 2024 - 8:48

Serão contemplados cerca de 28 mil credores da Light, ou 60% dos detentores de dívidas da empresa de energia

QUARTETO DE INFRAESTRUTURA

As 4 ações de energia para se ‘blindar’ do sobe e desce do Ibovespa em 2024, segundo gestor com mais de R$ 35 bilhões em ativos

19 de junho de 2024 - 6:11

Para Marcelo Sandri, sócio e gestor da Perfin, as ações da Eletrobras (ELET3), Equatorial (EQTL3), Eneva (ENEV3) e Energisa (ENGI3) são opções para proteger a carteira

CORRIDA DAS BIG TECHS

Tchau, Microsoft (MSFT34): Depois de entrar para o “clube do trilhão”, Nvidia (NVDC34) se torna a empresa mais valiosa do mundo

18 de junho de 2024 - 18:04

A fabricante de chips alcançou US$ 3,34 trilhões em valor de mercado nesta terça-feira (18), superando também a Apple (AAPL34)

ÁGUA NO CHOPE

Após queda de 19% no ano, XP rebaixa recomendação para ações da Ambev (ABEV3)

18 de junho de 2024 - 13:00

Corretora cita “riscos baixistas” para a ação da Ambev, como insumos mais caros e potencial limitado de crescimento de lucro

Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies

Continuar e fechar