🔴 3 ações para LUCRAR com a SELIC em alta: clique aqui e descubra quais são

2022-03-04T13:12:30-03:00
Camille Lima
HORA DE RECEBER?

Tem ‘dinheiro esquecido’ a receber? Saques começam na próxima segunda-feira; saiba quando você pode resgatar os valores

Segundo o Banco Central, existem R$ 4 bilhões esquecidos em bancos que devem ser devolvidos a mais de 28 milhões de brasileiros; calendário de resgate foi dividido em três fases

4 de março de 2022
12:29 - atualizado às 13:12
Mão segurando notas de dinheiro (real), cada nota de cinquenta reais
Saques do "dinheiro esquecido" em bancos começam segunda-feira (07). Imagem: Marcos Santos/USP Imagens

Se você faz parte dos mais de 28 milhões de brasileiros que descobriu possuir algum dinheiro ‘esquecido’ em bancos, chegou a hora de saber quanto somam os valores e, finalmente, resgatá-los.

Como foram identificados R$ 4 bilhões a serem pagos para aproximadamente a 26 milhões de CPFs e 2 milhões de CNPJs, as datas para consulta e saque do dinheiro foram divididas em três fases.

Os períodos dependem única e exclusivamente do ano em que você nasceu, no caso da pessoa física, ou criou a sua empresa, para a pessoa jurídica.

As três fases do calendário

Para aqueles nascidos antes de 1968, o dinheiro já pode ser resgatado a partir da próxima segunda-feira (07) — e terá quatro dias para ser sacado, podendo ser retirado até a sexta-feira (11).

O pessoal (e as empresas) mais jovem, porém, ainda vai ter que esperar um pouco mais para receber os valores esquecidos.

Os nascidos entre 1968 e 1983 poderão consultar e resgatar o dinheiro entre os dias 14 e 18 de março.

Já aqueles que nasceram depois de 1983 terão a penúltima semana deste mês para checar quanto têm a receber e enfim sacar o dinheiro, com intervalo estabelecido entre 21 e 25 de março para realizar as operações.

“E se eu perder o prazo?”

Calma que não é somente uma chance para retirar o dinheiro esquecido. Caso você perca os prazos iniciais de resgate, ainda terá chance de entrar para a repescagem e sacar os valores. 

Para os nascidos antes de 1968, a repescagem ocorre em 12 de março, enquanto para os que nasceram entre 1968 e 1983 e depois de 1983, nos dias 19 e 26 do mesmo mês, respectivamente.

Mas, se você também perder seu sábado de repescagem, poderá consultar e/ou solicitar o resgate do saldo existente a partir de 28 de março. 

E, se mesmo assim o usuário não solicitar a retirada do dinheiro durante todo esse período, os valores continuarão guardados.

Como conferir se existe ‘dinheiro esquecido’

Para descobrir se você tem algum dinheiro esquecido a receber, basta consultar a plataforma do banco central Sistema Valores a Receber (SVR) no endereço valoresareceber.bcb.gov.br.

Ou seja, para dar andamento no processo, é preciso que o usuário esteja cadastrado na plataforma gov.br, do governo federal.

Caso esteja tudo certo, para realizar o login no SVR, é necessário informar o CPF ou o CNPJ e a data de nascimento da pessoa ou a de abertura da empresa.

Mas, se não estiver apto agora, o usuário poderá tentar novamente a partir de 2 de maio, quando uma nova fase será aberta na plataforma, incluindo mais "saldos esquecidos".

Como resgatar o dinheiro

Agora que você já sabe se possui algum valor para receber, chegou a hora de resgatar esse dinheiro. Para isso, você deve acessar o Sistema Valores a Receber (SVR) e fazer o login com sua conta gov.br, do mesmo modo que fez para consultar se tinha dinheiro esquecido antes.

Em seguida, é preciso ler e aceitar o Termo de Responsabilidade para chegar à etapa de consulta. Agora, você pode checar:

  • o valor a receber;
  • a instituição que deve devolver o valor;
  • a origem do valor a receber; e
  • as informações adicionais.

Agora, o sistema do Banco Central possui duas opções para a retirada dos valores. 

A primeira é " Solicitar por aqui ", em que a instituição oferece a devolução do valor através de Pix em um prazo de até 12 dias úteis.

Para isso, basta escolher qual chaves Pix você deseja utilizar, informar os dados pessoais e guardar o número de protocolo fornecido na operação, para o caso de precisar entrar em contato com a instituição.

Caso apareça “Solicitar via instituição", significa que a instituição não oferece a opção de devolução via Pix em até 12 dias úteis.

Por isso, você deve entrar em contato pelo telefone ou e-mail informados para definir com a própria instituição como será devolvido esse valor.

Cuidado com golpes

Assim que lançado, o sistema do Banco Central para consulta do dinheiro esquecido, o SVR, já se viu envolto por golpes.

Os golpistas estão aproveitando o momento para conseguir dinheiro e, agora que os saques vão começar, as fraudes podem aumentar ainda mais. Por isso, é importante que você saiba como desviar das farsas. Confira todas as dicas do Banco Central para evitar golpes financeiros.

Fraudes no WhatsApp

Além de sites falsos, os cibercriminosos também utilizam o WhatsApp para enganar as pessoas que estão em busca do dinheiro esquecido nos bancos.

Uma forma de fraude pede que a vítima repasse uma mensagem a 10 contatos de sua rede no aplicativo.

No momento em que compartilha a mensagem, o usuário é encaminhado para sites falsos que sempre indicam que existe um valor entre R$ 1 mil e R$ 4 mil "esquecido" em seu nome.

O site também solicita que a vítima registre o nome completo, CPF e sua chave Pix com a promessa de saque instantâneo do dinheiro.

O que diz o Banco Central

O Banco Central avisa: a instituição não pode solicitar que o cidadão informe seus dados pessoais ou sua senha de acesso para resgate dos valores no SVR.

Além disso, o BC não envia links nem entra em contato com o cidadão para tratar sobre valores a receber ou para confirmar seus dados pessoais.

Comentários
Leia também
INVISTA COMO UM MILIONÁRIO

Sirva-se no banquete de investimentos dos ricaços

Você sabe como ter acesso aos craques que montam as carteiras dos ricaços com aplicações mínimas de R$ 30? A Pi nasceu para colocar esses bons investimentos ao seu alcance

GALINHA DOS OVOS DE OURO

Subsidiária da MRV (MRVE3) nos EUA garante mais de R$ 1 bilhão para construtora com venda de empreendimentos na Flórida

A Resia vendeu dois conjuntos localizados na Flóridas e a negociação rendeu cerca de R$ 375 milhões aos cofres da incorporadora

O MELHOR DO SEU DINHEIRO

A quadrilha triste do Ibovespa e o nascimento de uma nova gigante; confira os destaques do dia

O mês de junho vai chegando ao fim, mas o mercado financeiro parece longe de se juntar às alegres festividades juninas espalhadas pelo país.  Na B3 e em Wall Street, os investidores dançam uma quadrilha pra lá de triste e cheia de obstáculos.  Não estamos falando de uma ponte quebrada, uma cobra perdida ou uma […]

FECHAMENTO DO DIA

Ibovespa despenca mais de 11% e tem o pior mês desde março de 2020; dólar sobe a R$ 5,23

O início do aperto monetário do Federal Reserve levou os ativos globais a ter um semestre para esquecer – e o Ibovespa não escapou disso

Proventos

Dividendos: Rede D’Or (RDOR3) e Raia Drogasil (RADL3) vão distribuir quase R$ 300 milhões em juros sobre capital próprio; veja detalhes

Pagamento de nova leva de proventos aos acionistas está previsto para o dia 16 de julho, no caso da Rede D’Or

ALTAS E BAIXAS

Destaques da bolsa: Fleury (FLRY3) e Hermes Pardini (PARD3) disparam com fusão; TC (TRAD3) e Light (LIGT3) despencam

A nova consolidação no setor de saúde mexeu com o segmento nesta quinta; a renúncia do CEO da Light pesou sobre as ações da empresa

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies