A AÇÃO QUE ESTÁ REVOLUCIONANDO A INFRAESTRUTURA DO BRASIL E PODE SUBIR 50%. BAIXE UM MATERIAL GRATUITO

2022-06-28T17:56:11-03:00
Jasmine Olga
Jasmine Olga
É repórter do Seu Dinheiro. Formada em jornalismo pela Universidade de São Paulo (ECA-USP), já passou pelo Centro de Cidadania Fiscal (CCiF) e o setor de comunicação da Secretaria da Educação do Estado de São Paulo
COMPLICOU

Inflação e juros altos deixam Itaú BBA menos otimista e analistas cortam projeção para o Ibovespa; confira 10 ações para ficar de olho

Com o cenário incerto e a proximidade das eleições, o Itaú BBA reduziu de 115 mil para 110 mil a projeção para o fim de 2022 do Ibovespa

27 de junho de 2022
15:45 - atualizado às 17:56
inflação - perder dinheiro
Imagem: Shutterstock

Se no primeiro trimestre a forte entrada de investimento estrangeiro no país fez com que os principais bancos e corretoras revisassem para cima as suas projeções para o Ibovespa, a inflação persistente e a escalada de juros sem um horizonte nítido agora atuam como vilões e levam os analistas a darem um passo para trás. 

Nesta manhã, foi a vez do Itaú BBA se mostrar mais cauteloso com o cenário à frente – o banco reduziu de 115 mil pontos para 110 mil pontos a estimativa para o Ibovespa ao fim do ano, um potencial de alta de cerca de 10%. Acompanhe nossa cobertura de mercados.

Segundo os analistas da casa, a inflação segue forte, levando as taxas de juros a patamares elevados por mais tempo, o que é um ponto negativo para empresas de crescimento, cujo fluxo de caixa é fortemente impactado, e para o mercado de capitais, já que os recursos tendem a migrar para a renda fixa. 

Além disso, a eleição presidencial entrou de vez no radar dos investidores. As propostas recentes do governo de Jair Bolsonaro para elevar o valor do Auxílio Brasil e segurar a alta do preço dos combustíveis devem ter impactos na inflação e nas contas públicas, piorando as projeções. 

Com o cenário mais desafiador, o Itaú BBA disse estar com uma visão mais cautelosa com empresas que dependem mais da economia doméstica – como os setores de pagamentos, tecnologia, construtoras, saúde e varejo. Para os analistas, é hora de investir em empresas geradoras de caixa e que hoje se encontram com um preço de mercado atrativo, como é o caso das produtoras de commodities. 

Ibovespa: Mudando a chave

Para se enquadrar no cenário mais cauteloso à frente, o Itaú BBA fez duas mudanças no portfólio de empresas brasileiras que são boas opções de compra. Segundo a instituição, as alterações foram feitas de forma a reduzir a exposição à economia doméstica e aproveitar o bom momento das commodities. 

A performance operacional positiva da Suzano (SUZB3) não se reflete nos preços dos papéis, o que tornou o ativo atrativo. Enquanto isso, a Intelbrás deixou a lista após uma performance positiva, o que fez com que o banco aproveitasse o momento para reduzir a posição no papel.

A segunda alteração foi a retirada da Weg (WEGE3) e a adição da Gerdau (GGBR3). Segundo os analistas, o ativo não funcionou como uma defesa para o portfólio, apesar de continuar com fundamentos sólidos. No lugar da fabricante de motores, o banco incluiu a Gerdau, a principal opção dos especialistas dentro do setor de mineração e siderurgia, já que a exposição da companhia ao mercado norte-americano deve ser beneficiada pelos incentivos à infraestrutura. 

Confira a lista de apostas do Itaú BBA para o segundo semestre:

  • Banco do Brasil (BBAS3)
  • BTG Pactual (BPAC11)
  • Eletrobras (ELET3)
  • Engie (ENGI11)
  • Gerdau (GGBR4)
  • Multiplan (MULT3)
  • Petrobras (PETR4)
  • Suzano (SUZB3)
  • Totvs (TOTS3)
  • Vale (VALE3)
Comentários
Leia também
ENCRUZILHADA FINANCEIRA

Confissões de um investidor angustiado

Não vou mais me contentar com os ganhos ridículos que estou conseguindo hoje nas minhas aplicações. Bem que eu queria ter alguém extremamente qualificado – e sem conflito de interesses – para me ajudar a investir. Só que eu não tenho o patrimônio do Jorge Paulo Lemann. E agora?

NOITE CRIPTO

Bitcoin (BTC) sente pressão do Fed e recua na semana, enquanto ethereum (ETH) sustenta alta impulsionada pela “The Merge”; entenda

18 de agosto de 2022 - 20:25

O ethereum (ETH) vence a letargia do mercado hoje ainda impulsionado pela The Merge, atualização que, segundo analista, foi enfim “descoberta” pelo mercado

ELEIÇÕES 2022

Bolsonaro aparece no retrovisor de Lula, mas petista ainda pode levar no primeiro turno, segundo Datafolha

18 de agosto de 2022 - 20:00

Essa é a primeira pesquisa de intenção de voto divulgada após o início oficial da campanha presidencial, que começou há dois dias

REBATEU FAKE NEWS

“Estou meio acostumada a tomar paulada”: Luiza Trajano fala sobre política, empreendedorismo e os desafios do Magalu (MGLU3)

18 de agosto de 2022 - 19:13

A empresária rebateu alguns dos principais boatos que envolvem o seu nome e comentou as perspectivas do varejo no TAG Summit 2022

MAIS UM PASSO

Unindo os jalecos: acionistas do Fleury (FLRY3) e Hermes Pardini (PARD3) aprovam a fusão entre as companhias

18 de agosto de 2022 - 19:12

Os acionistas de Fleury (FLRY3) e Hermes Pardini (PARD3) deram aval para a junção dos negócios das companhias; veja os detalhes

o melhor do seu dinheiro

Ibovespa faz o dever de casa, o futuro das petroleiras e quem vai ficar com Congonhas; confira os destaques do dia

18 de agosto de 2022 - 18:40

Passado o grande evento da semana — a divulgação de ontem (17) da ata da última reunião do Federal Reserve — os investidores tiveram pouco com o que trabalhar nesta quinta-feira (18), levando as bolsas globais a mais um dia de muita volatilidade.  A cautela inicial em Nova York e a subida dos juros futuros […]

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies