🔴 3 ações para LUCRAR com a SELIC em alta: clique aqui e descubra quais são

2022-02-25T17:39:29-03:00
Jasmine Olga
Jasmine Olga
É repórter do Seu Dinheiro. Formada em jornalismo pela Universidade de São Paulo (ECA-USP), já passou pelo Centro de Cidadania Fiscal (CCiF) e o setor de comunicação da Secretaria da Educação do Estado de São Paulo
MERCADOS HOJE

Rússia e Ucrânia flertam com diálogo, mas Ibovespa tem dose extra de cautela antes do feriado; dólar sobe mais de 1%

As bolsas internacionais mostram maior apetite por risco, mas o Ibovespa segue no vermelho, antecipando a pausa para o carnaval

25 de fevereiro de 2022
10:35 - atualizado às 17:39
PROTECAOcarnaval

Rússia e Ucrânia começaram a sexta-feira (25) dispostas a retomar o diálogo para resolver a crise que se instalou no leste europeu. A perspectiva de que o conflito armado pode ter vida curta anima os índices em Nova York, mas tem efeito limitado sobre o Ibovespa. 

Por aqui, a sexta-feira de carnaval tem gostinho de quarta-feira de Cinzas. Embora a pandemia siga limitando as celebrações carnavalescas, o investidor brasileiro tem quatro dias de folga na B3 e, diante de um cenário tão conturbado, nunca se sabe o que pode acontecer neste período. 

Assim, uma cautela extra toma conta da bolsa loca, mas os investidores ainda possuem um pouco de fôlego para acompanhar o bom humor internacional. Por volta das 17h20, o Ibovespa operava em alta de 0,44%, aos 112.088 pontos. O dólar à vista reflete com mais força a cautela pré feriado e fechou o dia em alta de 0,99%, a R$ 5,1557.

As sanções americanas anunciadas ontem parecem não ter minado o humor dos investidores russos e os índices locais avançam mais de 20% nesta sexta-feira.

Hora de conversar?

Ao mesmo tempo que diversas agências de notícias relatam a aproximação dos militares russos de Kiev, capital da Ucrânia, os governos dos dois países mostram disposição para retomar as negociações por meio do diálogo. 

Segundo informações da Reuters, a Ucrânia estaria disposta a adotar um status neutro dentro da Organização do Tratado do Atlântico Norte (Otan) para conter o avanço russo. O Kremlin se mostrou favorável ao envio de uma delegação diplomática para negociar. 

Sobe e desce do Ibovespa

Com o clima mais ameno no exterior, os balanços corporativos movimentam as maiores altas e baixas do dia. Confira as maiores altas do dia:

CÓDIGONOMEULTVAR
WEGE3Weg ONR$ 29,641,09%
PCAR3GPA ONR$ 23,081,05%
HYPE3Hypera ONR$ 32,931,04%
CSNA3CSN ONR$ 23,710,89%
BPAC11BTG Pactual unitsR$ 25,860,78%

No caso do IRB, o mercado mais uma vez se decepcionou com os números apresentados. Confira também as maiores quedas:

CÓDIGONOMEULTVAR
IRBR3IRB ONR$ 3,01-4,75%
CIEL3Cielo ONR$ 2,59-2,26%
AMER3Americanas S.AR$ 29,52-2,25%
CCRO3CCR ONR$ 12,19-1,77%
JBSS3JBS ONR$ 35,90-1,64%
Comentários
Leia também
DINHEIRO QUE PINGA NA SUA CONTA

Uma renda fixa pra chamar de sua

Dá para ter acesso a produtos melhores do que encontro no meu banco? (Spoiler: sim).

FECHAMENTO DO DIA

Ibovespa despenca mais de 11% e tem o pior mês desde março de 2020; dólar sobe a R$ 5,23

O início do aperto monetário do Federal Reserve levou os ativos globais a ter um semestre para esquecer – e o Ibovespa não escapou disso

Proventos

Dividendos: Rede D’Or (RDOR3) e Raia Drogasil (RADL3) vão distribuir quase R$ 300 milhões em juros sobre capital próprio; veja detalhes

Pagamento de nova leva de proventos aos acionistas está previsto para o dia 16 de julho, no caso da Rede D’Or

ALTAS E BAIXAS

Destaques da bolsa: Fleury (FLRY3) e Hermes Pardini (PARD3) disparam com fusão; TC (TRAD3) e Light (LIGT3) despencam

A nova consolidação no setor de saúde mexeu com o segmento nesta quinta; a renúncia do CEO da Light pesou sobre as ações da empresa

FECHAMENTO DO DIA

Banho de sangue lava Wall Street e S&P 500 tem o pior semestre em mais de 50 anos; saiba o que aconteceu

O combo de péssimas notícias também fez o S&P 500 e o Dow Jones terem o pior período de três meses desde o primeiro trimestre de 2020, marcado pelo auge da pandemia de covid-19

PETRÓLEO EM QUEDA

Seguindo os planos: Opep+ vai produzir 648 mil barris a mais por dia em agosto

O grupo manteve a decisão de elevar a produção de petróleo entre julho e agosto; a Opep+ tem realizado sucessivos aumentos para conter a alta dos preços dos combustíveis no mercado internacional

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies