O melhor time de jornalistas e analistas do Telegram! Inscreva-se agora e libere a sua vaga

2022-04-04T16:49:12-03:00
Jasmine Olga
Jasmine Olga
É repórter do Seu Dinheiro. Formada em jornalismo pela Universidade de São Paulo (ECA-USP), já passou pelo Centro de Cidadania Fiscal (CCiF) e o setor de comunicação da Secretaria da Educação do Estado de São Paulo
MERCADOS HOJE

Em dia de agenda fraca, dólar cai 1%, mas Ibovespa segue no vermelho e repercute atritos na Petrobras (PETR4)

A guerra no leste europeu segue como pano de fundo dos negócios e o Ibovespa começa a semana no vermelho

4 de abril de 2022
10:39 - atualizado às 16:49
Selo Mercados Urso Baixa
Imagem: Montagem Andrei Morais / Shutterstock

A segunda-feira (04) começa com uma dose extra de cautela, contrastando com o apetite por risco visto ao longo da semana passada no Ibovespa. 

A guerra na Ucrânia segue sendo o principal foco de tensão. O otimismo com um cessar-fogo fica mais distante diante da continuidade dos ataques por parte do exército russo. Assim, o petróleo volta a ganhar tração e sobe cerca de 3% no mercado internacional e os investidores temem novas sanções que podem afetar a economia global. Nesta manhã, o presidente americano, Joe Biden, voltou a defender que Putin seja julgado por crimes de guerra.

O impacto da alta da commodity é limitado no Brasil. Por aqui, as ações da Petrobras pesam sobre o índice após rumores de que Adriano Pires, indicado para assumir a estatal, desistiu do cargo.

Em dia de agenda fraca, as bolsas americanas apontam para um dia de ganhos, mas o Ibovespa não acompanha. Por volta das 16h, o principal índice da bolsa brasileira recua 0,15%, aos 121.388 pontos. O fluxo estrangeiro segue favorecendo o real e o dólar à vista tem queda de 1,17%, a R$ 4,6136. 

O tradicional boletim Focus não será divulgado nesta segunda-feira (04), impactado pela greve dos servidores do Banco Central. O documento é utilizado para balizar as expectativas de inflação, câmbio e juros. Hoje, os vencimentos mais curtos operam em alta, após uma semana de forte queda:

CÓDIGONOMEULT FEC 
DI1F23DI jan/2312,66%12,63%
DI1F25DI Jan/2511,15%11,13%
DI1F26DI Jan/2610,95%10,97%
DI1F27DI Jan/2710,92%10,95%
  • MUDANÇAS NO IR 2022: baixe o guia gratuito sobre o Imposto de Renda deste ano e evite problemas com a Receita Federal; basta clicar aqui

Petrobras: dúvidas por toda parte

A alta do petróleo pode ser combustível para que as ações da Petrobras fiquem no campo positivo, mas há uma série de  incertezas que podem prejudicar o desempenho das ações da estatal. 

Após ser indicado pelo governo federal para presidir o Conselho de Administração da Petrobras, Rodolfo Landim abriu mão do posto para permanecer apenas como chefe do Clube de Regatas do Flamengo. 

A decisão veio após o clube perder a final do campeonato carioca para o Fluminense. Na ocasião, Landim afirmou que o seu foco continuaria sendo o Flamengo. 

O temor do mercado é que Adriano Pires, o indicado para presidir a estatal após a demissão do general Joaquim Silva e Luna, também desista do cargo. Informações divulgadas pela imprensa agora pela manhã afirmam que Pires desistiu de assumir o comando da companhia. 

Embora a interferência do governo no comando da estatal seja considerada prejudicial, o nome foi considerado técnico pelo mercado financeiro.

Vai subir?

O setor bancário também pesa sobre o desempenho do Ibovespa nesta tarde, com a possibilidade de aumento da Contribuição Social sobre o Lucro Líquido (CSLL). Confira o desempenho dos principais bancos do Ibovespa:

CÓDIGONOMEULTVAR
SANB11Santander Brasil unitsR$ 36,34-1,49%
BBAS3Banco do Brasil ONR$ 34,37-0,89%
ITUB4Itaú Unibanco PNR$ 27,32-0,80%
BPAC11BTG Pactual unitsR$ 26,39-0,90%
BBDC4Bradesco PNR$ 21,87-0,43%
BBDC3Bradesco ONR$ 18,06-0,42%

Sobe e desce do Ibovespa

As ações da Petz lideram as altas do dia após a companhia após a XP Investimentos iniciar a cobertura do papel com uma recomendação de compra e o preço-alvo de R$ 26, um potencial de alta de até 35,8% com base no fechamento da última sexta-feira. 

A Totvs também aparece entre os destaques após anunciar a compra da Gesplan, empresa de soluções de planejamento e gestão financeira, por R$ 40 milhões.  como Confira as maiores altas do dia:

CÓDIGONOMEULTVAR
PETZ3Petz ONR$ 19,783,29%
TOTS3Totvs ONR$ 37,481,88%
IGTI11Iguatemi ONR$ 22,101,84%
USIM5Usiminas PNAR$ 14,001,67%
CMIN3CSN Mineração ONR$ 6,221,63%

Confira também as maiores quedas do dia:

CÓDIGONOMEULTVAR
VIIA3Via ONR$ 4,17-3,70%
QUAL3Qualicorp ONR$ 16,61-2,12%
MGLU3Magazine Luiza ONR$ 7,18-2,31%
TIMS3Tim ONR$ 14,18-1,80%
CMIG4Cemig PNR$ 15,01-1,70%
Comentários
Leia também
ENCRUZILHADA FINANCEIRA

Confissões de um investidor angustiado

Não vou mais me contentar com os ganhos ridículos que estou conseguindo hoje nas minhas aplicações. Bem que eu queria ter alguém extremamente qualificado – e sem conflito de interesses – para me ajudar a investir. Só que eu não tenho o patrimônio do Jorge Paulo Lemann. E agora?

PORTFÓLIO DE BILHÕES

Aposta contra a Apple (AAPL34)? Veja as mudanças que Warren Buffett, Michael Burry e investidores de elite fizeram nas carteiras

Esses pesos-pesados do mercado financeiros tomaram decisões surpreendentes no primeiro trimestre; confira as mudanças mais significativas que eles fizeram no período

DO BRASIL PRO MUNDO

Guedes tem encontro com Escobari, da General Atlantic, e vai a jantar do BTG; confira a agenda do ministro em Davos

O banqueiro André Esteves, que em abril voltou ao comando do conselho do BTG Pactual, está participando do evento na Suíça

UMA TECH ATRAENTE

É hora da Locaweb? Saiba por que o Deutsche Bank vê ponto de entrada para as ações LWSA3

Banco alemão atualizou a recomendação para a empresa de neutra para compra e vê potencial de valorização de mais de 50% para os papéis

O QUE VEM POR AÍ

Ata do Fed e IPCA-15: confira a agenda de indicadores da semana aqui e lá fora

Nos Estados Unidos, a segunda prévia do PIB no primeiro trimestre também é destaque; na Europa, o PIB da Alemanha é o principal dado

CAMINHO DO MEIO

Menor rejeição e apoio interno no MDB dão vantagem a Simone Tebet; veja os rumos da senadora da terceira via

Maior desafio, segundo marqueteiros, é torná-la popular: 46% do eleitorado desconhece Simone Tebet, segundo pesquisas recentes

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies