O melhor time de jornalistas e analistas do Telegram! Inscreva-se agora e libere a sua vaga

2022-04-20T13:16:08-03:00
Jasmine Olga
Jasmine Olga
É repórter do Seu Dinheiro. Formada em jornalismo pela Universidade de São Paulo (ECA-USP), já passou pelo Centro de Cidadania Fiscal (CCiF) e o setor de comunicação da Secretaria da Educação do Estado de São Paulo
DESINVESTIMENTO

JBS (JBSS3) sobe após venda de mais 20 milhões de ações feita pelo BNDES

O processo iniciou em dezembro e, desde então, o banco já realizou três operações de venda – a última delas nesta manhã. O mercado espera uma conclusão do desinvestimento na JBS até o fim do ano

20 de abril de 2022
13:06 - atualizado às 13:16
JBS (JBSS3)

O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) segue comprometido com o seu projeto de desinvestimento e foi mais uma vez à bolsa para vender uma parcela relevante da sua fatia na JBS (JBS3). 

O processo iniciou em dezembro e, desde então, o banco já realizou três operações de venda – a última delas nesta manhã. 

Segundo a Agência Bovespa, mais de 20 milhões de ações da JSB foram vendidas em uma operação de block trade, com um valor de R$ 38,38 por papel, uma alta de 2% com relação ao fechamento de ontem. A operação, realizada no leilão de abertura, movimentou cerca de R$ 767 milhões. 

Até agora, esse foi o menor bloco vendido pelo banco. Em dezembro, o BNDES levantou R$ 2,66 bilhões. Já em fevereiro deste ano, a quantia vendida totalizou R$ 1,9 bilhões. As ações da JBS reagiram de forma positiva e os papéis sobem mais de 2%, por volta das 13h. Acompanhe o mercado ao vivo.

O processo de desinvestimento deve continuar nos próximos meses e o banco segue detendo uma fatia relevante do capital da companhia – mais de 440 milhões de ações. Nos últimos 12 meses, os papéis da empresa de proteína acumulam alta de 19,97%, aproveitando o bom momento do mercado de carne bovina nos Estados Unidos. 

Não são só as ações da JBS detidas pelo BNDES que estão na mira dos investidores. O mercado também aguarda ansioso a operação de venda de papéis da Petrobras (PETR4) que pode movimentar cerca de R$ 5 bilhões. 

Composição acionária da JBS antes do block trade realizado nesta manhã (20)

O que muda para a JBS?

Para uma parte dos analistas do mercado, a saída integral do BNDES do quadro de acionistas é positiva do ponto de vista da governança corporativa e deve trazer um movimento positivo para os papéis, como o já visto em outros desinvestimentos feitos pelo banco, como Vale (VALE3) e Suzano (SUZB3). 

Mas esse processo não deve ser visto de uma hora para a outra. Mesmo após a operação realizada nesta manhã, o BNDES ainda tem mais de 440 milhões de ações para serem vendidas. O processo deve seguir sendo diluído ao longo de 2022. 

Se a periodicidade que vem sendo empregada até o momento for mantida, o mercado deve ver uma operação a cada dois meses. Até lá, a expectativa é de que o mercado mantenha os papéis em patamares mais atrativos como ponto de entrada, à espera da movimentação do banco estatal. O final do processo pode destravar valor do ativo. 

Marcio Lórega, gerente de research do Pagbank, explica que o BNDES não tem interesse de colocar todos os blocos de uma vez à venda e impactar negativamente o mercado, mas os investidores tiram o pé sabendo que essa diluição deve ocorrer ao longo do ano. O analista reforça que o movimento de lateralização do papel já vem sendo consolidado desde o quarto trimestre de 2021.

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

App da Pi

Aplique de forma simples, transparente e segura

PORTFÓLIO DE BILHÕES

Aposta contra a Apple (AAPL34)? Veja as mudanças que Warren Buffett, Michael Burry e investidores de elite fizeram nas carteiras

Esses pesos-pesados do mercado financeiros tomaram decisões surpreendentes no primeiro trimestre; confira as mudanças mais significativas que eles fizeram no período

DO BRASIL PRO MUNDO

Guedes tem encontro com Escobari, da General Atlantic, e vai a jantar do BTG; confira a agenda do ministro em Davos

O banqueiro André Esteves, que em abril voltou ao comando do conselho do BTG Pactual, está participando do evento na Suíça

UMA TECH ATRAENTE

É hora da Locaweb? Saiba por que o Deutsche Bank vê ponto de entrada para as ações LWSA3

Banco alemão atualizou a recomendação para a empresa de neutra para compra e vê potencial de valorização de mais de 50% para os papéis

O QUE VEM POR AÍ

Ata do Fed e IPCA-15: confira a agenda de indicadores da semana aqui e lá fora

Nos Estados Unidos, a segunda prévia do PIB no primeiro trimestre também é destaque; na Europa, o PIB da Alemanha é o principal dado

CAMINHO DO MEIO

Menor rejeição e apoio interno no MDB dão vantagem a Simone Tebet; veja os rumos da senadora da terceira via

Maior desafio, segundo marqueteiros, é torná-la popular: 46% do eleitorado desconhece Simone Tebet, segundo pesquisas recentes

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies