O melhor time de jornalistas e analistas do Telegram! Inscreva-se agora e libere a sua vaga

2022-01-05T10:31:53-03:00
Carolina Gama
AGENDA CHEIA

Oi (OIBR3) convoca acionistas para assembleia geral no dia 27 de janeiro; saiba o que será discutido no encontro

Empresa busca unificação de operações com o objetivo de reduzir de custos e impulsionar os ganhos de sinergia

4 de janeiro de 2022
20:50 - atualizado às 10:31
Logotipo da Oi
Imagem: Shutterstock

Os acionistas da Oi (OIBR3) têm um compromisso para este início de ano: a assembleia geral marcada para o próximo dia 27. A missão: analisar a proposta de incorporação da Oi Móvel, em recuperação judicial.

A subsidiária será extinta e o acervo líquido, avaliado em R$ 1,073 bilhão, será incorporado ao patrimônio da Oi.

 "A incorporação representa uma das operações de reorganização societária previstas no Plano de Recuperação Judicial, com vistas à otimização das operações e incremento dos resultados da Oi e suas controladas diretas e indiretas, bem como à obtenção de uma estrutura mais eficiente e adequada", diz a empresa em fato relevante. 

Na nota, a Oi indica ainda que tem a totalidade de ações da subsidiária, por isso não haverá aumento no patrimônio líquido, nem alteração do capital social nem diluição aos acionistas.

A Oi e os frutos da unificação

A empresa estima que a unificação das operações trará redução de custos e ganhos de sinergia, gerando maior eficiência na oferta de serviços. Os custos da incorporação devem ficar em torno de R$ 27,9 milhões. 

A incorporação  da subsidiária está prevista no Plano de Recuperação, aprovado em Assembleia Geral de Credores e homologados pelo juízo da 7ª Vara Empresarial da Comarca da Capital do Estado do Rio de Janeiro.

Veja também - Magalu (MGLU3) é oportunidade: com queda de 74% no último ano, a ação pode subir até 200% daqui para a frente

Comentários
Leia também
UMA OPÇÃO PARA SUA RESERVA DE EMERGÊNCIA

Um ‘Tesouro Direto’ melhor que o Tesouro Direto

Você sabia que existe outro jeito de investir a partir de R$ 30 em títulos públicos e com um retorno maior? Fiz as contas e te mostro o caminho

NOITE CRIPTO

Não durou muito: bitcoin (BTC) opera em queda e volta a ficar abaixo do nível de US$ 30 mil; veja a performance das outras criptomoedas

O peso da perda de confiança do mercado é um dos pontos que mais afastam o investidor do mercado de criptomoedas atualmente

DISTRIBUINDO MAIS DO QUE COMBUSTÍVEIS

Dividendos e JPC: Vibra Energia (VBBR3) anuncia o pagamento de R$ 131 milhões em proventos; confira prazos

Ao todo, a distribuidora de combustíveis já pagou R$ 663 milhões em dividendos e juros sobre capital próprio no exercício de 2021

CSN (CSNA3) e CSN Mineração (CSNA3) vão recomprar até 164 milhões de ações; veja o que muda para os acionistas

As duas companhias aproveitam o momento descontado na B3 para encerrar os programas atuais e iniciar novas operações com duração de um ano

SEU DINHEIRO NA SUA NOITE

Inflação derruba bolsas, Hapvida vai às compras e a varejista que ameaça o Magalu; confira os destaques do dia

Depois de um dia de animação, preocupações com o movimento dos preços e a atividade econômica pelo mundo estragaram o humor dos investidores

FECHAMENTO DO DIA

Inflação americana come margem de grandes empresas e derruba bolsas globais; Ibovespa cai mais de 2% e dólar cola em R$ 5

Com inflação pressionando e China voltando a fechar cidades, o Ibovespa caiu menos que as bolsas em Wall Street, mas ainda assim amargou fortes perdas

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies