🔴 3 ações para LUCRAR com a SELIC em alta: clique aqui e descubra quais são

2022-05-29T18:52:49-03:00
Jasmine Olga
Jasmine Olga
É repórter do Seu Dinheiro. Formada em jornalismo pela Universidade de São Paulo (ECA-USP), já passou pelo Centro de Cidadania Fiscal (CCiF) e o setor de comunicação da Secretaria da Educação do Estado de São Paulo
O pior já passou?

De volta ao céu? JP Morgan recomenda compra das ações da Cielo (CIEL3) e ações disparam na bolsa

Para os analistas do banco americano, a Cielo tem se mostrado eficiente em conter custos e repassar o preço aos seus clientes

26 de maio de 2022
13:03 - atualizado às 18:52
Arte conceitual mostrando uma maquininha de cartões da Cielo (CIEL3)
Cielo (CIEL3) - Imagem: Divulgação

Com o aumento da concorrência e a piora do cenário macro, as ações da Cielo (CIEL3) estão longe das suas máximas e colecionam diversas cicatrizes dos últimos anos difíceis. 

As quedas das margens sequenciais e a perda significativa de fatia de mercado deixou os analistas menos otimistas com os papéis – segundo levantamento feito pela plataforma Trademap, das 14 recomendações computadas, apenas duas são de compra. 

Depois de passar os últimos cinco anos alternando entre indicações de venda e neutra, os analistas do JP Morgan passaram a ver as ações da empresa de maquininhas como uma boa oportunidade de compra. 

Desempenho das ações da Cielo (CIEL3) nos últimos cinco anos

Isso porque a companhia tem sido eficaz no repasse do aumento de custos e tem mantido suas despesas e sua fatia do mercado sob controle. Além disso, o banco americano espera que a companhia consiga distribuir dividendos que representem cerca de 40% da receita total após a venda e gestão de subsidiárias que impactam negativamente o balanço. 

Com isso em mente, os analistas do JP Morgan passaram a recomendar a compra dos papéis CIEL3, com um preço-alvo de R$ 5, um potencial de alta de 37%, ainda bem longe das máximas do papel. Nesta quinta-feira (26), os papéis reagiram com um forte avanço de mais de 10%.

O que mudou na Cielo?

Confira os principais gatilhos para a mudança de atitude dos analistas do JP Morgan com relação aos papéis da Cielo:

  • Depois das fortes perdas de participação de mercado dos últimos anos, o ritmo de queda parece ter se estabilizado, o que deve ter impacto positivo nas receitas dos próximos trimestres. Nos últimos três balanços divulgados, a empresa de maquininhas sustentou a faixa dos 26%. 
  • A forte alta da Selic do último ano passou a demandar um reajuste nos preços dos serviços oferecidos, uma movimentação difícil de ser realizada diante do cenário econômico complicado e forte pressão inflacionária. A Cielo, no entanto, mostrou que está conseguindo levar adiante a sua estratégia de reprecificação, o que deve levar a um crescimento da receita nos próximos meses.
  • A alta dos juros tende a castigar empresas de crescimento com grande exposição ao setor de tecnologia, mas a Cielo está se comportando bem diante do cenário. Para os analistas do JP Morgan, os custos seguem sob controle, em um patamar melhor do que outros concorrentes
  • A venda da subsidiária Merchant e-Solutions tem sido um gatilho importante para a recuperação dos papéis em 2022, e o banco americano acha que ainda existem muitos frutos a serem colhidos dessa operação, como o menor impacto negativo das operações no balanço e a possibilidade de que a Cateno, uma joint venture da Cielo com o Banco do Brasil, possa ser corretamente precificada. Hoje, a Cateno sozinha vale cerca de R$ 9 bilhões, quase a mesma coisa que o valor de mercado total da Cielo – cerca de R$ 10 bilhões. 
Comentários
Leia também
OS MELHORES INVESTIMENTOS NA PRATELEIRA

Garimpei a Pi toda e encontrei ouro

Escolhi dois produtos de renda fixa para aplicar em curto prazo e dois para investimentos mais duradouros. Você vai ver na prática – e com a translucidez da matemática – como seu dinheiro pode render mais do que nas aplicações similares dos bancos tradicionais.

Fraqueza nos números

Entrega de veículos da Tesla (TSLA34) recua no segundo trimestre e vem abaixo da expectativa do mercado

Apesar do crescimento das vendas na comparação anual, houve uma queda em relação ao trimestre anterior

Mais uma vítima

Após tomar calote do 3AC, exchange Voyager Digital suspende saques, depósitos e negociações de clientes

Corretora de criptomoedas tomou calote de mais de US$ 670 milhões, mas, apesar de ter tomado empréstimos, precisou paralisar atividades

Bancões na área

Vão sobrar uns cinco ou dez bancos digitais, e o Next está entre eles, diz CEO do banco digital do Bradesco

Renato Ejnisman diz ainda que Next visa a mais aquisições e pensa ainda em internacionalização

No vermelho

Magazine Luiza (MGLU3) é a ação com o pior desempenho do Ibovespa no primeiro semestre de 2022; outras varejistas e techs também sofreram no período

Com queda acumulada de quase 70% no ano, ações do Magalu são as piores do Ibovespa no semestre que acaba de terminar

Proteção

Qual título público comprar no Tesouro Direto? Santander recomenda papel indexado à inflação para o mês de julho; veja qual

Recomendação do banco para o Tesouro Direto visa proteção contra a inflação e possibilidade de valorização

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies