🔴 MELHORES MOMENTOS DO MACRO SUMMIT BRASIL 2024 – ASSISTA AQUI

Jasmine Olga
Jasmine Olga
É repórter do Seu Dinheiro. Formada em jornalismo pela Universidade de São Paulo (ECA-USP), já passou pelo Centro de Cidadania Fiscal (CCiF) e o setor de comunicação da Secretaria da Educação do Estado de São Paulo
Existe esperança

Elon Musk flerta com a possibilidade de seguir em frente com a compra do Twitter — mas antes quer certeza sobre o número de usuários da rede

O bilionário Elon Musk, dono da Tesla, voltou a usar o próprio Twitter para pressionar os executivos da rede social

Jasmine Olga
Jasmine Olga
6 de agosto de 2022
15:19 - atualizado às 15:27
Elon Musk com o passarinho azul símbolo do Twitter nos ombros
O bilionário Elon Musk - Imagem: Shutterstock, Twitter e Andrei Morais

A batalha final entre Elon Musk e os executivos do Twitter será definida no tribunal de Delaware, em outubro, mas o bilionário segue utilizando o seu perfil na rede social para a flertar com a possibilidade do acordo de US$ 44 bilhões se concretizar. 

Neste sábado (06), o empresário afirmou que o negócio ainda pode se concretizar, mas, para isso, é preciso que o Twitter confirme detalhes de como calcula os números reais de usuários, diferenciando-os de contas fakes. 

Depois que Musk desistiu do acordo, que havia sido anunciado em abril, o alto escalão da empresa decidiu tentar na justiça a concretização da transação. 

Como resposta, o CEO da Tesla procurou a justiça para contra-processar a rede social, afirmando que os números apresentados pelo Twitter enganaram a sua equipe e pode ser categorizada como fraude. 

De acordo com a Reuters e o Market Watch, a empresa não respondeu o pedido de esclarecimentos. 

Em resumo: Elon Musk afirma que o Twitter não consegue comprovar o número real de bots ou contas falsas dentro da sua plataforma, o que tira valor da companhia. 

Na época do ocorrido, o Twitter rejeitou essa afirmação e argumentou que Musk não aderiu aos termos do acordo, inclusive violando um acordo de confidencialidade e depois se gabando disso no Twitter. A empresa de mídia social processou Musk em 12 de julho, buscando fazer cumprir os termos da transação.

Em outro tuíte, Musk voltou a questionar a quantidade de usuários falsos diários do site. 

Tudo culpa dele!

Twitter registrou resultados abaixo do esperado no segundo trimestre deste ano, e colocou parte da conta pelo desempenho ruim no bilionário. A rede social registrou prejuízo de US$ 270 milhões, o equivalente a 35 centavos por ação. 

A receita somou US$ 1,18 bilhão, e a companhia afirmou que o cenário econômico tem sido desfavorável para os ganhos com publicidade e também que a “incerteza relacionada à aquisição pendente do Twitter por Elon Musk pressionou os negócios”.

A NOVA ERA do Twitter (TWTR34) nas mãos de Elon Musk

Compartilhe

BRIGA PELO TRONO GRELHADO

Acionistas da Zamp (BKBR3) recusam-se a ceder a coroa do Burger King ao Mubadala; veja quem rejeitou a nova oferta

21 de setembro de 2022 - 8:01

Detentores de 22,5% do capital da Zamp (BKBR3) já rechaçaram a nova investida do Mubadala, fundo soberano dos Emirados Árabes Unidos

FECHAMENTO DO DIA

Inflação americana segue sendo o elefante na sala e Ibovespa cai abaixo dos 110 mil pontos; dólar vai a R$ 5,23

15 de setembro de 2022 - 19:12

O Ibovespa acompanhou o mau humor das bolsas internacionais e segue no aguardo dos próximos passos do Fed

De olho na bolsa

Esquenta dos mercados: Cautela prevalece e bolsas internacionais acompanham bateria de dados dos EUA hoje; Ibovespa aguarda prévia do PIB

15 de setembro de 2022 - 7:42

As bolsas no exterior tentam emplacar alta, mas os ganhos são limitados pela cautela internacional

FECHAMENTO DO DIA

Wall Street se recupera, mas Ibovespa cai com varejo fraco; dólar vai a R$ 5,17

14 de setembro de 2022 - 18:34

O Ibovespa não conseguiu acompanhar a recuperação das bolsas americanas. Isso porque dados do varejo e um desempenho negativo do setor de mineração e siderurgia pesaram sobre o índice.

De olho na bolsa

Esquenta dos mercados: Depois de dia ‘sangrento’, bolsas internacionais ampliam quedas e NY busca reverter prejuízo; Ibovespa acompanha dados do varejo

14 de setembro de 2022 - 7:44

Os futuros de Nova York são os únicos que tentam emplacar o tom positivo após registrarem quedas de até 5% no pregão de ontem

FECHAMENTO DO DIA

Inflação americana derruba Wall Street e Ibovespa cai mais de 2%; dólar vai a R$ 5,18 com pressão sobre o Fed

13 de setembro de 2022 - 19:01

Com o Nasdaq em queda de 5% e demais índices em Wall Street repercutindo negativamente dados de inflação, o Ibovespa não conseguiu sustentar o apetite por risco

De olho na bolsa

Esquenta dos mercados: Bolsas internacionais sobem em dia de inflação dos EUA; Ibovespa deve acompanhar cenário internacional e eleições

13 de setembro de 2022 - 7:37

Com o CPI dos EUA como o grande driver do dia, a direção das bolsas após a divulgação dos dados deve se manter até o encerramento do pregão

DANÇA DAS CADEIRAS

CCR (CCRO3) já tem novos conselheiros e Roberto Setubal está entre eles — conheça a nova configuração da empresa

12 de setembro de 2022 - 19:45

Além do novo conselho de administração, a Andrade Gutierrez informou a conclusão da venda da fatia de 14,86% do capital da CCR para a Itaúsa e a Votorantim

FECHAMENTO DO DIA

Expectativa por inflação mais branda nos Estados Unidos leva Ibovespa aos 113.406 pontos; dólar cai a R$ 5,09

12 de setembro de 2022 - 18:04

O Ibovespa acompanhou a tendência internacional, mas depois de sustentar alta de mais de 1% ao longo de toda a sessão, o índice encerrou a sessão em alta

novo rei?

O Mubadala quer mesmo ser o novo rei do Burger King; fundo surpreende mercado e aumenta oferta pela Zamp (BKBR3)

12 de setembro de 2022 - 11:12

Valor oferecido pelo fundo aumentou de R$ 7,55 para R$ 8,31 por ação da Zamp (BKBR3) — mercado não acreditava em oferta maior

Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies